Menu
2019-10-14T16:00:39-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
O prazo está acabando

Premiê britânico diz que Brexit ocorrerá ‘venha o que vier’

Primeiro-ministro britânico defende uma saída do bloco com ou sem acordo e prometeu trabalhar com a UE para tentar chegar a um consenso entre as partes, além de repetir  a importância de finalizar a pauta, que se arrasta desde o plebiscito de 2016

2 de outubro de 2019
9:08 - atualizado às 16:00
Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson.
Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson. - Imagem: Shutterstock

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, discursou nesta terça-feira (02) no encerramento da convenção do Partido Conservador e, além de alfinetar o líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, também endereçou o assunto mais espinhoso do seu governo: o Brexit.

Johnson, que tenta renegociar o acordo proposto pela sua antecessora Theresa May, reforçou que o Reino Unido deixará a União Europeia no dia 31 de outubro, o fim do prazo para um acordo, 'venha o que vier'. O premiê, que defende uma saída do bloco com ou sem acordo, prometeu trabalhar com a UE para tentar chegar a um consenso entre as partes e repetiu  a importância de finalizar a pauta, que se arrasta desde o plebiscito de junho de 2016.

Ele também evitou dar maiores detalhes além da promessa de não construção de uma fronteira física na Irlanda para manter o acordo de paz existente na região, mas afirmou que entregará ainda hoje os seus planos finais ao bloco, em Bruxelas.

No discurso, o premiê prometeu um futuro promissor para o Reino Unido após ao Brexit. "Como vamos conseguir isso? Aumentando a produtividade".

Na semana passada, a Suprema Corte do Reino Unido decidiu que a suspensão do Parlamento Britânico pretendida pelo premiê foi ilegal. A manobra buscava diminuir o tempo disponível para que os parlamentares se opusessem ao plano para retirada da Grã-Bretanha da União Europeia.

Ao falar sobre o líder do partido trabalhista, Jeremy Corbyn, Johnson afirmou que o opositor está determinado a frustrar o Brexit.

 

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

TIM Brasil poderá emitir até R$ 5,7 bilhões em debêntures incentivadas

O projeto da operadora para melhorias nas redes fixas e móveis de 21 unidades da federação entrou na lista de autorizações do Ministério das Comunicações

quem vai levar?

Tem ação fresquinha vindo aí, minha amiga, com o IPO da Hortifruti Natural da Terra

Com tese de investimento sendo que ela é o melhor do supermercado e da feira, companhia busca recursos para expandir operações

Ligando na tomada

Renault traz a nova geração de carros elétricos ao Brasil — e Weg e EDP garantem a recarga

A Renault firmou parceria com EDP e WEG para o fornecimento de infraestrutura do novo Zoe, veículo 100% elétrico da montadora francesa

Estreia na segunda

Hashdex capta mais de R$ 615 milhões para o primeiro ETF de criptomoeda

O ETF replicará um índice desenvolvido pela Nasdaq com a própria gestora Hashdex e estreia na bolsa brasileira na seugnda-feira (26)

novata na b3

Grupo GPS aceita desconto e arrecada R$ 2,5 bilhões em IPO; conheça mais a empresa

Prestadora de serviços de limpeza e segurança encara mesmas dificuldades que outras empresas para listar ações na bolsa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies