Menu
2020-10-03T13:10:55-03:00
Estadão Conteúdo
Vai uma fatia aí?

Petrobras celebra 67 anos com protestos e discursos de Lula e Dilma

Petroleiros criticam concentração das operações da empresa em São Paulo e no Rio de Janeiro

3 de outubro de 2020
13:10
Petrobras
Imagem: Shutterstock

O aniversário de 67 anos da Petrobras neste sábado será marcado por uma série de manifestações promovidas por sindicatos representantes de empregados da empresa filiados à Federação Única dos Petroleiros (FUP). Às 15 horas vai acontecer um ato virtual 'Pela soberania nacional, em defesa do povo brasileiro', com a presença dos ex-presidentes petistas Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.

Uma faixa com o dizer 'Petrobras Fica - se você deixar, vai acabar' foi estendida nos Arcos da Lapa, no Centro do Rio, próximo à sede da empresa.

As manifestações são, principalmente, contra a venda de ativos da companhia, que está concentrando sua atuação em campos produtores de petróleo e refinarias do Rio de Janeiro e São Paulo. Essa estratégia levou parlamentares e governadores a articularem a campanha 'Petrobras, Fica', pela manutenção da empresa em outras regiões do País, algumas delas com suas economias dependentes da estatal, como antecipou o Broadcast.

Na última quinta-feira, o Supremo Tribunal Federal autorizou a petrolífera a vender refinarias sem se submeter ao Congresso. As mesas do Senado e do Congresso haviam contestado essa postura, com o argumento de que ela fere a Constituição. Ontem, o STF derrubou ação direta de inconstitucionalidade, que questionava o direito dado à Petrobras de comprar bens e serviços para projetos de exploração e produção de petróleo e gás e vender ativos sem licitação, nas mesmas condições da iniciativa privada.

A FUP, em comunicado, destaca que a venda de ativos e adequação de portfólios faz parte da realidade de qualquer empresa. Mas, no caso da Petrobras, segundo a entidade, o programa de desinvestimento acelerou nos últimos anos, enquanto o orçamento retornou ao patamar de 2005.

Já o número de empregados foi reduzido em 32,7%, de dezembro de 2013 a dezembro de 2019. Entre os terceirizados, a baixa foi de 273,15 mil, segundo dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

"A Petrobras, que é uma empresa brasileira, que opera, investe e emprega de norte a sul do País, está virando uma companhia que opera só no Rio de Janeiro e São Paulo, situação que vai piorar com a venda das refinarias. O que vai sobrar da gigante Petrobras?", questiona Deyvid Bacelar, coordenador geral da FUP, no comunicado.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

CCR: Alerj recomenda retomar concessão de rodovia, mas governo é contra

Assembleia quer retomada da rodovia para reduzir tarifas, consideradas altas devido a irregularidades no contrato de concessão

TRETA

Maia e Alcolumbre criticam Salles após atrito com Ramos

Presidente da Câmara diz que ministro do Meio Ambiente resolveu destruir o próprio governo

SE PROTEJA

Títulos de renda fixa atrelados ao IPCA viram opção

Alta da inflação em outubro faz investidores e gestores avaliarem novas formas de proteção de patrimônio

SELEÇÃO DE NOTÍCIAS

BDR, bitcoin, shopping: o melhor do Seu Dinheiro na semana

O fim de semana chegou com uma notícia bastante esperada pelos investidores: a volta do Ibovespa ao patamar de 100 mil pontos. O principal índice da B3 foi impulsionado esta semana por dois acontecimentos. O primeiro deles foi o alívio das preocupações em torno do risco fiscal brasileiro, com políticos e governo demonstrando compromisso com a manutenção do teto de gastos. Outro tema foi a esperança de aprovação de um pacote de estímulos […]

TRIBUTAÇÃO

É ilegal tributar doação fora do país, diz Toffoli

Ministro votou pela inconstitucionalidade da cobrança de ITCMD quando patrimônio herdado ou doado está no exterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies