Menu
2019-11-25T15:15:19-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Balanço

Investidor demanda LFT no Tesouro Direto, mesmo com Selic em queda

Papel atrelado à Selic é o mais demandado pelo quinto mês seguido. Em outubro, Tesouro Selic rendeu 0,43%, enquanto Tesouro IPCA 2045 teve alta de 8,52%

25 de novembro de 2019
15:15
Baú de tesouro com moedas e bússola
Imagem: PaulPaladin/Shutterstock

Outubro terminou com uma magra captação líquida de R$ 49 milhões pelo Tesouro Direto, sistema que permite a negociação de títulos públicos pela internet. E repetindo o comportamento dos últimos cinco meses, a demanda seguiu concentrada nos papéis atrelados à Selic, apesar da trajetória de queda da taxa básica de juros, que encerrou outubro em 5% e deve cair a 4,5% até o fim de 2019.

As vendas totais no mês foram de R$ 1,992 bilhão, enquanto os resgates totalizaram R$ 1,943 bilhão. Das vendas, R$ 847 milhões, ou 42,5%, ficaram concentrados no Tesouro Selic (LFT). Na sequência ficaram os papéis atrelados à inflação (38,4%) e os prefixados (19,1%).

Ao longo do mês foram realizadas 449.817 operações de venda de títulos a investidores. Segundo o Tesouro, a utilização do programa por pequenos investidores pode ser observada pelo considerável número de vendas até R$ 5 mil que correspondeu a 87,3% do total. O valor médio por operação foi de R$ 4.429,71.

Ainda não sabe usar o Tesouro Direto? Baixe aqui nosso guia completo de como ganhar dinheiro com essa aplicação.

Rentabilidades

No mês, o papel mais rentável foi o Tesouro IPCA+ 2045, que registrou variação de 8,52%. O Tesouro Selic rendeu 0,43%. Em 12 meses, destaque também para o Tesouro IPCA+ 2045, com alta de 78,11%.

Olhando o estoque, temos que os ativos atrelados a índice de preços representam 48,2% dos R$ 59,2 bilhões. As LFTs aparecem na sequência, com 33,8% e, por fim, os títulos prefixados, com 18,1%.

Investidores

Em outubro, 19.397 novos investidores operam via Tesouro Direto, elevando o saldo de investidores ativos para 1,171 milhão. Crescimento de 61,8% em 12 meses.

Já o número de pessoas cadastradas cresceu em 236.886 no mês, para 5,238 milhões, um aumento de 86% em 12 meses.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Orçamento em foco

Presidente da Câmara defende a desvinculação total do orçamento

Arthur Lira (PP-AL) rejeita tese segundo a qual desvinculação deixaria setores essenciais sem recursos

Liminar

Tribunal de Contas de São Paulo suspende leilão de linhas da CPTM

Leilão estava previsto para a próxima terça-feira

Contra a pandemia

Câmara dos EUA aprova pacote de US$ 1,9 trilhão

Projeto de lei segue agora para o Senado

IPO registrado

Rio Branco Alimentos protocola pedido de registro de oferta pública de ações

Oferta será primária e terá como coordenador-líder o Citi, além da coordenação do Bank of America Merril Lynch e do BTG Pactual

Boleto salgado

Aneel mantém bandeira amarela em março; conta de luz continua com taxa adicional

É o terceiro mês consecutivo que o órgão regulador aciona bandeira neste patamar

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies