Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-30T11:05:11-03:00
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
criptocashback

Méliuz compra Alter Pagamentos. Cashback em bitcoin vale a pena?

O cashback e as criptomoedas ainda precisam ganhar espaço no mercado brasileiro, mesmo com números crescentes

30 de julho de 2021
10:05 - atualizado às 11:05
méliuz, cashnack, bitcoin
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A Méliuz (CASH3) segue movimentando os mercados e agora mira no mundo das criptomoedas. A empresa anunciou na noite de ontem (29) a compra da Alter Pagamentos, especializada em negociação de criptoativos. 

De acordo com o comunicado, o valor da transação é de aproximadamente R$ 25,9 milhões, sujeito a ajustes até a conclusão das negociações. A Méliuz reconhece a importância das criptomoedas e o crescimento do mercado deve atrair mais clientes para os negócios. 

Cashback em criptomoedas

O desconto por meio de cashback ainda é um mercado que precisa crescer no Brasil, mas já ganha adeptos das mais diversas formas. Da mesma maneira, as criptomoedas também têm sua popularidade crescendo no país e atraem investidores, que veem retornos na casa dos dois dígitos.

Juntar esses dois mundos não deve ser uma tarefa fácil. Os especialistas veem o cashback em criptomoedas como uma maneira de inserir novos investidores neste mundo. A Alter, por exemplo, oferece retornos em bitcoin (BTC).

Por volta das 9h, um bitcoin valia aproximadamente US$ 38 mil, ou quase R$ 200 mil. Assim, você pode adquirir uma moeda digital sem necessariamente criar uma conta em uma exchange ou operar diretamente na blockchain com a sua wallet de cripto.

Por outro lado…

Os especialistas também recomendam cautela, não apenas na hora de investir, mas na hora de aceitar esse negócio. Receber bitcoin ou ethereum (ETH), a segunda principal moeda do mercado, pode ser positivo, mas é preciso ficar atento às shitcoins, moedas que não possuem valor algum.

Diferentemente dos projetos que os especialistas recomendam, como a Chainlink (LINK) ou a Uniswap (UNI), essas altcoins (moedas alternativas ao bitcoin) não têm perspectiva de crescimento e são, muitas vezes, criadas por brincadeira, como o dogecoin (DOGE), por exemplo

Confira aqui os seis projetos que os especialistas estão de olho neste semestre e clique aqui para ver outras moedas que foram criadas para se divertir. Também não deixe de ver o nosso vídeo no YouTube:

Por isso, antes de investir em qualquer criptomoeda, os especialistas recomendam conhecer bem o projeto e manter uma carteira equilibrada com ativos de maior e menor risco, de acordo com seu perfil de investidor.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

MERCADOS HOJE

Evergrande injeta temor no mercado global e bolsas têm dia de fortes perdas; Ibovespa fecha no menor nível desde novembro

Temor de que os problemas da incorporadora chinesa gerem uma reação em cadeia no mercado global afundou as bolsas nesta segunda-feira (20)

Ruído político

Congresso não participou de debate sobre aumento no IOF, revela presidente da Câmara

Arthur Lira também declarou que quer avançar com a reforma administrativa e uma solução para a questão dos precatórios ainda nesta semana

Na onda do minério

Mercado Livre (MELI34) ultrapassa Vale (VALE3) e se torna a empresa mais valiosa da América Latina

A gigante de comércio eletrônico argentina conquistou o posto após a mineradora brasileira perder R$ 43,6 bilhões em valor de mercado na última semana

Vídeos

Investir em IPOs vale a pena? Saiba as causas dessa febre do mercado

O ano de 2021 está mostrando a força do setor dos IPOs. São diversas empresas que abriram seu capital e fizeram sua oferta primária. Matheus Spiess, analista da Empiricus, explica neste vídeo sobre este cenário. Confira

desaceleração a caminho

Renda fixa: Por que a Evergrande derruba o Ibovespa, mas alivia o mercado de juros

Desempenho é oposto ao que se poderia esperar quando há pânico no mercado, diz especialista; contratos DIs para janeiro de 2022 caem de 7,09% para 7,08%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies