🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela o nome da ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

2022-08-12T15:47:47-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
DESTAQUE DA CONSTRUÇÃO

Cury (CURY3) chega a subir mais de 9% após apresentar receita recorde e margens saudáveis no segundo trimestre; confira os destaques do balanço da companhia

O apetite pelos papéis da empresa e de outras construtoras também é alimentado pelo arrefecimento da inflação em julho

10 de agosto de 2022
12:27 - atualizado às 15:47
Prédio em construção CURY CURY3 MRV Cyrela Tenda EZTec Even Direcional MRVE3 construtoras bank of america ações Tenda TEND3
O setor de construção civil tem um longo caminho pela frente e o credit Suisse não vê motivo para otimismo (ainda) - Imagem: Shutterstock

Após a Cury (CURY3) reportar mais um conjunto de resultados sólidos no segundo trimestre, os analistas já esperavam uma reação positiva do mercado. Mas, assim como os números da construtora, a performance das ações também supera as expectativas nesta quarta-feira (10).

Por volta das 12h25, os papéis CURY3 saltavam 9,18%, a R$ 9,28, e lideravam as altas do setor, mas perderam um pouco da força ao longo do dia para encerrar com alta de 8,82%, a R$ 9,25.

Além do balanço, o apetite pelos papéis da Cury e de outras construtoras foi alimentado pelo arrefecimento da inflação em julho e pelas perspectivas do fim da alta da taxa Selic.

Destaques do balanço

Uma das linhas do balanço responsável pela injeção de ânimo dos investidores hoje é a da receita líquida, que bateu recorde no segundo trimestre e atingiu R$ 602,8 milhões. A cifra representa uma alta de 33,6% ante o mesmo período do ano passado.

Segundo a XP, o número foi impulsionado pela alta histórica de 31,5% das vendas líquidas, na mesma base de comparação, para R$ 897 milhões.

Outra fonte de otimismo é a margem bruta da companhia, que ficou em 35,8%. Apesar de ter registrado uma leve queda de 0,3 ponto percentual, o Itaú BBA considera que o indicador ainda está em um “patamar saudável”.

A receita para o sucesso da Cury (CURY3)

Os analistas da divisão de investimentos do Itaú destacam que a manutenção das margens em um cenário de custos desafiador mostra que a estratégia de precificação da companhia tem sido bem sucedida.

E, de acordo com a Genial Investimentos, o reajuste no valor dos empreendimentos deve implicar em ganhos para o indicador nos próximos meses agora que a inflação finalmente começou a ceder.

O preço médio dos lançamentos cresceu 40,8% na base anual e chegou a R$ 297,7 mil por unidade no segundo trimestre.

Veja também - A Selic não deveria subir mais?

É hora de colocar Cury (CURY3) na carteira?

Com o histórico de boa performance financeira e operacional, os analistas da corretora esperam que a Cury siga apresentando resultados “bem acima da média do setor”. E a visão positiva também se estende para os papéis da construtora.

A Genial destaca que a companhia entrega o maior dividend yield — retorno com base no pagamento de proventos —  do setor. Além disso, ela está “barata”, negociando a 4,9x P/E (índice que relaciona o preço atual da ação e o lucro estimado) para 2023.

Por isso, a corretora coloca a empresa como sua favorita do setor e indica a compra para os papéis CURY3, com preço-alvo de R$ 12. O valor implica em um potencial de alta de 29,3%, em relação à cotação atual da companhia.

Itaú BBA e XP também recomendam compra para a Cury. Com o salto dos papéis hoje, porém, o banco de investimento não prevê ganhos, com preço-alvo de R$ 9, enquanto a corretora aposta em um valor justo de R$ 13 e alta de 40%.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

NÃO EMPOLGOU

O The Merge do ethereum foi um fiasco? 3 fatos para entender por que a criptomoeda despencou após a atualização mais esperada da história

26 de setembro de 2022 - 13:35

Analistas entendem que os benefícios do The Merge apenas começaram e a disparada das cotações só deve acontecer entre 3 e 5 anos

ESTÁGIO E TRAINEE

Santander, Nubank e Embraer estão com vagas abertas para estágio e trainee; veja oportunidades com bolsas-auxílio de até R$ 8 mil

26 de setembro de 2022 - 13:26

Os processos seletivos aceitam candidaturas até o final de outubro, com início previsto a partir de janeiro de 2023

SEGURO MORREU DE VELHO…

Ação do IRB (IRBR3) pode subir mais de 50%, mas o Safra diz que não é hora de comprar; saiba por quê

26 de setembro de 2022 - 13:07

O banco tem recomendação neutra para os papéis da resseguradora, e cortou o preço-alvo de R$ 2,40 para R$ 1,70 em reflexo da oferta primária de ações que captou R$ 1,2 bilhão no início do mês.

DIVIDENDO E CAPITAL

Localiza (RENT3) vai colocar R$ 346 milhões no bolso dos acionistas, mas pode “tirar” uma parte em outra operação; entenda

26 de setembro de 2022 - 10:34

Localiza (RENT3) vai distribuir juros sobre o capital próprio (JCP), mas chama acionistas para aumento de capital que pode chegar a R$ 150 milhões

é hora de comprar?

XP inicia cobertura da Eletrobras (ELET3) com recomendação de compra e acredita que o papel pode subir 55%

26 de setembro de 2022 - 10:14

Para a XP, potencial de valorização da Eletrobras (ELET3) tem relação com forte geração de caixa e mudanças trazidas pela privatização

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies