Menu
2019-04-18T15:07:44-03:00
Estadão Conteúdo
condições

Governo negocia mudar reforma desde que mantida economia de R$ 1 tri, diz Joice

Dizendo-se confiante na aprovação da reforma no Congresso, líder do governo no Congresso preferiu não se arriscar a falar quantos votos o governo tem hoje

18 de abril de 2019
15:07
A deputada Eleita Joice Hasselmann, fala com a imprensa
Joice afirmou que o adiamento para semana que vem não vai atrapalhar no andamento da PEC - Imagem: Valter Campanato/Agência Brasil

A líder do governo no Congresso, Joice Hasselman (PSL-SP), afirmou nesta quinta-feira, 18, que a gestão Jair Bolsonaro está disposta negociar mudanças na Previdência, desde que seja mantida a economia de R$ 1 trilhão em 10 anos.

"Desde a apresentação da proposta a gente está pronto a fazer concessões sim. O que nós temos pedido é que os parlamentares tenham a sensibilidade de não mexer na espinha dorsal, que é o R$ 1 trilhão", disse a deputada. "Quer mexer no BPC, mexe. Quer mexer na aposentadoria rural, mexe. A questão é preservar a economia de R$ 1 trilhão."

Joice afirmou ainda a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) deveria ter seguido o cronograma inicial que previa a apreciação do texto da Página esta semana, mas que o adiamento para semana que vem não vai atrapalhar no andamento da Proposta de Emenda Constitucional (PEC).

"O que houve ontem foi uma vitória de Pirro (da oposição)", disse ela. "Nós temos os votos necessários, temos 43 votos. A gente vai passar isso (na CCJ)."

Dizendo-se confiante na aprovação da reforma no Congresso, Joice preferiu não se arriscar a dizer quantos votos o governo tem hoje. "Seria leviano. Vocês sabem que a política é viva e muito sensível aos rumores", comentou.

Ela comentou, porém, que a meta pessoal é de uma vantagem de 40 votos além dos 308 necessários para aprovação de uma PEC.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

MERCADOS HOJE

Dólar fica abaixo dos R$ 5 pela primeira vez em um ano; confira as razões para a queda da moeda

Entrada de fluxo estrangeiro no país é acompanhada de alguns critérios técnicos e uma melhora na percepção de risco.

Ampliando investimentos

GM amplia em 75% investimentos em carros elétricos e automáticos até 2025

A projeção da empresa é de que seu Ebit fique entre US$ 8,5 bilhões e US$ 9,5 bilhões na primeira metade do ano

Análise do presidente

Para Bolsonaro, derrubada ou perda da validade da MP da Eletrobras provocará caos

A MP não tem consenso entre líderes e corre o risco de ser derrubada ou ter a votação adiada

Banco mais verde

Itaú anuncia investimento de R$ 400 bilhões em iniciativas ESG até 2025

O Itaú destaca no comunicado que esses títulos têm sido bastante demandados pelo mercado e fazem parte de um segmento em que o Itaú se tornou referência em 2021

MP da eletrobras

Aeel protocola denúncia no TCU contra venda da Eletrobras por ferir Constituição

Em 28 páginas, a Aeel explica ao TCU cada artigo da Constituição que estaria sendo afrontado, e questiona a falta de transparência do processo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies