⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula e Bolsonaro querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2019-10-31T06:49:48-03:00
Estadão Conteúdo
projeto novo

Governo encaminha proposta de aposentadoria especial por periculosidade

Secretário de Previdência e Trabalho disse que a ideia é diminuir os processos judiciais pelos quais os trabalhadores conseguem obter pagamentos do INSS

31 de outubro de 2019
6:48 - atualizado às 6:49
trabalhadores alta voltagem
Texto define as situações em que certas categorias de trabalhadores terão direito a aposentadoria especial por exposição a agentes nocivos, entre elas, mineiros de subsolo, vigilantes armados e eletricitários que trabalharam em redes de alta tensão. Imagem: Shutterstock

O governo Jair Bolsonaro encaminhou nesta quarta-feira, dia 30, ao Senado um projeto de lei complementar que regulamenta as condições de aposentadoria especial por periculosidade para trabalhadores expostos a agentes nocivos. A entrega do texto proposto pelo governo era uma condição acordada os senadores para a promulgação da reforma da Previdência.

Aliados do governo esperam que a projeto seja votado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e no plenário em uma semana, liberando a promulgação da PEC (proposta de emenda à Constituição) da Previdência pelo presidente Davi Alcolumbre (DEM-AP).

"Estamos cumprindo o nosso acordo. Entregamos o texto, e o Senado certamente vai dar celeridade", disse o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, sem detalhar a proposta governista, que, conforme previsto, será assinado e apresentado formalmente pelo senador Eduardo Braga (MDB-AM).

Marinho não quis dar uma estimativa de valores de impacto do projeto. Ele disse que a ideia é diminuir os processos judiciais pelos quais os trabalhadores conseguem obter pagamentos do INSS.

"Espero que o impacto seja positivo, porque hoje mais de 70% das aposentadorias (especiais) são dadas em função de judicialização. Nós já estabelecemos na PEC que a categoria não incide para fins de aposentadoria e agora com o projeto deixamos claro quais são as condições que os agentes nocivos impactam na atividade laboral. Isso vai dirimir questões judiciais, deixar mais claro, e vai ser bom para quem exerce de verdade essa atividade e bom para a Previdência para evitar esse vácuo judicial."

O texto proposto pelo Ministério da Economia define as situações em que certas categorias de trabalhadores terão direito a aposentadoria especial por exposição a agentes nocivos, entre elas, mineiros de subsolo, vigilantes armados e eletricitários que trabalharam em redes de alta tensão. "A periculosidade se dá pelo exercício da atividade e não em função da categoria", disse Marinho.

O governo fez um acordo para que o texto a ser divulgado nesta quinta-feira seja relatado pelo senador Esperidião Amin (PP-SC). "O texto será conhecido no dia de amanhã. O senador Amin, como relator, vai ouvir todas as lideranças para construir um texto final que possa merecer aprovação dos membros do Senado Federal", afirmou o líder do governo, senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

Segundo Bezerra, para a promulgação da PEC da reforma o governo Bolsonaro assumiu o compromisso de apresentar o projeto e levar à votação no Senado, independente do ritmo de deliberação posterior na Câmara dos Deputados. "O compromisso é a deliberação no Senado, o governo apresentar a proposta e haver apreciação pela CCJ. Quem vai definir a data da promulgação da reforma é o senador Davi Alcolumbre. Ele me pediu para acelerar as tratativas no sentido de o projeto de lei complementar estar equacionado antes da promulgação", disse Bezerra.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

MERCADO EM 5 MINUTOS

Mercado em 5 Minutos: Os investidores não podem ser ansiosos (mas invariavelmente são)

5 de outubro de 2022 - 9:31

No Brasil, o contexto eleitoral é central e vem fazendo preço desde antes do primeiro turno, repercutindo bem sobre o mercado pela composição legislativa a partir de 2023

ELEIÇÕES 2022

Apoio do governador de SP a Bolsonaro abre nova crise no PSDB

5 de outubro de 2022 - 9:24

Quatro secretários do governo de São Paulo podem pedir demissão após Rodrigo Garcia (PSDB) declarar apoio a Jair Bolsonaro nas eleições presidenciais

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa futuro abre em queda e acompanha aversão ao risco do exterior; dólar sobe

5 de outubro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam sem direção definida nesta quarta-feira (5). Com a agenda esvaziada, os investidores aguardam a decisão da Opep+, com a expectativa de corte na produção de petróleo, e devolvem os ganhos do início da semana. No cenário doméstico, sem grandes destaques, o Ibovespa deve acompanhar o desempenho do exterior. […]

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Confira as agendas de campanha de Lula e Bolsonaro nesta quarta-feira

5 de outubro de 2022 - 8:36

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Day trade na B3: Oportunidade de lucro acima de 4% com ações da Embraer (EMBR3); confira a recomendação

5 de outubro de 2022 - 8:22

Identifiquei uma oportunidade de swing trade baseada na análise quant – compra dos papéis da Embraer (EMBR3). Saiba os detalhes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies