A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2019-10-14T14:12:01-03:00
Estadão Conteúdo
Cadê o dinheiro?

Em ofício a Guedes, Moro diz que corte de 32% em Ministério inviabiliza serviços

Ministro diz que para evitar “prejuízos à missão institucional” é preciso um acréscimo de pelo menos R$ 3,71 bilhões

26 de agosto de 2019
18:37 - atualizado às 14:12
Sergio Moro
Ministro Sergio Moro - Imagem: Marcos Corrêa/PR

O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sergio Moro, pediu ao Ministério da Economia expansão de seu orçamento para 2020, sob o risco de, se não for atendido, inviabilizar as políticas da pasta e entrar em "alarmante cenário".

Segundo o ministro, o orçamento proposto pela equipe econômica, R$ 2,61 bilhões, representa um corte de 32% sobre o valor autorizado para 2019. Moro argumenta que para evitar "prejuízos à missão institucional" de seu ministério é preciso um acréscimo considerável a este valor: pelo menos R$ 3,71 bilhões.

"Embora compreenda os problemas decorrentes dos ajustes do teto de gastos, informo, respeitosamente, que o referencial monetário apresentado representa significa redução no orçamento deste Ministério, resultando em alarmante cenário de inviabilização de políticas públicas de segurança, cidadania e justiça essenciais para a sociedade brasileira", diz um dos ofícios enviados ao Ministério da Economia.

Segundo Moro, o orçamento proposto irá prejudicar ações de todos os serviços ligados ao ministério, como operações da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, mobilização da Força Nacional de Segurança Pública, emissão de passaporte, além de ações de combate ao tráfico ao crime organizado, à corrupção e à lavagem de dinheiro.

Em levantamento feito em julho no ministério de Moro, registrado em um dos ofícios, há pedidos para mais de quintuplicar o orçamento de órgãos ligados a pasta, como a Força Nacional de Segurança Pública, que passaria de R$ 417,9 milhões, propostos pelo governo, para R$ 2,304 bilhões.

Em casos como o da PF, o MJSP pede mais R$ 311 milhões sobre o R$ 1,153 bilhão previsto. No mesmo documento, Moro afirma que um orçamento reduzido causará "inadiável corte nas ações de segurança pública, acarretando riscos a ações estratégicas e fundamentais para a missão institucional do Ministério".

As queixas de Moro foram registradas em três ofícios enviados em 21 de agosto ao ministério comandado por Paulo Guedes e fazem parte de negociações no governo para a elaboração do Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) de 2020. O texto será enviado ao Congresso até o dia 31 de agosto.

A informação foi publicada pelo jornal O Globo e confirmada pelo Estado. A tramitação do processo na Economia indica que ainda não houve resposta ao ministro da Justiça e da Segurança Pública.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

BOMBOU NAS REDES

Adeus, Nubank: após causar a ira de clientes e com “saída” de Anitta, roxinho deve dar prejuízo de novo — analista revela ação de “bancão” barata que vence a fintech

15 de agosto de 2022 - 12:45

Depois de a NuConta virar quase uma poupança e Anitta ‘abandonar’ o conselho, o Nubank deve reportar mais um trimestre de prejuízo; veja o que esperar e qual é o bancão que pode colocar o roxinho para comer poeira

BAIXOU DE NOVO

Petrobras (PETR4) corta preço da gasolina em 5% — saiba para quanto vai e quando a redução chega nas bombas

15 de agosto de 2022 - 12:43

Segundo a estatal, a redução acompanha a evolução dos preços de referência e é coerente com a prática de preços da companhia, que busca o equilíbrio dos seus valores com o mercado global

EXILE ON WALL STREET

É melhor investir em bolsa ou em renda fixa durante o atual momento dos mercados financeiros?

15 de agosto de 2022 - 12:39

A resposta continuará sendo uma carteira devidamente diversificada, com proteções e sob a âncora de valuations suficientemente descontados

SEM VAPOR

Bitcoin (BTC) perde força mas mantém patamar de US$ 24 mil; Shiba Inu (SHIB) dispara 27% na semana em meio a rali das criptomoedas

15 de agosto de 2022 - 12:20

O destaque da semana vai para as memecois, as criptomoedas nascidas de piadas da internet; veja mais

AS FAVORITAS

Briga do varejo: Qual é a melhor ação de atacadista para ter na carteira? A XP escolheu a dedo os papéis; confira

15 de agosto de 2022 - 11:49

O forte resultado do Grupo Mateus (GMAT3) no 2T22 garantiu ao atacadista um convite para juntar-se ao Assaí (ASAI3) na lista de varejistas de alimentos favoritas dos analistas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies