O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-03-30T07:12:10-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
BALANÇO

Méliuz (CASH3) registra prejuízo líquido milionário em 2021; confira os destaques do balanço da plataforma de cashback

No início deste mês, a empresa também deu mais um passo para efetivar sua entrada no universo das criptomoedas

29 de março de 2022
18:27 - atualizado às 7:12
Celular com logo da Méliuz na tela branca
Imagem: Shutterstock

A safra balanços das empresas brasileiras está em sua última semana e alguns nomes que chamam a atenção dos investidores deixaram para divulgar seus resultados bem perto do apagar das luzes da temporada. Esse é o caso da Méliuz (CASH3), que publicou os números do quarto trimestre nesta terça-feira (29).

A plataforma de cashback registrou prejuízo líquido consolidado de R$ 34,3 milhões em 2021, revertendo o lucro de R$ 19,6 milhões reportado no ano anterior. A receita líquida avançou 110%, para R$ 263,5 milhões, na mesma base de comparação.

O Ebitda (Lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, da sigla em inglês) também reverteu os R$ 30,3 milhões positivos registrados em 2020 e ficou negativo em R$ 34,9 milhões.

Por outro lado, o número de usuários ativos cresceu 76% na comparação anual e encerrou 2021 em 9,4 milhões, com 22,4 milhões de contas totais. A taxa média de abertura de novas contas subiu 69%, para 33 mil por dia útil.

Méliuz (CASH3) entrou de cabeça no universo cripto

No início deste mês a companhia também deu mais um passo para efetivar sua entrada no universo das criptomoedas. O conselho de administração da companhia aprovou a incorporação da Alter, a corretora de criptomoedas adquirida pela companhia em julho do ano passado.

A compra da Alter marcou a entrada da Méliuz no mundo das criptomoedas. A companhia pagou R$ 26 milhões pela corretora. Assim, a plataforma de cashback abriu a possibilidade de devolver parte do dinheiro das compras dos usuários em moedas digitais.

A área de serviços financeiros, inclusive, é uma das apostas da Méliuz para ampliar o negócio. A companhia já anunciou que terá uma conta digital gratuita, um novo cartão de crédito próprio e o investimento em bitcoin.

Com isso, os usuários poderão utilizar os serviços de compras e realizar operações financeiras no mesmo aplicativo. A plataforma encerrou o ano com 9,4 milhões de usuários ativos.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

'PERGUNTA PRO SACHSIDA'

Bolsonaro se pronuncia sobre ‘fritura’ e possível substituição do presidente da Petrobras (PETR4)

Bolsonaro voltou a dizer que “ninguém vai tabelar preço de combustível”, mas afirmou que a “finalidade social” da Petrobras não está sendo cumprida

BAIXOU A PREVISÃO

Magazine Luiza (MGLU3) rebaixado: JP Morgan corta previsão para ações antes do balanço de amanhã, mas projeção ainda é de alta de quase 50%; entenda motivos

O cenário de alta dos juros deve pressionar o varejo, mas o JP Morgan entende que a empresa está bem posicionada no setor

ESFRIOU

Ano deve ter queda de fusões e aquisições, mas 2022 conta com negócios de grante porte até o momento; relembre algumas delas

Entre os fatores que causaram essa freada, estão a guerra entre Rússia e Ucrânia e a expectativa de desaceleração na China, após lockdowns para conterdos casos de covid

SEU DIA EM CRIPTO

Terra (LUNA) não acompanha recuperação do bitcoin (BTC) neste domingo; criptomoedas tentam começar semana com pé direito

Mesmo com a retomada de hoje, as criptomoedas acumulam perdas de mais de dois dígitos nos últimos sete dias

A COISA VAI ESQUENTAR

Novo capítulo da guerra? Vizinhos da Rússia, Finlândia e Suécia devem se juntar à Otan e tensão na região aumenta

Vladimir Putin, presidente russo, já havia dito que a entrada dos países na Organização exigiria retaliações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies