Menu
2019-08-29T14:31:06-03:00
Estadão Conteúdo
Mais concessões

Consórcio da Quantum leva PPP de iluminação de Porto Alegre, com deságio de 45,6%

Companhia levou o contrato para gerenciar o parque de iluminação pública da capital gaúcha pelos próximos 20 anos

29 de agosto de 2019
14:31
Porto Alegre
Porto Alegre - Imagem: Shutterstock

O consórcio I.P. Sul foi o vencedor do leilão de Parceria Público Privada (PPP) de Iluminação Pública Porto Alegre, na B3.

O grupo, formado por Quantum Engenharia, GCE SA, Fortnort Desenvolvimento Ambiental e Urbano, STE Serviços Técnicos de Engenharia, ao oferecer um lance de R$ 1,745 milhão, o que corresponde a um deságio de 45,64% ante o valor máximo de contraprestação mensal, de aproximadamente R$ 3,2 milhões.

Com isso, a companhia levou o contrato para gerenciar o parque de iluminação pública da capital gaúcha pelos próximos 20 anos.

O consórcio desbancou outros sete grupos: Consórcio Poaluz (Enel X Brasil SA, Selt Engenharia, Mobit), Consórcio I.P. Sul (Quantum Engenharia, GCE SA, Fortnort Desenvolvimento Ambiental e Urbano, STE Serviços Técnicos de Engenharia); Consórcio Luz do Sul (Engeform, Sitran, Sigma); Consórcio Consilux (formado pela Zopone Engenharia e Comércio (líder), em parceria com Kirchner Consultoria, Mazza Fregonente e Ilumisul Soluções Urbanas), Ilumina Porto Alegre (Construtora Sanches Tripoloni, Alper Energia, Trail Infraestrutura Eireli, Trajeto Engenharia e Comércio Eireli); Ilumina Porto Alegre (FM Rodrigues, Brasiluz, Conasa); Consórcio Porto Alegre IP (BMPI Infra, Construtora Remo), além da Sadenco Sul-Americana de Engenharia e Comércio.

Na primeira fase do certame, de apresentação dos lances iniciais, os proponentes apresentaram lances entre R$ 2,741 milhões e R$ 1,909 milhão. Os quatro melhores colocados - Consórcio I.P. Sul, Consórcio Poaluz, Consórcio Luz do Sul e Consórcio Consilux - seguiram para a disputa viva-voz, mas apenas I.P. Sul e Poaluz, da Enel X, apresentaram lances.

A assinatura do contrato está prevista para ser feita no quarto trimestre deste ano, e os serviços estão devem começar no ano que vem. O edital prevê a troca dos mais de 100 mil pontos de iluminação por lâmpadas de LED.

Os estudos para modelagem da PPP foram coordenados pelo BNDES, em parceria com a Prefeitura de Porto Alegre, com o apoio técnico do consórcio liderado pela Houer Modelagem de Projetos Públicos e Privados, juntamente com as empresas RSI Engenharia, Maciel Rocha Advogados e Albino Advogados Associados.

Os responsáveis destacam que esta é a segunda maior PPP de Iluminação Pública do País, apenas atrás da PPP de Belo Horizonte.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

DIA DE DECISÃO

Mais um ‘manteu’! Federal Reserve mantém juros inalterados, mas bolsas reagem negativamente à leitura de cenário

Iniciando oficialmente a “Super Quarta”, que ainda contará com a decisão do Copom após o fechamento do mercado, o Comitê Federal de Mercado Aberto do Federal Reserve (Fomc, na sigla em inglês) manteve inalterada a sua taxa básica de juros, entre 0% e 0,25% ao ano, em mais uma decisão unânime nesta quarta-feira (16). Repetindo […]

Pressão para todo lado

Comissão inicia discussões sobre a Reforma Administrativa; relator afirma que Bolsonaro precisa manifestar seu apoio

A comissão especial formada na Câmara dá hoje o pontapé inicial na discussão da reforma administrativa. A primeira reunião é cercada de forte pressão para definir a lista das categorias de Estado a serem incluídas na Proposta de Emenda à Constituição (PEC). O crescimento desse movimento é uma das preocupações do relator do projeto, deputado […]

Matéria-prima salgada

Commodities vão inflacionar o mercado de carros, diz presidente de consórcio que reúne Fiat, Jeep, Peugeot e Citroën

Além da pandemia e da falta de chips, o executivo vê com preocupação o movimento inflacionário das commodities usadas pelo setor

MERCADOS HOJE

Dólar fica abaixo dos R$ 5 pela primeira vez em um ano; confira as razões para a queda da moeda

Entrada de fluxo estrangeiro no país é acompanhada de alguns critérios técnicos e uma melhora na percepção de risco.

Ampliando investimentos

GM amplia em 75% investimentos em carros elétricos e automáticos até 2025

A projeção da empresa é de que seu Ebit fique entre US$ 8,5 bilhões e US$ 9,5 bilhões na primeira metade do ano

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies