Menu
PUBLICAÇÕES SOBRE
Fundos
Publicações
DE OLHO NOS FUNDOS

Patrimônio dos fundos cresce 15,27% e vai a R$ 5 trilhões, diz Economatica

Em dólares, a indústria de fundos se mantém acima de US$ 1 trilhão desde dezembro de 2016.

Gestora estrelada

SPX espera alta da Selic ainda neste ano e segue comprada em dólar

Para a gestora fundada por Rogério Xavier, que possui R$ 40 bilhões sob gestão, o país saiu da beira do abismo com aprovação da reforma da Previdência e deve crescer 2,5% neste ano

Entrevista

Como o multimercado mais rentável de 2019 obteve retorno de 116% em um ano

Sócio da Logos Capital me recebeu na sede da gestora em São Paulo para contar sobre algumas das posições vencedoras do Logos Total Return em 2019, fundo multimercado que liderou o ranking de rentabilidade no ano passado.

SD Premium - Lupa dos fundos

Fora, isentão! Um fundo “long biased” para compor a sua carteira em renda variável

Fundos “long biased” ganham com a alta da bolsa, mas podem se proteger em momentos de maior incerteza no mercado de ações. Desafio é não perder uma onda de alta nem ser pego no meio do mar durante uma tempestade

QUE BOLSA É ESSA?

Que ‘bolha’ é essa nos fundos imobiliários?

Depois de um rali em dezembro, na última quarta-feira o mercado de FIIs abriu azedo. Nenhum estouro de bolha, por enquanto. Mas, antes disso: existe alguma bolha para estourar?

Ranking

Os fundos multimercados mais rentáveis de 2019; campeão da lista rendeu mais de 100% no ano passado

Índice que abarca os principais fundos multimercados subiu 11,12% em 2019, mais de 180% do CDI; mas fundos mais rentáveis bateram os 40%, 50%, 60% e até 100% de rentabilidade no ano.

ONDE INVESTIR 2020

Em busca de renda? Fundos imobiliários se mantêm como boa opção em 2020

As principais condições para a continuidade do bom momento dos fundos imobiliários seguem na mesa: juros baixos, inflação controlada e retomada da economia

FUNDO IMOBILIÁRIO

MRV inicia negociações do fundo imobiliário Luggo na B3

No informe, a construtora ressaltou ainda que, em 2020, espera fazer o primeiro follow-on (oferta subsequente de cotas) da Luggo

Recalibrando ativos

Fundo Kapitalo anuncia redução de posição acionária na CESP

Com a operação, o fundo passou a deter 9.240.456 ações preferenciais da empresa, ou 2,82% do capital social

Entrevista exclusiva

Via Varejo ainda tem muito potencial, afirma João Braga, da XP Asset

Empresas em reestruturação na bolsa são um negócio difícil, mas entregam maior retorno quando dão certo, segundo sócio-gestor da XP Asset, que detém 7% do capital da Via Varejo, cujas ações mais que dobraram de valor desde a entrada da nova gestão

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements