Menu
2019-04-03T18:13:23-03:00
Estadão Conteúdo
Ficou para depois

PSL só indicará relator na CCJ após esclarecimentos sobre reforma dos militares

Francischini havia dito que anunciaria o escolhido logo após a entrega do Projeto de Lei da reforma dos militares à Câmara, mas indefinições políticas já estavam adiando essa determinação

21 de março de 2019
12:45 - atualizado às 18:13
Previdência Social,Reforma da Previdência

A liderança do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, afirmou que o anúncio do relator da Previdência na Comissão de Constituição, Cidadania e Justiça (CCJ) foi adiado. "Depois de uma reunião com líderes partidários, ficou acordado que não haverá a indicação do relator até que o governo, através do Ministério da Economia, apresente um esclarecimento sobre a reforma e a reestruturação dos militares", diz a nota.

O presidente da CCJ, Felipe Francischini (PSL-PR), havia dito que anunciaria o escolhido logo após a entrega do Projeto de Lei da reforma dos militares à Câmara, mas indefinições políticas já estavam adiando essa determinação.

Como o Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) mostrou na quarta-feira, 20, a indicação pode ficar para a semana que vem.

De acordo com interlocutores de Francischini, o deputado está receoso com o clima político, que tem sido considerado ruim pelos parlamentares e integrantes do governo. Outra coisa que tem pesado pelo adiamento do anúncio é a falta de envolvimento dos líderes do governo no Congresso com a articulação pela definição do relator.

Com receio de terem de assumir um grande ônus oriundo de desgastes em relação às discussões da reforma da Previdência, integrantes da CCJ têm rejeitado sondagens para assumir a relatoria da proposta no colegiado.

Recentes atos e declarações do governo têm dificultado a consolidação de uma base de apoio ao presidente Jair Bolsonaro e, na visão deles, essa incerteza acarretará ainda mais dificuldade à tarefa do escolhido de conseguir aprovar a emenda no colegiado. Por isso, integrantes da comissão avaliam que há uma relutância em se assumir este protagonismo neste momento.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Perseguição ao bitcoin?

Irã fecha ‘fazendas’ de mineração de bitcoin para conter apagões no país; entenda

Governo culpa centros de processamento de criptomoedas por blackouts devido à ‘sobrecarga energética’ da rede de mineração; ao mesmo tempo, Irã usa o bitcoin para amenizar sanções bancárias dos EUA

Lei Orçamentária Anual

Ainda sem aprovação do Orçamento 2021, governo precisa controlar gastos

Manutenção do auxílio emergencial é dúvidas neste início de ano

Pé no freio

Incertezas políticas e fiscais mantêm estrangeiros cautelosos com o Brasil

Após meses de fuga do capital externo do País, os últimos meses de 2020 mostraram o começo do retorno dos investidores de portfólio, mas o ritmo ainda é insuficiente para reverter a forte saída de dólares do Brasil

Crescimento

Vale (VALE3) prevê investir US$ 2,7 bilhões na região norte até 2024

Companhia pretende ainda investir US$ 5,8 bilhões em 2021, dos quais US$ 1 bilhão serão apenas para expansão

ESTRADA DO FUTURO

Grafeno, urânio e lítio… cuidado com a obsessão de enriquecer com a próxima tecnologia do futuro

O boom de empresas de tecnologia alimenta uma esperança quase ingênua de enriquecer “horrores” descobrindo como esses materiais moldarão o nosso futuro. Vou ser totalmente transparente com você: não gosto da ideia.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies