🔴 AS BIG TECHS ESTÃO ‘SUGANDO’ DINHEIRO DA BOLSA BRASILEIRA? – VEJA COMO SE PROTEGER

Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Ruído x Sinal

Esqueça o ‘Lula livre’, isso não faz preço nos mercados

Ex-presidente não tem força para barrar “revolução silenciosa” que acontece na economia e na estrutura de Estado

Eduardo Campos
Eduardo Campos
8 de novembro de 2019
10:47
Ex-presidente Lula - Imagem: Shutterstock

Quando o Supremo Tribunal Federal (STF) começou a julgar a questão da prisão após condenação em segunda instância convidei o leitor a fazer uma leitura pragmática do que estava em jogo. Não importa o que você e eu achamos do STF e do "Lula livre" ou preso, mas sim se o evento vai doer no nosso bolso. A avaliação final foi um não, Lula não faz preço no curto prazo. E isso segue válido, agora que o “boato virou fato”.

Indo direto ao ponto, Lula e o PT não têm força para barrar a “revolução silenciosa” que está em marcha na economia e na estrutura de Estado. Sim, as ditas “oposições” ou “progressistas” vão tentar, vão gritar, fazer barulho e espernear para conservar tudo como sempre foi. Mas é só isso, barulho, ruído.

Como bem disse meu amigo gringo, o “Lula é o passado, ele não terá seu poder de volta”. Ou ainda como falou um economista amigo meu: “Lula é ruído de geladeira velha, passa. O espectro é mais amplo”.

Reforçando o que já dissemos anteriormente, o que importa para o investidor daqui e de fora é o crescimento econômico e o lucro das empresas. E o que está se desenhando, mesmo que de forma lenta, é uma retomada da atividade, com menor presença do Estado e maior participação do setor privado, em um ambiente de inflação baixa e juro cadente.

Seria crível acreditar que Lula livre colocaria todo esse movimento por terra? Faz sentido acreditar nisso? O ponto aqui é questionar o seguinte: não estaríamos dando peso ou importância demasiada para personagens e eventos “menores”? Isso vale para outros eventos da esfera política também, não só para o STF.

Será que o Congresso vai abandonar a agenda de reformas que finalmente busca nos tirar da perversa lógica que rege o país desde o Império, de arrecadar o máximo possível para pagar “direitos adquiridos” da fidalguia pública e privada? O dito "centrão" vai abraçar Lula? Além disso, a população aceitaria calmamente o avanço do retrocesso?

Para variar temos mais dúvidas que certezas, mas a questão, do ponto de vista do nosso bolso, dos investimentos, continua sendo muito ruído para pouco fato. A coisa só muda de figura se a economia não reagir, abrindo espaço para um desfecho argentino nas eleição de 2022.

Compartilhe

VOTO ÚTIL OU INÚTIL?

Apoiadores de Lula voltaram a se animar com chance de vitória em primeiro turno. Mas isso é realmente possível?

14 de setembro de 2022 - 14:26

O petista está a menos de 3 pontos porcentuais de vencer em primeiro turno — e o número de eleitores de Ciro e Simone dispostos a mudar o voto é maior que isso

ELEIÇÕES 2022

O que Bolsonaro, Lula e Ciro querem para o Brasil? Confira o programa de governo dos presidenciáveis

13 de setembro de 2022 - 19:21

Os três já apresentaram seus planos para o país: um prioriza transformar o Brasil em uma potência econômica, o outro foca na restauração das condições de vida da população e o terceiro destaca aspectos econômicos e educacionais

ELEIÇÕES 2022

Vão fatiar: Lula e Bolsonaro querem desmembrar Economia e ressuscitar ministérios de outras áreas — veja a configuração

13 de setembro de 2022 - 14:11

Caso o petista vença, a ideia é que o número de ministérios passe dos atuais 23 para 32. Já Bolsonaro, que na campanha de 2018 prometeu ter apenas 15 ministérios e fazia uma forte crítica ao loteamento de cargos, hoje tem 23 e também deu pastas ao Centrão

ELEIÇÕES 2022

Abre o olho, presidente! Lula e Marina Silva se unem para atrair voto de Bolsonaro, Ciro e Tebet — saiba mais sobre essa aproximação

12 de setembro de 2022 - 16:46

Marina Silva deixou o PT em 2009, mas disse que, de alguma maneira, sempre esteve próxima de Lula. Agora juntos, eles querem conquistar os votos de quem acredita que Bolsonaro pode ser uma alternativa para o Brasil

ELEIÇÕES 2022

Avanço de Ciro e Simone na pesquisa BTG/FSB ajuda Bolsonaro a forçar segundo turno contra Lula

12 de setembro de 2022 - 10:35

Em segundo turno, porém, enquanto Lula venceria em todos os cenários, Bolsonaro sairia derrotado em todas as simulações da pesquisa BTG/FSB

DE OLHO NAS REDES

Lula vs. Bolsonaro: no ‘vale tudo’ das redes sociais, quem está vencendo? Descubra qual dos candidatos domina a batalha e como isso pode influenciar o resultado das eleições

11 de setembro de 2022 - 7:00

A corrida eleitoral começou e a batalha por votos nas redes sociais está à solta; veja quem está ganhando

ELEIÇÕES 2022

‘Bolsonaro não dormiu ontem’: Lula comemora liderança nas pesquisas e atribui assassinato de petista a presidente ‘genocida’

10 de setembro de 2022 - 15:01

O candidato do PT afirmou que o presidente não consegue convencer a população mesmo com gastos eleitoreiros altos

ELEIÇÕES 2022

Bolsonaro é o candidato com maior número de processos no TSE — veja as principais acusações contra o presidente

10 de setembro de 2022 - 10:37

Levantamento mostra que o candidato à reeleição é alvo de quase 25% das ações em tramitação na Corte até o início de setembro

ELEIÇÕES 2022

7 de setembro ajudou? A distância entre Lula e Bolsonaro é a menor desde maio de 2021, segundo pesquisa Datafolha

9 de setembro de 2022 - 20:21

Levantamento foi feito após as manifestações do Dia da Independência, feriado usado pelo atual presidente para atos de campanha, algo que nunca tinha acontecido na história recente do Brasil

Eleição ou Independência?

Bolsonaro faz discurso de campanha em evento do Bicentenário da Independência e, sem citar Lula, diz que Brasil terá “luta do bem contra o mal”

7 de setembro de 2022 - 12:50

Ao lado do empresário Luciano Hang, o “Véio da Havan”, e da primeira-dama, Michelle, o presidente Bolsonaro dirigiu-se aos seus apoiadores

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar