🔴 [TESTE GRÁTIS] 30 DIAS DE ACESSO A SÉRIE RENDA IMOBILIÁRIA – LIBERE AQUI

Flavia Alemi
Flavia Alemi
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pela FIA. Trabalhou na Agência Estado/Broadcast e na S&P Global Platts.
Resultados

Lucro do Itaú (ITUB4) aumenta 17% no segundo trimestre e banco anuncia pagamento de juros sobre capital próprio

O Itaú (ITUB4) também revisou para cima as projeções operacionais (guidance) para este ano

Flavia Alemi
Flavia Alemi
8 de agosto de 2022
18:28 - atualizado às 19:18
Agência do Itaú (ITUB4); o banco acertou a compra de 35% da corretora Avenue
Imagem: Shutterstock

Se ainda tem alguém achando que o Itaú (ITUB4) está preocupado com a perda de receita com o Pix, será trazido à realidade com o balanço do banco no segundo trimestre de 2022.

O Itaú registrou um lucro líquido gerencial de R$ 7,679 bilhões entre abril e junho de 2022, um crescimento de 17,4% em relação ao mesmo período do ano passado. O resultado também ficou 4% acima do esperado pelo consenso da Bloomberg, que estimava um lucro de R$ 7,377 bilhões.

No segundo trimestre de 2022, o retorno recorrente gerencial sobre o patrimônio líquido (ROE) foi de 20,8%, o que representa um avanço de 0,4 ponto percentual em relação ao trimestre anterior e de 1,9 ponto percentual sobre o mesmo período de 2021.

No total dos primeiros seis meses do ano, o lucro acumulado do Itaú foi de R$ 15,039 bilhões, acima dos R$ 12,941 bilhões registrados no primeiro semestre de 2021. O ROE do semestre foi de 20,5%, acima dos 18,8% registrados nos primeiros seis meses de 2021.

Leia também:

Carteira de crédito avança e puxa margem

No total, a carteira de crédito do Itaú cresceu 5% do primeiro para o segundo trimestre, para R$ 1,084 trilhão, enquanto na operação no Brasil o avanço foi de 5,5%, para R$ 876 bilhões.

Por aqui, o destaque ficou com o crédito consignado, que aumentou 10,3% na passagem de um trimestre para o outro. De acordo com o Itaú, a alta se deu em função do aumento da margem consignável e do incremento de operações com funcionários do estado de Minas Gerais.

O banco informou que o aumento no volume de crédito foi o principal propulsor do crescimento de 9,7% da margem com clientes, que atingiu R$ 22,0 bilhões no trimestre.

Ao mesmo tempo, o custo do crédito aumentou em maior proporção devido a uma maior despesa de provisão para créditos de liquidação duvidosa. Isso porque houve aumento do crédito ao consumo e sem garantias, além do aumento da carteira em atraso.

Inadimplência no Itaú tem alta discreta

As dívidas vencidas há mais de 90 dias tiveram uma ligeira alta em relação ao trimestre anterior, de 0,1 ponto percentual, para 2,7%.

O aumento foi puxado pelo segmento de pessoa física, cuja inadimplência avançou 0,3 ponto percentual, para 4,4%. Ao mesmo tempo, as micro, pequenas e médias empresas reduziram a inadimplência em 0,1 ponto percentual, para 2,2%, o que ajudou a compensar o aumento entre as pessoas físicas.

Dentre as dívidas vencidas entre 15 e 90 dias, o resultado ficou majoritariamente estável, com apenas a inadimplência na América Latina subindo 0,1 ponto percentual, a 2%.

O índice de cobertura, no entanto, sofreu uma queda importante, tanto de um trimestre para o outro quanto na comparação com o mesmo período de 2021.

Calculado pela divisão do saldo de provisão total pelas operações vencidas há mais de 90 dias, o índice de cobertura passou de 232% no primeiro trimestre para 218%. No segundo trimestre do ano passado, o índice estava em 283%.

Itaú pagará Juros Sobre Capital Próprio (JCP)

O banco anunciou, junto com o balanço, o pagamento de juros sobre o capital próprio (JCP) no valor de R$ 0,306500 por ação, que serão pagos no dia 30 de agosto aos acionistas que estiverem na base da empresa no dia 18 de agosto. Vale lembrar que alguns acionistas terão retenção de 15% de imposto de renda na fonte, o que resulta em juros líquidos de R$ 0,260525 por ação.

A partir de 19 de agosto, os papéis passarão a ser negociados "ex-direitos"e passarão por um ajuste na cotação referente aos proventos já alocados. Então você pode optar por comprar a ação agora e ter direito ao dinheiro ou esperar a data de corte e adquirir os papéis por um valor menor, mas sem o direito ao JCP.

Guidance revisado

Depois de anotar resultados robustos no primeiro semestre, o Itaú decidiu revisar suas estimativas operacionais (guidance) para o ano conforme a tabela abaixo:

Veja também:

Compartilhe

MAQUININHA DE LUCRO

PagSeguro (PAGS34) dispara após balanço e puxa ações da Cielo (CIEL3); veja os números do resultado do 2T22

25 de agosto de 2022 - 17:28

A lucro da PagSeguro aumentou 35% na comparação com o mesmo período do ano passado e atingiu R$ 367 milhões

FIM DE TEMPORADA

Nos balanços do segundo trimestre, uma tendência para a bolsa: as receitas cresceram, mas os custos, também

19 de agosto de 2022 - 16:18

Safra de resultados financeiros sofreu efeitos do aumento da Selic, mas sensação é de que o pior já passou

Investidores gostaram

Nubank (NU; NUBR33) chega a subir 20% após balanço, mas visão dos analistas é mista e inadimplência preocupa

16 de agosto de 2022 - 12:03

Investidores gostaram de resultados operacionais, mas analistas seguem atentos ao crescimento da inadimplência; Itaú BBA acha que banco digital pode ter subestimado o risco do crédito pessoal

BALANÇO

Inter (INBR31) reverte prejuízo em lucro de R$ 15,5 milhões no segundo trimestre; confira os números

15 de agosto de 2022 - 21:01

No semestre encerrado em 30 de junho de 2022, o Inter superou a marca de 20 milhões de clientes, o que equivale a 22% de crescimento no período

BALANÇO DA HOLDING

Lucro líquido da Itaúsa (ITSA4) recua 12,5% no segundo trimestre, mas holding anuncia JCP adicional; confira os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 19:52

Holding lucrou R$ 3 bilhões no segundo trimestre e vai distribuir juros sobre capital próprio no fim de agosto

Resultados

Nubank (NUBR33) tem prejuízo acima do esperado no 2º tri, e inadimplência continuou a se deteriorar; veja os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 18:42

Prejuízo líquido chegou a quase US$ 30 milhões, ante uma expectativa de US$ 10 milhões; inadimplência veio dentro do esperado, segundo o banco

Bife suculento

Marfrig (MRFG3) anuncia R$ 500 milhões em dividendos e programa de recompra de 31 milhões de ações; veja quem tem direito aos proventos e os destaques do balanço

12 de agosto de 2022 - 13:15

Mercado reage positivamente aos números da companhia nesta sexta (12); dividendos serão pagos em setembro

Balanço

Oi (OIBR3) sai de lucro para prejuízo no 2T22, mas dívida líquida desaba

12 de agosto de 2022 - 6:45

Oi reportou prejuízo líquido de R$ 320,8 milhões entre abril de junho, vinda de um lucro de R$ 1,09 bilhão no mesmo período do ano anterior

Balanço do 2º tri

Cenário difícil para os ativos de risco pesa sobre o balanço da B3 no 2º trimestre; confira os principais números da operadora da bolsa

11 de agosto de 2022 - 19:56

Companhia viu queda nos volumes negociados e também nas principais linhas do balanço, tanto na comparação anual quanto em relação ao trimestre anterior

BALANÇO

Apelo de Luiza Trajano não foi à toa: Magazine Luiza tem prejuízo de R$ 135 milhões no 2T22 — veja o que afetou o Magalu

11 de agosto de 2022 - 19:26

O Magalu conseguiu reduzir as perdas na comparação com o primeiro trimestre de 2022, mas em relação ao mesmo período de 2021, acabou deixando o lucro para trás

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies