Menu
2019-04-04T14:11:16-03:00
Estadão Conteúdo
Fechando o time

Guedes confirma Rogério Marinho como secretário especial da Previdência

Novo integrante da equipe foi secretário de Planejamento da Prefeitura de Natal e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico do RN

11 de dezembro de 2018
19:02 - atualizado às 14:11

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, oficializou nesta terça-feira, 11, a indicação do atual deputado Rogério Marinho (PSDB-RN) para a Secretaria Especial de Previdência. Ele terá como adjunto o consultor da Câmara Leonardo Rolim, especialista em Previdência.

"A equipe de transição está em fase final de preparação da nova estrutura do futuro Ministério da Economia. Assim, o detalhamento do organograma e das atribuições de cada pasta será divulgado em breve", diz a nota divulgada pela assessoria do futuro ministro.

Marinho foi secretário de Planejamento da Prefeitura de Natal, vereador e presidente da Câmara Municipal de Natal, e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico do RN. Foi eleito Deputado Federal por duas vezes. Em 2017, relatou a reforma trabalhista na Câmara dos Deputados.

Rolim é da carreira de Consultor de orçamento da Câmara dos Deputados, tem mestrado em Direção e Gestão de Planos e Fundos de Pensão pela Universidad de Alcalá, Espanha, especialização em Administração (UnB) e em Políticas Públicas e Gestão Governamental (ENAP). Foi secretário de políticas de previdência social do Ministério da Previdência Social e presidente do Conselho Nacional dos Dirigentes de Regimes Próprios de Previdência Social (Conaprev).

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Fechamento

Mercado modera reação à inflação americana e bolsa consegue recuperação parcial; dólar sobe a R$ 5,31

Os investidores respiraram fundo, pegaram um copo d’água e digeriram melhor o choque da pressão inflacionária nos Estados Unidos

Caça às pendências

BNDES quer viabilizar privatização da Eletrobras e refazer leilão de bloco da CEDAE ainda este ano

Além disso, o banco de fomento trabalha em outros 120 projetos de desestatização que podem chegar a um investimento total de R$ 243 bilhões em obras

Oferta secundária à vista?

BNDES vai esperar o ‘melhor momento’ para vender ações da Copel

A BNDESPar, empresa de participações do banco, pretende se desfazer da fatia de 24% que possui das ações Copel

Mais uma para a lista

Mesmo com apoio de grandes investidores, Dotz interrompe processo de IPO

A empresa, que pretendia movimentar R$ 1,1 bilhão com a oferta, citou a atual condição do mercado de capitais brasileiro como o motivo por trás da desistência

Assunto do momento

5 pontos para entender a inflação americana – e o que isso tem a ver com o seu bolso

Só se fala em inflação em disparada nos Estados Unidos. Mas você sabe o que isso realmente significa?

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies