Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-08T16:55:13-03:00
Ricardo Gozzi
LIVRO BEGE

Variante delta, falta de suprimentos e escassez de mão de obra desaceleraram crescimento dos EUA

Documento compilado pelo Fed também aponta para manutenção da alta dos preços pelos próximos meses

8 de setembro de 2021
16:54 - atualizado às 16:55
Ata Fed
Imagem: Shutterstock

O avanço da variante delta do novo coronavírus, a falta de suprimentos e a escassez de mão de obra fizeram com que o crescimento econômico dos Estados Unidos perdesse força entre o início de julho e o mês de agosto, desacelerando para um ritmo moderado. As informações constam da mais recente edição do Livro Bege, divulgado na tarde de hoje pelo Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano).

De acordo com o Livro Bege, a desaceleração da atividade econômica no período pode ser atribuída, em grande parte, a uma retração nas atividades de restaurantes, viagens e turismo na maioria dos distritos analisados. Tal retração, prossegue o Fed, seria um reflexo das preocupações devido ao avanço da variante delta do coronavírus e, em alguns casos, às restrições a viagens internacionais.

Além disso, também foram citados impactos de problemas nas cadeias de produção, incluindo escassez de materiais e trabalhadores, com destaque para o setor automotivo.

Emprego cresce, mas escassez da mão de obra persiste e eleva salários

O crescimento do emprego continua a se fortalecer em todos os distritos dos Estados Unidos, aponta o Livro Bege, documento que embasa as decisões de política monetária do banco central dos EUA.

O ritmo de criação de postos de trabalho passou de leve a forte no intervalo entre julho e agosto.

A demanda por trabalhadores continua a ganhar força, mas todos os distritos notaram ampla escassez de mão de obra. A situação restringe o avanço do emprego e, "em muitos casos", dificulta a atividade empresarial, observa o documento. Para atrair funcionários, empresas passaram a aumentar salários, adotar bônus, treinamentos e flexibilidade.

Vários distritos notaram ganhos salariais particularmente "intensos" entre os trabalhadores com salários mais baixos.

Ao mesmo tempo, alguns distritos observaram que o retorno ao trabalho presencial foi adiado por conta do avanço da cepa delta do coronavírus.

Empresas antecipam altas significativas nos preços de venda

Alguns distritos relataram que as empresas estão achando mais fácil repassar os aumentos de custos por meio de preços mais altos, afirma o Livro Bege.

A falta de recursos generalizada tem pressionado os preços e várias empresas têm informado problemas para obter seus principais insumos, detalha o documento.

A maioria dos distritos americanos notou um aumento substancial no custo de metais e produtos à base de metal, frete e serviços de transporte, e em materiais de construção.

O Livro Bege ainda mostrou que a inflação deve permanecer elevada, uma vez que metade dos distritos vê o ritmo de preços como forte e a outra metade, como moderado.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

DESTAQUE DO DIA

Minério de ferro despenca mais 8% e siderúrgicas e Vale acompanham queda

A redução da produção de aço vem trazendo seguidas perdas para o minério de ferro.

O que mexe com o preço do bitcoin (BTC) hoje: falas de Ray Dalio e da gestora que previu alta das ações da Tesla movimentam o dia

Otimismo com bitcoin a US$ 500 mil e preocupação com a regulamentação: quem vencerá o cabo de guerra das criptomoedas

Parceria digital

Assaí (ASAI3) faz parceria com Cornershop, aplicativo de compras online

A plataforma foi criada para que consumidores comprem produtos de supermercados locais com entregas rápidas ou programadas

Exile on Wall Street

O que faz as empresas falharem? Conheça as cinco “assassinas silenciosas” que podem impactar nos seus investimentos

O verdadeiro início da derrocada de uma empresa não pode ser devidamente noticiado pelas finanças ou pelas operações, mas somente dentro do núcleo de cultura corporativa

CAPTAÇÕES BILIONÁRIAS

Localiza, Unidas e Movida vão a mercado em busca de R$ 5 bilhões com emissões de debêntures

Locadoras de veículos se recuperaram rapidamente da crise da covid-19 e buscam recompor o caixa em meio à escassez de componentes no setor automotivo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies