⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2019-10-25T11:20:33-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Balanço

Título atrelado à Selic é o mais comprado no Tesouro Direto, mesmo com juro em queda

Setembro teve venda de R$ 1,9 bilhão e pouco mais da metade foi para LFT, que rendeu 0,4%. Tesouro IPCA 2045 foi o mais rentável

25 de outubro de 2019
11:20
Baú de tesouro com moedas e bússola
Imagem: PaulPaladin/Shutterstock

Depois um resgate líquido em agosto, as compras voltaram a superar os resgates dentro do Tesouro Direto, programa que permite a compra de títulos da dívida pública pela internet. Interessante que a demanda seguiu concentrada nos papéis atrelados à Selic, apesar da trajetória de queda da taxa básica de juros, que encerrou setembro em 5,5% e deve cair a 5% já na próxima semana.

As vendas totais no mês foram de R$ 1,923 bilhão, e pouco mais da metade ficou com o Tesouro Selic (LFT). Os títulos atrelados à inflação corresponderam a 30,5% e os prefixados pelos 19,2% restantes. Descontando os resgates de R$ 1,620 bilhão, o mês terminou com emissão líquida de R$ 302 milhões, valor que pode ser considerado baixo.

Essa preferencia dos investidores pelo título atrelado à Selic vai na contramão da recomendação dos gestores e demais especialistas, que enxergam valor nos títulos de longo prazo atrelados ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), as famosas NTN-Bs, apesar da forte valorização já vista no ano e nos últimos 12 meses.

Em setembro, o título mais rentável foi o Tesouro IPCA 2045, com retorno de 4,39%. No ano, o título já valorizou 53% e em 12 meses, o ganho é de impressionantes 96,28%. O Tesouro Selic, em setembro, retornou 0,41%.

Olhando o estoque, no entanto, temos que os ativos atrelados a índice de preços representam 47,9% dos R$ 58,8 bilhões. As LFTs aparecem na sequência, com 34,3% e, por fim, os títulos prefixados, com 17,8%.

Por prazo, 50,1% dos títulos vencem entre um e cinco anos. Os títulos com prazo entre 5 e 10 anos correspondem a 25,9% e aqueles com vencimento acima de 10 anos, a 20,3%.

Ainda não sabe usar o Tesouro Direto? Baixe aqui nosso guia completo de como ganhar dinheiro com essa aplicação.

Investidores

Em setembro, o Tesouro Direto bateu a marca de 5 milhões de investidores cadastrados, um crescimento de 88% em 12 meses. O número de investidores ativos, aqueles que têm aplicação, subiu a 1,152 milhão, com 21.961 novos participantes.

No ano, já são 365.701 novos investidores ativos, contra os 220.560 registrados em todo o ano passado. Depois de um movimento de redução de taxas por grandes bancos e corretoras, o Tesouro Direto teve um salto de novos usuários no começo do ano, com média de 55 mil usuários ativos por mês entre janeiro e abril.

 

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

SEGUNDA-FEIRA AGITADA

PetroRio (PRIO3) caminha na aquisição da Dommo (DMMO3), de Eike Batista, e anuncia recompra de ações

3 de outubro de 2022 - 11:48

Petroleira deu mais um passo em direção à conclusão do processo de aquisição da Dommo e aprovou a incorporação das ações DMMO3, com duas opções de substituição para os papéis

O DIA DEPOIS

Bolsonaro mais forte no segundo turno anima o mercado, mas é a eleição de um Congresso mais reformista que embala os ativos nesta segunda-feira

3 de outubro de 2022 - 11:35

Na percepção do mercado, o presidente Jair Bolsonaro sai mais forte da disputa, mas é no Congresso que mora as chances de uma agenda reformista e permanência do teto de gastos

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Veja como a imprensa internacional repercutiu o resultado da eleição

3 de outubro de 2022 - 10:35

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

ELEIÇÕES 2022

Um teste para a democracia brasileira: Veja como a imprensa estrangeira está repercutindo o resultado da eleição

3 de outubro de 2022 - 10:29

Jornais, sites e revistas chamam a atenção para o desempenho melhor que o previsto pelas pesquisas do presidente Jair Bolsonaro

CAUTELA GLOBAL

Ativos de risco em xeque: bitcoin (BTC) sustenta patamar de US$ 19 mil, mas não empolga com dados esperados da semana; criptomoedas não saem do bear market

3 de outubro de 2022 - 10:00

Correndo o risco de parecer brutalmente realista, pouco se pode esperar de qualquer mudança no cenário daqui para frente

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies