A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2021-02-25T08:16:18-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Esquenta dos Mercados

Correios entram na agenda de privatizações e balanço da Petrobras deve animar bolsa hoje

Com o avanço da agenda e novos dados da Petrobras, o exterior cauteloso deve ser a única força contrária para o avanço do Ibovespa

25 de fevereiro de 2021
8:00 - atualizado às 8:16
touro e urso: bull market vs. bear market
Imagem: Shutterstock

Uma luz cruzou o céu do investidor brasileiro, e ela se chama balanço da Petrobras (PETR4). Em meio a tantas turbulências da estatal, a divulgação do lucro da empresa veio, se não para acalmar os ânimos, para retirar algumas preocupações no curto prazo.

A empresa conseguiu registrar lucro em um ano de pandemia, e os comentários sobre os recentes eventos de troca de diretoria devem surgir na teleconferência sobre os dados do quarto trimestre que ocorre nesta quinta-feira (25), às 10h.

Também deve brilhar no céu a sequência de privatizações propostas pelo governo. Depois da Eletrobras (ELET6), os Correios entraram na pauta, após o governo entregar um projeto de lei que abre caminho para que a empresa passe a ser de economia mista. 

Em meio ao cenário interno, os investidores de Wall Street devem ficar atentos aos dados da economia norte-americana, mesmo após o presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), Jerome Powell, acalmar os ânimos no congresso na tarde de ontem.

Fique por dentro do que pode influenciar os mercados hoje:

Fechamento de ontem

Em mais um dia de recuperação modesta após o Bolsonaro Day, o Ibovespa fechou em alta de 0,38%, aos 115.667 pontos. Já o dólar, seguindo sua trajetória global e sendo contaminado pelo clima no exterior, encerrou o pregão recuando 0,40%, a R$ 5,4207.

Lucro da Petro

A empresa com o melhor arco de redenção dos últimos tempos foi sem dúvida a Petrobras. Após despencar mais de 20% na segunda-feira (22), a estatal vem se recuperando nos pregões seguintes. No meio dessa história, a divulgação do balanço com lucro recorde veio para animar os investidores novamente.

Depois de meses de políticas de austeridade, a Petrobras divulgou um lucro de R$ 59,9 bilhões, revertendo os prejuízos do restante do ano, fechando 2020 com um inesperado ganho de R$ 7,1 bilhões.

Mas as incertezas agora deixam de ser de ordem prática e passam a ser políticas. Com a troca de Roberto Castello Branco por Joaquim Silva e Luna, os investidores temem que a continuidade dessas medidas de melhora do endividamento acabem.

A teleconferência para comentar o balanço da empresa está marcada para às 10h. Existem expectativas de que a interferência na estatal seja comentada nessa reunião.

Agenda de privatizações

O presidente da República Jair Bolsonaro foi uma segunda vez ao Congresso em menos de uma semana para entregar um projeto de lei (PL) que abre caminho para a privatização dos Correios. No início da semana, Bolsonaro e seus ministros da Economia, Paulo Guedes, e de Minas e Energia, Bento Albuquerque, entregaram uma medida provisória sobre a privatização da Eletrobras. 

Essa deve ser uma sinalização ao mercado de que o governo não abriu mão da agenda liberal, tentando ofuscar a imagem intervencionista depois de trocar a presidência da Petrobras. De acordo com o texto, os Correios se tornariam uma sociedade de economia mista, assim como acontece com a petroleira estatal. 

O texto ainda precisa ser aceito pela Câmara e, se aprovado, entregue para a análise do Senado. 

Leão

A Receita Federal deixará o programa para declaração do Imposto de Renda (IR) disponível hoje, a partir das 8h. O prazo para a entrega da declaração de 2021 vai de primeiro de março até o dia 30 de abril, com ano-base 2020.

O programa pode ser acessado tanto pelo computador quanto pelo celular ou navegador online. 

Internacional

As bolsas asiáticas seguiram o bom desempenho de Wall Street e fecharam majoritariamente em alta. O presidente do Federal Reserve (Fed , o banco Central americano), Jerome Powell, afirmou que os EUA não têm pressa em retirar os estímulos da maior economia do mundo.

Além disso, ele tranquilizou o Congresso dizendo que não havia sinais de descontrole da inflação nos Estados Unidos. O comentário sobre os juros futuros também ajudou a arrefecer o medo dos investidores, dizendo que, se a inflação subir, o Fed pode alterar sua política e elevar os juros. 

Com isso, as bolsas europeias também abriram majoritariamente em alta, com os futuros de Nova York apontando para um dia misto. Mesmo após as falas de Powell, os investidores estão apreensivos com a alta nos juros e devem ficar de olho nos indicadores da economia americana que saem hoje. 

Agenda do dia

A FGV deve divulgar hoje por volta das 8h o Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M). Além disso, o Governo Federal deve lançar os dados da arrecadação federal em janeiro, às 10h30. Às 14h30 deve sair o resultado primário do Governo Central de janeiro.

O Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, e o ministro da Economia, Paulo Guedes, participarão de uma reunião do Conselho Monetário Nacional (CMN), às 15h. 

Nos EUA, também às 10h30, devem sair os dados revisados do PIB do quarto trimestre do ano passado, bem como os pedidos de auxílio desemprego no mesmo horário.

Empresas

A Ambev divulgou seu balanço hoje de manhã. Após o fechamento, Vale (VALE3) e Fleury (FLRY3) são algumas das empresas que devem apresentar seus resultados do quarto trimestre. 

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

BALANÇO DA HOLDING

Lucro líquido da Itaúsa (ITSA4) recua 12,5% no segundo trimestre, mas holding anuncia JCP adicional; confira os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 19:52

A Itaúsa (ITSA4) esperou até o último dia da temporada de balanços para revelar os números do segundo trimestre. E a paciência dos investidores não foi recompensanda: a companhia lucrou R$ 3 bilhões, uma queda de 12,5% na comparação com o mesmo período do ano passado. O retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) sobre o […]

BALANÇO

Resultado da Méliuz (CASH3) piora e empresa de cashback registra prejuízo líquido de R$ 28,2 milhões no segundo trimestre

15 de agosto de 2022 - 19:07

Os papéis da Méliuz amargam perdas de 87% no ano, mas entraram no mês de agosto em tom mais positivo, com ganho mensal de 7%

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Magazine Luiza (MGLU3) dá a volta por cima, XP vai às compras e futuro do ethereum; confira os destaques do dia

15 de agosto de 2022 - 18:52

Há pouco mais de dois meses, quando conversei com diversos analistas e gestores de mercado sobre as expectativas para o segundo semestre, poucos foram aqueles que apostaram nos setores de grande exposição à economia doméstica como boas alternativas para a segunda metade do ano.  Não que empresas ex-queridinhas como Magazine Luiza (MGLU3), Via (VIIA3) e […]

ACIONISTAS FELIZES

Dividendos: Itaúsa (ITSA4) pagará JCP adicional e data de corte é nesta semana; veja como receber

15 de agosto de 2022 - 18:47

Vale lembrar que, após a data de corte, as ações serão negociadas “ex-direitos” e passarão por um ajuste na cotação referente aos proventos já alocados

Resultados

Nubank (NUBR33) tem prejuízo acima do esperado no 2º tri, e inadimplência continuou a se deteriorar; veja os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 18:42

Prejuízo líquido chegou a quase US$ 30 milhões, ante uma expectativa de US$ 10 milhões; inadimplência veio dentro do esperado, segundo o banco

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies