Menu
2020-06-30T13:31:14-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
tchau

Berkshire se desfez de todas as ações de aéreas, diz Warren Buffett

Portfólio da empresa administrada pelo bilionário incluía papéis da American, Southwest, United e Delta Airlines; companhia teve prejuízo no trimestre

2 de maio de 2020
20:28 - atualizado às 13:31
buffett2
Imagem: Reprodução Yahoo!

O bilionário Warren Buffett disse que a Berkshire Hathaway, conglomerado que ele administra, vendeu todas as ações das grandes companhias aéreas nos Estados Unidos. O portfólio da empresa incluía papéis da American, Southwest, United e Delta Airlines.

"Não sei se os americanos mudaram ou mudarão de hábitos por causa do período prolongado [de quarentena]", disse. "Mas acredito que certos setores - e, infelizmente, entre eles o aéreo - serão realmente prejudicados por um 'shutdown'", disse, em encontro anual da Berkshire Hathaway neste sábado (2).

O evento tem transmissão ao vivo pela internet e participação de poucas pessoas no local, incluindo a imprensa norte-americana. Um repórter perguntou se a Berkshire Hathaway havia vendido ações de todas as companhias do setor e o bilionário disse que sim. "Quando vendemos algo, na maioria das vezes é toda nossa participação. Não cortamos posições", afirmou.

Para o Buffett, não está claro por quanto tempo as empresas do setor vão ter de sustentar bilhões de dólares em perdas operacionais por causa da baixa demanda. O bilionário disse ainda que a venda de US$ 6,1 bilhões em ações em abril é reflexo, em grande parte, da saída da Berkshire das quatro grandes companhias aéreas americanas.

Neste sábado, a Berkshire Hathaway divulgou prejuízo de US$ 49,7 bilhões no primeiro trimestre. No mesmo período de 2019, a companhia havia informado um lucro de US$ 21,6 bilhões. A posição de caixa é de cerca de US$ 137,3 bilhões, diz a empresa — um aumento de cerca de US$ 10 bilhões em relação ao fim de 2019.

Crise do setor

As companhias aéreas estão entre as primeiras que sentiram o baque da crise do novo coronavírus, com a queda imediata da demanda causada pela restrições de circulação de pessoas em todo o mundo.

Segundo a consultoria Bain & Company, o setor deve sofrer impactos negativos em sua cadeia pelo menos até o fim de 2023. A queda na demanda global por voos deve atingir 70% em junho e ficar entre 40% e 55% neste ano, diz o estudo.

Para a Associação Internacional de Transportes Aéreos (Iata), o recuo será de 55% na receita com passageiros. O CEO da Iata, Alexandre de Juniac, disse em teleconferência no último dia 28 que "a indústria aérea está desesperada por recursos".

O setor aéreo brasileiro tem a promessa de recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) - estimado na ordem de R$ 3 bilhões para cada companhia. Mas as negociações por ora estão travadas.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

relações com os eua

Não acho que sucessão nos EUA mude disputa com China por 5G, diz Mourão

Mais uma vez questionado sobre a possibilidade de o governo brasileiro reconhecer a vitória do democrata Joe Biden na eleição americana, Mourão repetiu o discurso de que, “no momento certo, será feito o que tiver de ser feito”

em expansão

Notre Dame Intermédica compra Grupo Hospitalar de Londrina por R$ 170 milhões

Plano de integração com a empresa comprada prevê sinergias operacionais e administrativas com as operações da Clinipam no Estado do Paraná

seu dinheiro na sua noite

ESG no Brasil é conversa pra boi dormir?

Na última quinta-feira, véspera do Dia da Consciência Negra, o País ficou horrorizado com a morte de João Alberto de Freitas, homem negro que foi espancado por seguranças de uma loja da rede Carrefour em Porto Alegre. Não foi o primeiro incidente em uma loja da companhia a ganhar o noticiário policial. Desta vez, o […]

diante da crise

Anac aprova reequilíbrio de R$ 1,27 bilhão para quatro aeroportos

Terminais que foram beneficiados foram os aeroportos internacionais de Guarulhos (R$ 854,9 milhões), Brasília (R$ 184,8 milhões), Salvador (R$ 114,9 milhões) e Confins (R$ 111,1 milhões)

últimos capítulos

Centro de treinamento de pilotos da Varig vai a leilão

Funcionários, que esperam há 14 anos por uma solução para o pagamento de indenizações, querem que 80% do valor arrecadado seja rateado entre os 13 mil ex-empregados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies