Menu
2019-04-05T14:48:32-03:00
Material educativo

Governo faz “cartilha de bolso” sobre Nova Previdência

Material para deputados e senadores explica de forma breve os principais pontos da reforma, como idade mínima, transição e o benefício de prestação continuada (BCP)

26 de fevereiro de 2019
12:41 - atualizado às 14:48
Previdência Social,Reforma da Previdência

O governo produziu uma "cartilha de bolso" sobre a Nova Previdência e começou a distribuir o material hoje para deputados e senadores.

O material compacto tem sete páginas e traz na capa o slogan: "Nova Previdência é para todos. É melhor para o Brasil".

Na parte interna, traz comentários breves sobre os principais pontos da reforma, como idade mínima, transição e o benefício de prestação continuada (BPC).

"A Nova Previdência vai combater privilégios. Todos vão ter de seguir novas regras. Servidores públicos, militares e políticos, assim como todos os brasileiros, terão de se adaptar para garantir o equilíbrio do sistema previdenciário e o futuro do nosso país", diz a cartilha.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Tensão nos mercados

Mau humor: Ibovespa cai em meio à cautela com dados da China e recuperação na Europa

O Ibovespa abriu no campo negativo, fazendo coro ao tom visto nos demais mercados globais. Incertezas ligadas à economia da China e da Europa, somadas às tensões domésticas, trazem cautela aos investidores

decisão em meio à crise

BCE mantém política monetária inalterada, mas fala em ‘ajustar seus instrumentos’

Principais taxas de juros do BCE, a de refinanciamento e a de depósitos, permaneceram em 0% e -0,50%, respectivamente

retomada

Exportações na zona do euro sobem 7,9% em maio; importações avançam 3,2%

Avanços vieram após tanto as exportações quanto as importações do bloco sofrerem quedas históricas em abril ante março, com o impacto da pandemia

resposta aos investidores

Decreto proíbe queima controlada na Amazônia e no Pantanal por 120 dias

Trata-se da chamada “moratória do fogo”, que já havia sido anunciada pelo vice-presidente e pelo ministro do Meio Ambiente como uma das respostas à pressão de empresas e investidores por providências para frear o avanço do desmatamento

retomada

Após tombo histórico, PIB da China cresce 3,2% no 2º trimestre

Resultado veio melhor do que a mediana das projeções coletadas pelo jornal The Wall Street Journal junto a economistas, de alta de 2,6%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements