2020-04-24T19:05:54-03:00
Estadão Conteúdo
SAÍDA DE MORO

Força-tarefa da Lava Jato diz que interferir em investigações é ato da ‘mais elevada gravidade’

“É inconcebível que o presidente da República tenha acesso a informações sigilosas ou que interfira em investigações”, afirma a força-tarefa

24 de abril de 2020
15:10 - atualizado às 19:05
Presidente da República, Jair Bolsonaro
Presidente da República, Jair Bolsonaro - Imagem: Marcos Corrêa/PR

A força-tarefa da Lava Jato no Paraná afirmou que as declarações do ex-ministro Sérgio Moro sobre tentativas de interferência do presidente Jair Bolsonaro são atos "da mais elevada gravidade" e que é "inconcebível" o acesso do Planalto a informações sigilosas.

"A tentativa de nomeação de autoridades para interferir em determinadas investigações é ato da mais elevada gravidade e abre espaço para a obstrução do trabalho contra a corrupção e outros crimes praticados por poderosos, colocando em risco todo o sistema anticorrupção brasileiro", afirma a Lava Jato.

De acordo com os procuradores, a escolha de pessoas para cargos na estrutura do Ministério da Justiça e da Polícia Federal não pode servir "para interferência político-partidária nas investigações e processos".

"É inconcebível que o presidente da República tenha acesso a informações sigilosas ou que interfira em investigações", afirma a força-tarefa.

Ao anunciar sua demissão do governo federal, Moro criticou a insistência do presidente Jair Bolsonaro para a troca do comando da Polícia Federal, sem apresentar razões aceitáveis. O ex-juíz da Lava Jato também disse que o presidente queria ter acesso a informações e relatórios confidenciais de inteligência da PF.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

DESTAQUES DO DIA

Commodities brilham e Gerdau (GGBR4), Braskem (BRKM5) e PetroRio (PRIO3) puxam recuperação do Ibovespa

Enquanto o Ibovespa sobe mais de 1%, o bom desempenho das empresas ligadas ao setor de commodities puxam a recuperação do índice

Bitcoin (BTC) hoje

Bitcoin começa dezembro em alta e se mantém nos US$ 58 mil; Terra (LUNA) e Shiba Inu (SHIB) são destaques entre as altcoins

As criptomoedas deixam para trás um final de mês difícil e avançam apesar das últimas declarações da secretária do Tesouro dos EUA sobre a regulamentação de stablecoins

Conteúdo NovaDAX

NovaDAX diversifica portfólio com listagem de cinco novas moedas

Os investidores da plataforma agora tem mais opções de trade

BURACO NEGRO

Empresa de Elon Musk à beira da falência? Bilionário admite que o risco é real se a SpaceX não decolar

Em e-mail enviado aos funcionários, CEO descreve a existência de uma crise muito pior do que a imaginada no desenvolvimento dos motores Raptor

Índice em expansão

Casa cheia: Porto Seguro (PSSA3) e Positivo (POSI3) entram na primeira prévia do novo Ibovespa

As units da GetNet (GETT11) foram excluídas da carteira nessa primeira prévia; com isso, o Ibovespa começaria 2022 com 93 ativos