Menu
2019-05-20T11:43:51-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Próxima reforma no radar

No Twitter, Bolsonaro diz que governo pretende apresentar proposta de reforma Tributária após Previdência

Enquanto a proposta na Câmara defende a criação de um novo tributo de bens e serviços, com a unificação de impostos federais, estaduais e municipais, a proposta do governo deve focar somente nos impostos federais

20 de maio de 2019
11:29 - atualizado às 11:43
Jair Bolsonaro, presidente da república
Imagem: Isac Nóbrega/PR

Enquanto a reforma da Previdência ainda caminha no Congresso, o presidente Jair Bolsonaro já pensa nos próximos passos do governo.  Nesta segunda-feira (20), o presidente Bolsonaro utilizou sua conta oficial no Twitter para declarar que sua gestão pretende apresentar uma proposta de Reforma Tributária após a tramitação da Previdência.

O presidente aproveitou para destacar que a aprovação da Nova Previdência permitirá que o governo destrave a agenda de reformas programadas.

Enquanto o governo ainda ensaia um texto de reforma Tributária, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara pode votar ainda nesta semana a proposta apresentada pelo deputado Baleia Rossi (MDB-SP). O texto é baseado nas ideias do economista Bernard Appy, do Centro de Cidadania Fiscal (CCiF).

A proposta hoje em discussão na Câmara defende a criação de um novo tributo de bens e serviços, com a unificação de impostos federais, estaduais e municipais. Conforme declarações já feitas pelo ministro da Economia Paulo Guedes, a proposta do governo deve focar somente em mudanças nos impostos federais.

 

 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

FECHAMENTO DA SEMANA

Juros futuros são grandes protagonistas da semana e ainda prometem mais emoção; dólar recua 1% e bolsa fica no vermelho

Com Copom duro e a sinalização de uma possível elevação nas taxas de juros nos EUA, os principais contratos de DI dispararam. Na semana, o dólar recuou com o forte fluxo estrangeiro e a bolsa seguiu o ritmo das commodities (mais uma vez)

Calendário completo

Banco Central: veja as datas das reuniões do Copom em 2022

O Copom é o órgão do BC responsável por definir, a cada 45 dias, a taxa básica de juros da economia brasileira

na agenda

BOVX11, ETF atrelado ao Ibovespa, chega ao mercado nesta segunda por R$ 13

Produto é o sétimo ETF lançado pela XP nos últimos sete meses, família de fundos que supera R$ 1,1 bilhão de patrimônio; fundo é considerado uma forma prática de diversificar carteira

matriz energética

ANP autoriza Petrobras a vender óleo fora de especificação para térmica operar

Comercialização será para as usinas Termelétricas Geramar, localizadas no município de Miranda do Norte, no Maranhão; Unidade faz parte do plano de contingência da matriz energética brasileira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies