Você pode ter uma renda semanal de até 500 dólares na sua conta; descubra como aqui

Cotações por TradingView
2019-03-18T06:36:13-03:00
Estadão Conteúdo
Alô, alô previdência

Governo pode antecipar envio da aposentadoria de militares, diz delegado Waldir

Inicialmente, o governo havia prometido enviar o texto no dia 20, quarta-feira. Mas os deputados preferem que ele chegue à Câmara um dia antes, quando a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) se reunirá pela primeira vez nesta legislatura e dará início à tramitação da proposta da reforma da Previdência

18 de março de 2019
6:35 - atualizado às 6:36
Militares
Militares - Imagem: Shutterstock

O líder do PSL na Câmara, delegado Waldir (GO), afirmou neste domingo, 17, que a equipe econômica do governo pode antecipar o envio ao Congresso do projeto de lei que reformula a aposentadoria dos militares para terça-feira, 19. "Essa antecipação atenderia a uma reivindicação dos líderes partidários, por isso pedimos ao Rogério Marinho, secretário especial de Previdência e Trabalho, para que antecipasse o envio", disse Waldir ao Broadcast Político, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado. De acordo com ele, no entanto, o secretário não garantiu que poderá cumprir o pedido.

Inicialmente, o governo havia prometido enviar o texto no dia 20, quarta-feira. Mas os deputados preferem que ele chegue à Câmara um dia antes, quando a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) se reunirá pela primeira vez nesta legislatura e dará início à tramitação da proposta da reforma da Previdência.

Waldir voltou a criticar o governo por não ter enviado o projeto dos militares no mesmo dia em que a proposta da reforma foi levada ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro, em 20 de fevereiro, o que gerou críticas de parlamentares, que viram a decisão com desconfiança. "O governo deu uma vacilada, por isso é importante que o texto dos militares chegue ao Congresso para a gente poder analisar toda a reforma da Previdência", disse.

Hoje pela manhã, Bolsonaro afirmou por meio das suas redes sociais que não recebeu ainda a versão do projeto dos militares. Em sua conta no Facebook, ele disse ainda que, "possíveis benefícios, ou sacrifícios, serão divididos entre todos, sem distinção de postos ou graduações". A fala ocorreu após informações, na última semana, de que o texto foi entregue pelo Ministério da Defesa ao da Economia. O projeto ainda passaria por uma avaliação do corpo técnico da área econômica.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Repercussão do resultado

Itaú (ITUB4) acertou em provisionar 100% da exposição à Americanas, dizem analistas; ações disparam na bolsa

8 de fevereiro de 2023 - 12:56

Ao se prevenir totalmente de calote da Americanas no balanço do 4T22, Itaú evita que efeito contamine resultados de 2023

CORRIDA PLATINUM

Uber supera expectativas no 4º trimestre e encerra 2022 com balanço 5 estrelas; ações disparam nas bolsas

8 de fevereiro de 2023 - 12:09

A empresa encerrou os últimos três meses do ano passado com um lucro líquido de US$ 595 milhões, contrariando as expectativas de prejuízo dos analistas

VESPEIRO POLÍTICO

CEO do Itaú (ITUB4) fala sobre disputa entre Lula e presidente do BC: “é do jogo”

8 de fevereiro de 2023 - 11:44

Milton Maluhy, CEO do Itaú, vê a equipe do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, “na direção correta”, mas defende definição rápida da meta de inflação

TEMPOS DIFÍCEIS

Entenda o que está acontecendo com a Marisa (AMAR3) após a renúncia do presidente e alerta financeiro — ações caem mais de 5% na B3

8 de fevereiro de 2023 - 11:12

A Marisa (AMAR3) não detalhou quais as suas dificuldades financeiras que demandam melhorias na estrutura de capital

NOVIDADE BEM RECEBIDA

Tesouro Renda+ Aposentadoria Extra movimenta mais de R$ 60 milhões na primeira semana de negociação

8 de fevereiro de 2023 - 11:07

O título mais negociado foi o Tesouro Renda+ Aposentadoria Extra 2030, representando 40,12% do total (24 milhões). Quase 8 mil pessoas negociaram os títulos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies