2021-10-05T10:57:37-03:00
Maria Eduarda Nogueira
RadioCash

TOTVS quer explorar serviços financeiros e soluções para e-commerce; veja a entrevista completa com o CEO, Dennis Herszkowicz

Após comprar a RD Station e fundar uma nova empresa de serviços financeiros em parceria com a B3, a tech de soluções empresariais segue além do ERP

5 de outubro de 2021
10:56 - atualizado às 10:57
Dennis Herszkowicz, presidente da Totvs
Dennis Herszkowicz, presidente da Totvs - Imagem: Totvs

Não é exagero dizer que quando se pensa em ERP (sistema integrado de gestão empresarial) no Brasil, se pensa em TOTVS. Com 50% do market share no país, a empresa de tecnologia agora avança para novas frentes: serviços financeiros (techfin) e soluções para aprimorar o e-commerce (business performance). 

Não que o negócio de ERP não esteja pujante. Com uma base de 40 mil clientes, TOTS3 movimentou em torno de 2 trilhões de receita nos últimos 12 meses ‒ aproximadamente 25% do PIB do Brasil. 

Agora, através de fusões e aquisições, os chamados M&A’s, a empresa está em busca de capturar um mercado além do ERP. Já há três anos trabalhando nessas novas frentes, techfin e business performance representam atualmente 15% da receita da TOTVS

Quem está por trás dessas mudanças é o CEO, Dennis Herszkowicz, que acumula no currículo uma longa passagem pela Linx, empresa que a própria TOTVS tentou comprar no ano passado

Determinado e com vontade de “crescer rápido”, Herszkowicz se formou em Propaganda e Marketing e até tentou carreira no mercado financeiro, mas foi na gestão de empresas de tecnologia que ele encontrou seu caminho. 

O CEO da TOTVS foi convidado do RadioCash, podcast especializado em mercado financeiro, apresentado por Jojo Wachsmann, Richard Camargo e Cristiane Fensterseifer. Ouça o episódio completo abaixo e saiba mais sobre os planos de TOTS3 nos próximos parágrafos:

O que define um M&A em tecnologia, segundo o CEO da TOTVS

Após realizar um follow-on (oferta de novas ações na Bolsa) em setembro, a TOTVS conseguiu angariar quase R$ 1,5 bilhão para explorar suas novas avenidas de crescimento. Em entrevista ao podcast, o CEO fala que “o pipeline de M&A’s é muito amplo” e existem mais de 100 possibilidades de fusões e aquisições para a empresa continuar avançando.

Na visão de Herszkowicz, existem dois principais fatores que definem um M&A na área de tecnologia: o tempo do mercado e a capability

No primeiro caso, um M&A pode ser um atalho para aproveitar uma oportunidade no tempo certo, antes que se perca o timing do negócio. Já o segundo se refere à capacidade da empresa de desenvolver algum novo produto sozinho. Quando não é possível fazer isso, uma fusão ou aquisição se torna mais vantajosa do que tomar o risco de tentar criar algo do zero. 

Para o CEO da TOTVS, o M&A acaba sendo um grande acelerador de oportunidades

Em março, por exemplo, a TOTVS adquiriu a plataforma de marketing digital RD Station por R$ 1,8 bilhão, com objetivo de expandir sua presença no setor de business performance. No setor de techfin, a empreitada recente foi criar a nova TFS (Totvs Financial Services), em parceria com a B3. 

Grau de digitalização baixo da economia brasileira pode ser oportunidade para a TOTVS

Como uma tech de soluções empresariais focada em companhias de pequeno e médio porte, a TOTVS ainda tem bastante para crescer, já que, segundo Dennis Herszkowicz, “boa parte dos segmentos da economia ainda tem um grau de digitalização baixo”. Segundo o CEO, o setor que mais tem avançado nessa frente é o varejo, por causa de uma demanda direta por parte dos consumidores pessoa física.

Para ele, o nível de investimentos em tecnologia está subindo e o cenário se torna favorável para TOTS3: “Uma parcela razoável do nosso crescimento nos últimos anos, mesmo durante a pandemia, vem exatamente de uma tentativa das empresas em todos os segmentos de tentar fechar o gap que foi gerado nos últimos anos com um grau de investimento menor do que deveria.”

Acompanhado pelo crescimento do setor tech, vem também uma demanda maior por profissionais, já que a mão de obra da área é extremamente profissionalizada ‒ e relativamente escassa, no Brasil. Dennis Herszkowicz comenta que essa é uma preocupação para TOTVS, que apesar de não ter dificuldade na atração e retenção de talentos, tem investido em iniciativas educacionais para formação de novos profissionais. 

Quer escutar a entrevista completa com o CEO da TOTVS? Dê play abaixo ou procure por RadioCash na sua plataforma de podcasts preferida:

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

SELEÇÃO DE ATIVOS

13º salário de 2021 cai na conta até amanhã! Veja onde investir se você tem perfil conservador

Consultamos especialistas e o veredito é unânime: no cenário atual o que não faltam são oportunidades, mesmo para os investidores menos inclinados ao risco

ECONOMIA X COVID

Economia monitora variante ômicron da covid-19, mas programas de auxílio dependem da PEC dos Precatórios; pasta evita falar em gastos fora do teto

Ministério da Economia evita falar em crédito extraordinário, como acontece nos casos de guerras ou calamidades públicas

Black Friday em números

Varejo cresce 6,3% na Black Friday e vê crescimento de lojas virtuais com e-commerce aquecido; confira dados

Apesar do aumento em relação à Black Friday de 2020, o patamar de faturamento do varejo foi 9,1% inferior ao registrado em 2019

Desdobramentos da crise

Presidente da Latam, Roberto Alvo diz que recusou oferta ‘incompleta’ e ‘insuficiente’ da Azul

O conteúdo dela é confidencial”, afirmou, em entrevista coletiva. Procurada, a Azul não quis comentar

Solana no MB

Exclusivo: Solana (SOL), 5ª maior criptomoeda do mundo, chega Mercado Bitcoin com alta de mais de 12.000% no ano

A quinta maior criptomoeda do mundo vem conquistando o mercado porque se coloca como uma blockchain alternativa ao ethereum (ETH)