Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-19T17:47:46-03:00
Estadão Conteúdo
Acelerou

Preço médio dos imóveis residenciais sobe 0,36% em agosto

Dados foram divulgados nesta quinta-feira pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança

19 de setembro de 2019
17:47
Prédios em São Paulo
Imagem: Shutterstock

O preço nominal médio dos imóveis residenciais cresceu 0,36% em agosto, mostrando uma aceleração na comparação com julho, quando a alta foi de 0,29%. No acumulado dos últimos 12 meses a alta atingiu 2,33%.

Os dados foram divulgados nesta quinta-feira pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), cuja pesquisa considera os valores de imóveis vendidos por meio de financiamento bancário em dez capitais.

A pesquisa mostrou que nove das dez capitais pesquisadas tiveram alta nos preços médios no mês: Salvador (0,05%), Goiânia (0,08%), Porto Alegre (0,09%), Curitiba (0,12%), Recife (0,12%), Brasília (0,16%), Belo Horizonte (0,22%), Rio de Janeiro (0,31%) e São Paulo (0,71%). A única baixa no mês ocorreu em Fortaleza (-0,10%).

A Abecip avaliou em nota que, apesar dos desafios para a retomada da economia brasileira como um todo, o mercado residencial conta com alguns fatores positivos, como o baixo nível das taxas de juros e novas condições de financiamentos, o que deve ajudar na recuperação do setor.

A Abecip também destacou que os preços na cidade de São Paulo tiveram o desempenho mais forte entre todas as capitais pesquisadas, com alta de 4,31% nos últimos 12 meses. Essa alta superou a inflação no mesmo período e, segundo a associação, sinaliza "um início, ainda que modesto, de recuperação dos valores reais dos preços dos imóveis residenciais na cidade".

Outro destaque, na visão da Abecip, foi a cidade do Rio de Janeiro, cujos preços acumulados em 12 meses foram de 0,07%, chegando ao campo positivo pela primeira vez desde março de 2015. "Esse resultado, por sua vez, sinaliza ao menos um início potencial de recuperação dos valores nominais dos imóveis residenciais na cidade", apontou a Abecip.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

XP anuncia investimento na edtech Resilia

A Resilia é uma edtech que combina tecnologias que potencializam o aprendizado individualizado e em comunidade com um método de ensino que capacita potenciais talentos de uma forma mais rápida para o mercado digital

Análise

Investir em ações de banco ainda é uma boa? Veja 3 motivos que deixam a XP Investimentos cautelosa

Se no ano passado a postura era otimista, agora os analistas do setor financeiro da XP estão mais cautelosos, já que o cenário é de preços elevados dos ativos e uma concorrência e intervenções regulatórias preocupantes.

REFORMA TRIBUTÁRIA

PIB pode crescer 1,6% com redução de IR para empresas, indica estudo

O cálculo de 20% teve como base comportamento das empresas depois de um dos maiores aumentos na alíquota do imposto sobre dividendos no mundo – na França, em 2013, de 15,5% para 46%

ESG

‘Equidade racial se tornou prioridade dentro da Vivo’, diz presidente

Dentro da extensa agenda ESG, que concentra ações ambientais, sociais e de governança, a Vivo aposta na equidade racial

Clube do livro

Das tulipas ao bitcoin: conheça a história das crises financeiras de uma forma irreverente

O maior trunfo de “Crash”, de Alexandre Versignassi, é nos guiar pela história da economia mundial e brasileira traçando paralelos entre o passado e o presente

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies