Você pode ter uma renda semanal de até 500 dólares na sua conta; descubra como aqui

Cotações por TradingView
2019-11-29T14:26:40-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
Mordida injusta

Governo vai meter a mão no seu fundo hoje!

Famigerado come-cotas incide todos meses de maio e novembro sobre diversos fundos de investimento

29 de novembro de 2019
14:26
Pac Man come-cotas devorando o dinheiro dos cotistas de fundos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O investidor iniciante pode levar um susto ao conferir seus fundos de investimentos neste fim de novembro ou começo de dezembro. Dependendo da categoria, haverá uma redução de cotas. Até os mais experientes, por vezes, também se esquecem dessa famigerada figura: o come-cotas.

O come-cotas é uma antecipação no recolhimento de Imposto de Renda. Parece algo trivial, já que é difícil escapar dos impostos, mas dependendo do prazo e do tipo de investimento o impacto pode ser relevante.

Basicamente esse modelo de tributação recai sobre os fundos abertos classificados como de curto prazo e de longo prazo, o que inclui a maioria dos fundos de renda fixa, dos multimercados, além dos fundos cambiais. Os fundos de ações escapam dessa mordida.

Com a Julia Wilgten já explicou nesse texto aqui, o come-cotas pode ser visto com uma desvantagem em relação ao investimento direto por conta própria e aos fundos de previdência, que não estão sujeitos a essa forma de tributação.

O imposto é descontado mesmo que o investidor não tenha feito qualquer resgate. Se o come-cotas não existisse, esses recursos que saem do fundo prematuramente para alimentar o Leão poderiam continuar rendendo até o resgate.

O come-cotas serve para dar previsibilidade de arrecadação ao Leão, já que os fundos assim tributados não têm vencimento nem pagam rendimentos. Mas é fato que, do ponto de vista do investidor, essa forma de tributação não faz muito sentido. Afinal, se não houve efetivo resgate, também não houve realização de ganhos. De qualquer forma, não temos escolha a não ser engolir essa mordida no bolso.

Quer entender melhor o funcionamento desse imposto e saber se seus fundos serão comidos pelo Leão: Veja esse texto aqui: Como funciona o come-cotas, a tributação dos fundos de investimento

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Jogando para frente

Ultraleve: Gol (GOLL4) renegocia dívidas de curto prazo e tira um peso das asas; ações sobem

7 de fevereiro de 2023 - 15:01

A Gol vai trocar títulos de dívida com vencimento até 2026 por outros mais longos, com prazo para 2028, numa operação com o Grupo Abra

A CAMPEÃ

Na corrida do atacarejo, quem leva a melhor: Assaí (ASAI3) ou Carrefour (CRFB3)? Saiba qual ação é a medalha de ouro de Bradesco BBI e JP Morgan

7 de fevereiro de 2023 - 14:31

Resultado da disputa muda dependendo da estratégia — curto ou longo prazo. As recomendações para os papéis também não são as mesmas, e em um dos casos o potencial de valorização chega a 70%

DE OLHO NAS REDES

Como ganhar um salário de R$ 7.500 na aposentadoria: este investimento pode te garantir essa renda — não é a previdência privada; descubra detalhes

7 de fevereiro de 2023 - 14:09

Se aposentar com um salário de R$ 7.507,49 — o teto do INSS atualmente — está cada dia mais difícil, em especial depois da Reforma da Previdência. A verdade é que, se você depender exclusivamente do INSS na hora da sua aposentadoria, é bem provável que você se dê mal.  Pensando nisso, existe um novo […]

RECALCULANDO A ROTA

MRV (MRVE3) corta operações e reduz metas de crescimento para recuperar rentabilidade; confira os planos da companhia para os próximos três anos

7 de fevereiro de 2023 - 13:47

A mudança de foco da companhia foi anunciada pelo copresidente Rafael Menin durante um encontro com investidores e analistas promovido nesta terça-feira

FAVORITISMO

Saiba o que está fazendo os olhos dos analistas do Credit Suisse brilharem quando falam sobre Nubank

7 de fevereiro de 2023 - 13:12

Para a equipe do banco, o Nubank é menos afetado pelos problemas que atingem as grandes instituições, como a inadimplência corporativa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies