Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-08-13T20:13:48-03:00
Renato Carvalho
Saindo da turbulência

Motores esquentando novamente? Embraer (EMBR3) volta a ter lucro e segundo semestre deve ser ainda melhor

Além dos números de abril a junho, fabricante de aviões voltou a divulgar suas projeções para 2021, com expectativas para entregas e receitas

13 de agosto de 2021
12:38 - atualizado às 20:13
Embraer
Imagem: Shutterstock

Se fizermos uma lista “top of mind” de setores prejudicados pela pandemia de covid-19, aviação certamente estará entre os mais citados. E claro que a Embraer (EMBR3) não escapou da crise. Ao menos até o segundo trimestre de 2021, quando o cenário parece ter mudado.

Depois de amargar uma sequência de prejuízos, a fabricante de aeronaves fechou o período entre abril e junho com lucro ajustado de R$ 212,8 milhões. O lucro aos acionistas da Embraer foi de R$ 438 milhões.

Isso depois de prejuízos de R$ 523 milhões no primeiro trimestre deste ano, e perdas superiores a R$ 1 bilhão no segundo trimestre do ano passado, quando a pandemia estava no seu início.

Naquele período, as fronteiras começaram a ser fechadas, e as viagens internacionais foram praticamente paralisadas. Assim, as companhias aéreas diminuíram suas operações, e a demanda por novos aviões foi no mesmo caminho.

A prévia divulgada pela Embraer em julho, com a carteira de pedidos firmes (backlog), já antecipava uma retomada aos níveis pré-pandemia. Foram 34 jatos entregues no segundo trimestre, totalizando US$ 15,9 bilhões.

O Ebitda ajustado no período ficou em R$ 837,6 milhões, ante um resultado negativo de quase R$ 625 milhões no ano passado. No primeiro trimestre, o indicador ficou positivo em pouco mais de R$ 100 milhões.

As receitas mais que dobraram em um ano, passando de R$ 2,9 bilhões no segundo trimestre do ano passado para quase R$ 6 bilhões neste ano.

Mas o que vem por aí?

Mas além dos números do trimestre passado, o que anima de verdade os investidores é a perspectiva dada pelos guidances divulgados pela Embraer. Tanto que a ação teve a segunda maior alta do Ibovespa no dia, com valorização de 7,28%, a R$ 20,79.

A companhia espera ter receita líquida consolidada entre US$ 4 bilhões e US$ 4,5 bilhões neste ano, com margem Ebitda ajustada entre 8,5% e 9,5%. No segundo trimestre, a margem foi de 14,1%.

Nas entregas, a Embraer projeta fechar o ano com um número entre 45 e 50 aviões comerciais, e entre 90 e 95 jatos executivos. Até junho, foram 23 comerciais e 33 executivos.

Para o fluxo de caixa livre, a companhia espera um intervalo que pode ir de queima de US$ 150 milhões até terminar o ano no zero a zero.

Veja neste vídeo outras cinco ações que estão bem descontadas e podem trazer bons retornos:

Analistas otimistas

A combinação dos números fortes do segundo trimestre e das projeções mais arrojadas animou os analistas do BTG Pactual.

O banco lembra que a projeção para o fluxo de caixa, considerado bastante importante para projetar o desempenho futuro da Embraer, não leva em conta eventuais aquisições ou venda de ativos.

O BTG já esperava que a ação reagiria bem aos números e ao guidance. E aponta motivos que podem levar a novas valorizações no curto prazo. São eles:

  • Aceleração da vacinação nos Estados Unidos e na Europa, regiões às quais a Embraer tem alta exposição;
  • Segmento Executivo mostrando resiliência na crise;
  • O alto potencial de retorno do novo negócio de mobilidade urbana, com o carro voador.

A recomendação do BTG Pactual para o American Depositary Receipt (ADR) da Embraer é de Compra, com preço-alvo de US$ 20, ante o preço de fechamento de ontem em US$ 14,68, um potencial de valorização de 36%.

Sobre a Eve, empresa de mobilidade urbana, a Ativa Investimentos conta que os executivos da Embraer fizeram comentários durante a teleconferência com analistas, e se mostraram bastante otimistas.

A Embraer espera obter a certificação para funcionamento da Eve até 2025, e começar a operar com os carros voadores em 2026. A companhia inclusive já fechou algumas parcerias e tem pedidos já feitos para os veículos EVTOL, antes mesmo de a operação começar.

Segundo a Ativa, os números do segundo trimestre ficaram acima das expectativas dos analistas da casa. Mas a recomendação para a ação continua Neutra, com preço-alvo em R$ 16, abaixo do patamar atual, próximo dos R$ 20.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Eletrobras, Correios e mais

Ativos na mesa: nova proposta para precatórios pode incluir ações de estatais em acordos de pagamento

Além das estatais, na lista de ativos que poderiam entrar na negociação estão imóveis, barris de petróleo do pré-sal e concessões de rodovias e ferrovias, por exemplo

fala, vale

Vale (VALE3): a receita para a queda das ações, segundo a própria empresa

Empresa teve de emitir um comunicado em resposta a um ofício da B3 que solicitava justificativas para a oscilação das ações da mineradora entre os dias 6 e 20 de setembro

MERCADOS HOJE

Ibovespa recupera os 114 mil pontos após nova Selic; dólar sobe a R$ 5,30

Na ressaca da Super quarta, os investidores seguiram atentos aos desdobramentos dos problemas financeiros da Evergrande; Ibovespa acompanhou NY

Sob nova direção

Mudanças no alto escalão da Ultrapar agradam e ações disparam 9%. Hora de comprar UGPA3?

Analistas enxergam movimentação da Ultrapar como ‘ponto de virada’ e uma surpresa positiva, mas ainda é cedo para um diagnóstico mais preciso do futuro.

OCCUPY B3

B3 (B3SA3) recua quase 3% com ocupação do MTST; movimentos sociais protestam contra o governo e a desigualdade social na sede da Bolsa

Militantes do movimento por moradia entraram no saguão da bolsa de valores em ato contra as altas no desemprego e na inflação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies