Menu
2020-10-15T20:53:22-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
balanços 3º tri

CSN reverte prejuízo e lucra no terceiro trimestre, mas resultado fica abaixo do esperado

Resultado da companhia foi impulsionado pela alta dos preços e a normalização do volume de produção do minério de ferro

15 de outubro de 2020
20:33 - atualizado às 20:53
Indústria siderúrgica, como CSN, Gerdau ou Usiminas, produzindo aço
Imagem: Shutterstock

Foi dada a largada para a temporada de balanços do terceiro trimestre de 2020 e a Companhia Siderúrgica Nacional (CSNA3) é a primeira empresa so Ibovespa a divulgar os seus números.

Passado o pior da crise do coronavírus, a normalização do volume de produção e o os preços elevados do minério de ferro, cimento aço tiveram impacto positivo nos números da CSN. A recuperação da economia chinesa é outro fator importante para o crescimento das margens no segmento de siderurgia, já que os estímulos do governo da China se refletem em um reaquecimento da demanda.

A CSN registrou um lucro líquido de R$ 1,262 bilhão no terceiro trimestre, revertendo o prejuízo de R$ 871 milhões visto um ano antes. O número veio ligeiramente abaixo do esperado pelo mercado, que projetava um lucro líquido de R$ 1,4 bilhão.

A receita líquida da companhia totalizou R$ 8,7 bilhões - aumento de 40% com relação ao trimestre anterior e uma alta de 45% com relação ao ano passado, em linha com o esperado pelos analistas do mercado. Segundo a companhia, a forte variação cambial dos últimos meses foi compensada pela geração de caixa eficiente e entrada de recursos de pagamento antecipado de minério de ferro.

Já o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado atingiu a marca recorde de R$ 3,506 milhões no terceiro trimestre, um aumento de 82% se comparado ao trimestre anterior e alta de 124% ante o mesmo período do ano passado, acima da expectativa dos analistas.

A siderúrgica justificou a evolução do Ebitda com a recuperação do volume de vendas - com crescimento de 50% no mercado doméstico - e o aumento da produtividade em custos no setor de siderurgia (70% de avanço no Ebitda). A marca histórica também só foi possível graças aos maiores volumes e recuperação da rentabilidade no segmento de cimentos (R$ 100 milhões).

Dívida

O endividamento da companhia é um ponto sensível no mercado. No último trimestre, a dívida líquida da CSN foi de R$ 30,603 bilhões. Embora o número represente uma queda com relação ao período anterior, é 11% maior do que o registrado no terceiro trimestre do ano passado. A forte geração de caixa permitiu que a empresa diminuísse sua alavancagem, que caiu para 3,67 vezes a dívida líquida sobre Ebitda.

O resultado financeiro da companhia ficou negativo em R$ 156 milhões, com ocusto da dívida parcialmente compensado pela valorização das ações da Usiminas.

A exposição cambial da companhia foi de US$ 88 milhões até o fim de setembro. A medida faz parte da política que visa minimizar os impactos do câmbio no resultado.

Ajuste nas projeções

A Companhia Siderúrgica Nacional também divulgou atualizações das suas projeções.

Agora, a companhia espera atingir múltiplos de 2,5 vezes a dívida líquida sobre o Ebitda ajustado até o fim de 2021. Na projeção anterior, a expectativa era de uma alavancagem de três vezes a dívida líquida sobre o Ebitda ajustado.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

uma bolada

Bradesco paga R$ 5 bilhões em juros sobre capital próprio

Valor representa R$ 0,416 por ação ordinária e R$ 0,458 por ação preferencial, após o desconto do Imposto de Renda

seu dinheiro na sua noite

Dólar abaixo de R$ 5, Selic de volta aos 7% e o investimento da Petz em página de gatinhos

Apesar dos avanços na vacinação e do relaxamento nas medidas de distanciamento social, o fato de ainda estarmos convivendo com o coronavírus e uma elevada mortalidade pela covid-19 faz com que 2021 tenha um sabor de 2020 – parte 2. Assim tem sido, pelo menos para mim. Imagino que também seja assim para todas as […]

atenção, acionista

Weg e Lojas Renner anunciam juros sobre capital próprio; confira valores

Empresa de fabricação e comercialização de motores elétricos paga R$ 86,1 milhões; provento da varejista chega a R$ 88 milhões

Alívio no câmbio

Dólar fica abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez em mais de um ano — e o empurrão veio dos BCs

O dólar à vista terminou o dia em R$ 4,96, ficando abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez desde 10 de junho de 2020. O Ibovespa caiu

Constitucionalidade em xeque

Autonomia do Banco Central: STF retoma julgamento no dia 25, mas recesso pode estender votação até agosto

A lei em análise restringe os poderes do governo federal sobre a autoridade máxima da política monetária do País

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies