Menu
2019-06-14T07:29:28+00:00
reflexo da tensão comercial

Produção industrial da China desacelera em maio, mas varejo ganha força

Vendas no varejo da China se recuperaram em relação a abril, que marcou o pior resultado em anos. Em maio, o setor varejista do país vendeu 8,6% mais do que no mesmo mês de 2018

14 de junho de 2019
7:29
yuan-china
Notas de yuan, moeda da China -

A atividade econômica da China ampliou a desaceleração em maio diante de tensões comerciais com os Estados Unidos, segundo os últimos números sobre produção industrial e investimentos, mas o setor varejista se esquivou da tendência e cresceu com maior vigor.

Dados do Escritório Nacional de Estatísticas (NBS, na sigla em inglês) mostram que a produção industrial chinesa subiu 5% em maio ante igual mês do ano passado, depois de registrar aumento anual de 5,4% em abril. O resultado do mês passado veio abaixo das expectativas de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam acréscimo de 5,5%.

Já os investimentos em ativos fixos não-rurais tiveram expansão anual de 5,6% entre janeiro e maio, desempenho que também frustrou os analistas, que esperavam aumento de 6,1%, variação que foi observada nos primeiros quatro meses do ano.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Por outro lado, as vendas no varejo da China se recuperaram em relação a abril, que marcou o pior resultado em anos. Em maio, o setor varejista do país vendeu 8,6% mais do que no mesmo mês de 2018, superando a projeção de economistas, que era de ganho de 8,2%. Em abril, as vendas haviam subido 7,2% na comparação anual. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Um novo mundo

Selic em 4,75% no fim de 2019 e ao longo de 2020 é a projeção do Bank of America Merrill Lynch

Banco revisou sua estimativa para o ciclo de corte de 1 ponto para 1,75 ponto. Cortes começam no dia 31 com Selic saindo de 6,5% para 6% ao ano

Blog da Angela

Ajuste fiscal é ‘maratona’ para colocar as contas em dia e vai além da Previdência

Relatório do BofAML mostra que nem a economia de R$ 1,2 trilhão em 10 anos com reforma preservaria o teto de gastos para o setor público

Global > Local

Com o exterior dando as cartas, Ibovespa abre em leve alta e dólar sobe a R$ 3,76

A expectativa em relação aos próximos passos dos principais bancos centrais do mundo mantém um viés positivo no exterior — o que dá força ao Ibovespa

DE OLHO NO GRÁFICO

S&P com sinal laranja e o futuro das ações mais importantes do Ibovespa

Fausto Botelho continua apostando em uma queda forte do S&P, que tem renovado máximas históricas. Para o analista gráfico, há muito a perder e pouco a ganhar neste momento. Já no Ibovespa, há grandes ações em tendência de alta. Confira!

Exile on Wall Street

É possível mudar o passado dos seus lucros? E o futuro?

Eu não sei se você será capaz de mudar o seu passado. Mas construir um futuro melhor depende apenas de uma mudança de mindset. Nada de acreditar em promessas milagrosas dessas que permeiam o YouTube

rusgas

Aeroporto expõe tensão de Bolsonaro com políticos do Nordeste

Inauguração do Glauber Rocha, em Vitória da Conquista (BA), evidenciou o clima tenso entre políticos, após comentários pejorativos do presidente sobre governadores da região

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta terça-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Sem recessão

FMI estima crescimento mundial de 3,2% em 2019; Brasil terá um magro 0,8%

Projeções foram atualizadas hoje. Para 2020, mundo cresce 3,5% e Brasil avança 2,4%. Risco é de baixa e decorre da guerra comercial e tecnológica

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Ele nunca ganhou tanto dinheiro…

Veja os destaques do Seu Dinheiro nesta manhã

IPCA-15

Queda nos preços dos combustíveis pressiona e prévia da inflação sobe 0,09% em julho, diz IBGE

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), a prévia da inflação, já acumula uma alta de 2,42% no ano. Em 12 meses, o índice chega a 3,27%. 

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements