Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-08-22T17:10:18-03:00
Estadão Conteúdo
Ninguém mexe!

Governo não cogita alterar meta fiscal, diz Ministério da Economia

Meta limita o déficit primário do governo para este ano a R$ 139 bilhões

22 de agosto de 2019
17:10
Marcelo Guaranys
Imagem: Hoana Gonçalves/Ministério da Economia

Após adotar uma medida para restringir ainda mais os gastos na pasta, o secretário-executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, disse nesta quinta-feira, 22, que o governo não cogita alterar a meta que limita o déficit primário deste ano a R$ 139 bilhões.

"Pelo contrário, as medidas reforçam a disposição do governo em cumprir a meta fiscal deste ano", complementou o secretário-adjunto da Secretaria Especial de Fazenda do Ministério da Economia, Esteves Colnago.

O Ministério da Economia pretende economizar R$ 366 milhões neste ano com a redução de gastos anunciada nesta quinta na estrutura da pasta.

A medida também prevê o remanejamento de R$ 1,8 bilhão em recursos para as atividades prioritárias do ministério, como os sistemas da Receita Federal e do INSS.

Guaranys disse esperar que o corte de gastos na pasta sirva de exemplo para outros ministérios. "É nossa preocupação constante reduzir os gastos do governo. Mas neste ano precisamos fazer um esforço ainda maior para manter a prestação de serviços à população", completou.

Melhor receita

O secretário-executivo do Ministério da Economia repetiu que o governo espera uma melhora na performance da arrecadação de tributos federais no segundo semestre. Ele citou ainda as receitas esperadas com ágios em leilões de concessões marcados até o fim do ano. "Se arrecadar um pouco mais, poderemos pensar em relaxar os limites do orçamento", afirmou.

O secretário de orçamento federal, George Soares, lembrou que diversos ministérios estão lutando para chegar até o fim do ano. "É necessário aguardar arrecadação de agosto para confirmar tendência de alta nas receitas. Os problemas pontuais tem sido endereçados, mas algumas áreas vão precisar de mais limite de gastos já em setembro", acrescentou.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O Ibovespa na contramão do mundo, o impulso das commodities, a pressão dos servidores públicos e tudo o que agitou os mercados nesta terça

Nada como uma perspectiva de aperto monetário para segurar o desempenho dos ativos de risco. E nesta terça-feira (18), os mercados financeiros americanos voltaram do feriado colocando nos preços a expectativa dos investidores com a alta dos juros e a redução dos estímulos monetários nos Estados Unidos. O resultado foi uma disparada nos juros futuros, […]

Fechamento Hoje

Ibovespa sobrevive a mar vermelho no exterior e consegue fechar em alta; avanço nos retornos dos Treasuries pesa nos juros e no câmbio

Principal índice da B3 lutou para se manter no lado positivo ao longo de todo o pregão, com ajuda das commodities; dólar, porém, também fechou em alta

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies