Menu
2020-04-22T18:20:17-03:00
usuários reclamam

App da Caixa para auxílio enfrenta problemas; banco estende horário de agências

Banco registrou 44,5 milhões de cadastros para pagamento do auxílio emergencial do governo no valor de R$ 600 por conta da crise do novo coronavírus

22 de abril de 2020
14:24 - atualizado às 18:20
Caixa Economica Federal
Imagem: Shutterstock

O aplicativo da Caixa Econômica Federal, o Caixa Tem, criado para viabilizar o acesso dos brasileiros ao auxílio emergencial por conta da crise de coronavírus, tem gerado queixas de usuários. As reclamações incluem dificuldade de uso, movimentação e consulta do saldo. Nas redes sociais, a hashtag #caixatemnaofunciona ganha destaque e um maior número de posts desde a terça-feira, 21.

A Caixa registrou 44,5 milhões de cadastros para pagamento do auxílio emergencial do governo no valor de R$ 600 por conta da crise do novo coronavírus (covid-19) até às 18 horas desta terça-feira, dia 21. O banco já liberou R$ 16,3 bilhões que foram creditados a 24,2 milhões de pessoas.

O app Caixa Tem soma 27,6 milhões de downloads. O aplicativo foi criado para que os usuários pudessem fazer a movimentação das contas poupança social digital, onde estão sendo depositados os recursos referentes ao auxílio emergencial. Questionada sobre as queixas dos usuários quanto a problemas no app, a Caixa ainda não se manifestou sobre o assunto.

No Twitter, posts sugerem às pessoas irem até uma agência da Caixa reclamar do aplicativo. O problema é que isso é exatamente o que se pede para evitar durante a pandemia por conta do risco de aglomerações.

Horário

A Caixa informou que vai estender em duas horas o atendimento de 1.102 agências a partir desta quarta-feira, dia 22. Assim, essas unidades vão estar abertas ao público das 8h às 14h apenas para o atendimento de serviços essenciais à população. Na terça, feriado de Tiradentes no Brasil, o banco já abriu algumas agências para fazer esse atendimento.

De acordo com a Caixa, poderão ser realizados saque do INSS sem cartão; de Seguro Desemprego/Defeso sem cartão e senha; Bolsa Família e outros benefícios sociais sem cartão e senha; pagamento de Abono Salarial e FGTS sem cartão e senha; saque de conta salário sem cartão e senha; e desbloqueio de cartão e senha de contas.

A consulta das agências que estarão abertas poderá ser feita no site do banco.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Retomando a pauta

Votação do marco do saneamento deve ser retomada no Senado

O novo marco do saneamento — projeto que facilita a atuação da iniciativa privada no setor — tende a voltar à pauta no Senado em julho

Atrasou demais

Conselho diz que não há tempo hábil para privatizar Cedae

Um estudo aponta que a Cedae, a companhia de água e esgoto do Rio de Janeiro, deverá parar nas mãos do governo federal por falta de tempo para conclusão do processo de privatização

Pouco atraente

Participação do Brasil na carteira do investidor estrangeiro cai a 0,3%

Os diversos riscos associados à alocação de recursos no Brasil fizeram o peso do Brasil na carteira dos investidores estrangeiros — a incerteza política e a fraqueza econômica aparecem como importantes fatores

SEU DINHEIRO NO SÁBADO

MAIS LIDAS: Crise? Que crise?

O recente rali da bolsa pegou todo mundo de surpresa — e, não à toa, a matéria elencando cinco razões que explicam essa onda de otimismo foi a mais lida do Seu Dinheiro nesta semana

Crise setorial

Indústria deve deixar de vender mais de 1,3 milhão de veículos neste ano

A crise do coronavírus afetou as linhas de produção de veículos e também diminuiu as vendas em todo o país. Como resultado, o setor prevê uma queda de 40% no total vendido no ano

Seu mentor de investimentos

Um filme de terror: inflação volta a ter destaque no cenário brasileiro

Ivan Sant’Anna faz um paralelo entre a inflação galopante do fim dos anos 80 e o atual cenário de virtual estabilidade na variação dos preços — e mostra preocupação com o comportamento do mercado nesse novo panorama

Recuperação na bolsa

Até onde vai o Ibovespa? Para a XP, o índice voltará aos 112 mil pontos ao fim de 2020

A XP Investimentos revisou para cima sua projeção para o Ibovespa ao fim de 2020, passando de 94 mil pontos para 112 mil pontos — um patamar que implica num potencial de alta de mais de 18% em relação aos níveis atuais da bolsa

COLUNA DO PAI RICO PAI POBRE

Como se preparar para a nova Era do Empreendedorismo

Quando as coisas mudam tão drasticamente quanto nos últimos meses, pode ser difícil perceber, mas esses momentos criam as maiores oportunidades.

Dados atualizados

Mortes por coronavírus no Brasil vão a 34.973; infectados são 643.766

Na quinta-feira, havia 34.021 mortes registradas, segundo o Ministério da Saúde. O balanço diário totalizava 614.941 infectados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements