O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2021-11-29T09:08:47-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro avança mais de 1% puxado pelo exterior e dólar abre estável

Os investidores permanecem de olho na votação da PEC dos precatórios, marcada para esta terça-feira (30)

29 de novembro de 2021
9:06 - atualizado às 9:08
Gráfico de alta
As bolsas internacionais registram alta na manhã desta segunda, em busca de recuperaçãoImagem: Shutterstock

O Ibovespa futuro opera em alta de 1,32%, aos 103.705 pontos por volta das 9h desta segunda-feira (29). O dólar à vista, por sua vez, cai 0,05%, cotado a R$ 5,5849.

No pregão da última sexta-feira (26), o Ibovespa foi um pouco além dos índices americanos e recuou 3,93%, fechando aos 102.224 pontos. O desempenho negativo visto hoje apagou os ganhos da semana, e o principal índice da bolsa recuou 0,79% no período. O dólar à vista chegou a bater R$ 5,66 na máxima do dia, mas terminou a sessão em alta moderada de 0,55%, a R$ 5,5958, uma desvalorização de 0,23% nos últimos dias.

Acompanhe a nossa cobertura de mercados: você pode conferir todos os nossos textos de mercados clicando aqui. A cobertura acontece todos os dias da abertura até o fechamento.

Logo de cara, o investidor deve analisar a divulgação do IGP-M de novembro nesta segunda-feira (29). O indicador ficou abaixo do piso das estimativas e avançou apenas 0,02% em novembro, muito abaixo da mediana das projeções de 0,30% de acordo com o Broadcast.

Com isso, o IGP-M acumula 17,89% de alta em 12 meses, contra avanço de 21,73% no mesmo período até outubro deste ano.

Além, disso, a cautela com a PEC dos precatórios volta a preocupar os investidores, com dados da PNAD contínua e PIB ainda nesta semana. Os contornos da eleição presidencial de 2022 começam a se formar, o que deve adicionar ainda mais aversão ao risco no cenário doméstico. 

Enquanto mundo monitora os desdobramentos do impacto sanitário da covid-19 nos negócios enquanto os investidores precisam digerir uma série de falas do presidente do Federal ReserveJerome Powell, que foi reconduzido à chefia do Banco Central americano recentemente.

Boletim Focus desta semana

  • IPCA 2021: de 10,12% para 10,15% (↑)
  • IPCA 2022: de 4,96% para 5,00% (↑)
  • PIB 2021: de 4,80% para 4,78% (↓)
  • PIB 2022: de 0,70% para 0,58% (↓)
  • Selic 2021: permanece em 9,25% (=)
  • Selic 2022: permanece em 11,25% (=)

Saiba o que esperar da bolsa hoje: Esquenta dos mercados: mundo monitora avanço da variante ômicron da covid-19 em semana de Livro Bege e PIB brasileiro

Indicadores

Bolsas, commodities e moedas
Dow Jones futuro+0,73%
S&P 500 futuro +0,91%
Nasdaq futuro +1,05%
(Europa) Stoxx 600+1,25%
(China) Xangai - Fechado-0,04%
(Japão) Nikkei - Fechado-1,63%
Petróleo BrentUS$ 75,06 o barril (+4,60%)
Minério de ferro (Qingdao, China)US$ 103,27 por tonelada (+6,83%)
Bitcoin (BTC)US$ 57.166,39 (+4,63%) / R$ 320.617,67 (+6,54%)
Fonte: Coin Market Cap, Investing.com e Broadcast

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

CVM recua e libera distribuição de dividendos do fundo imobiliário Maxi Renda FII (MXRF11) com base no ‘lucro caixa’ — relembre o caso

A xerife do mercado de capitais reconheceu “a existência de obscuridade e contradição” na decisão original

Superou o trauma? Bitcoin (BTC) segue no patamar de US$ 30 mil; saiba se a maior criptomoeda do mundo sustentará esse nível

BTC terá também que superar os críticos às moedas digitais, que não pouparam esforços para injetar ainda mais medo nesse mercado já extremamente desorientado

CEO do JP Morgan leva cartão vermelho de acionistas e pode ficar sem bônus milionário, entenda a decisão rara

A desaprovação foi a primeira desde que o conselho do banco norte-americano enfrentou um voto negativo sobre compensações desde que as regras foram introduzidas, há mais de uma década

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Hapvida, Magazine Luiza e Nubank tombam, mas Ibovespa fecha o dia no azul; confira os destaques desta terça-feira

O maior apetite ao risco e a expectativa de manutenção no ritmo de alta no juro nos Estados Unidos ajudou o Ibovespa, que teve um dia de ganho

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa sustenta alta após susto inicial com Powell; dólar cai abaixo dos R$ 5

O Ibovespa fechou o dia longe das mínimas, mas o dólar caiu 2% com o apetite por risco no exterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies