Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-12-09T18:04:53-03:00
Estadão Conteúdo
Câmbio

Saída de dólares supera entrada em US$ 19,25 bi no até 4 de dezembro, diz BC

No comércio exterior, o saldo acumulado ficou positivo em US$ 25,921 bilhões, com importações de US$ 152,630 bilhões e exportações de US$ 178,550 bilhões.

9 de dezembro de 2020
18:04
Dólar real câmbio
Imagem: Shutterstock

O fluxo cambial total do ano até 4 de dezembro foi negativo em US$ 19,254 bilhões, informou nesta quarta-feira, 9, o Banco Central. No mesmo período de 2019, o resultado havia sido negativo em US$ 28,342 bilhões.

Leia também:

O resultado do ano está diretamente ligado aos efeitos da pandemia de covid-19 sobre a economia. Em meio à crise, investidores aceleraram em março e abril o envio de dólares a outros países, em movimento de busca por segurança. Posteriormente, verificou-se acomodação nos fluxos.

No ano até 4 de dezembro, a saída líquida de dólares pelo canal financeiro foi de US$ 45,174 bilhões. Este resultado é fruto de aportes no valor de US$ 442,746 bilhões e de envios no total de US$ 487,920 bilhões. O segmento reúne investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo acumulado ficou positivo em US$ 25,921 bilhões, com importações de US$ 152,630 bilhões e exportações de US$ 178,550 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 22,651 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 63,551 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 92,348 bilhões em outras entradas.

Novembro

Depois de registrar saídas líquidas de US$ 1,311 bilhão em outubro, o País fechou novembro com fluxo cambial positivo de US$ 438 milhões, informou o Banco Central.

No canal financeiro, houve entrada líquida de US$ 6,013 bilhões em novembro, resultado de aportes no valor de US$ 42,516 bilhões e de retiradas no total de US$ 36,502 bilhões.

No comércio exterior, o saldo ficou negativo em US$ 5,575 bilhões, com importações de US$ 17,488 bilhões e exportações de US$ 11,913 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 1,320 bilhão em ACC, US$ 4,230 bilhões em PA e US$ 6,363 bilhões em outras entradas.

Semana

O fluxo cambial da semana passada (de 30 de novembro a 4 de dezembro) ficou positivo em US$ 476 milhões, informou o Banco Central.

O canal financeiro registrou na semana passada entrada líquida de US$ 1,606 bilhão. Isso foi resultado de aportes no valor de US$ 15,933 bilhões e de envios no total de US$ 14,327 bilhões.

No comércio exterior, o saldo ficou negativo em US$ 1,130 bilhão no período, com importações de US$ 5,130 bilhões e exportações de US$ 4,001 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 218 milhões em ACC, US$ 2,002 bilhões em PA e US$ 1,781 bilhão em outras entradas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

ATENÇÃO, ACIONISTA

Hapvida (HAPV3) vai recomprar até 100 milhões de ações; papéis acumulam queda de 17% no ano

A operadora de saúde anunciou hoje que dará início a um programa de recompra de papéis com duração de até 18 meses

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa fecha semana no azul, Nubank valendo bilhões a menos e primeiro ETF cripto dos EUA: veja as principais notícias desta sexta

Em uma limousine brilhante, o Ibovespa chegou atrasado para a festa das bolsas globais — mas chegou.  Os balanços das empresas europeias e americanas abriram as portas do salão de baile: com o bom resultado das companhias, dados mistos da economia e um desenho mais nítido da retirada de estímulos monetários, Wall Street brilhou.  O […]

CRIPTOMOEDAS

Quais as dificuldades na regulamentação do Bitcoin e demais criptomoedas?

Analista de criptomoedas, Valter Rebêlo, comenta sobre o processo de regulamentação das criptomoedas ao redor do mundo

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa tira uma lasquinha da festa das bolsas globais e sobe mais de 1% na semana; dólar recua após atuações do BC

Com uma bolsa descontada após as turbulências recentes, o Ibovespa tinha tudo para chegar cedo nessa festa, mas foi preciso que o Banco Central assumisse a condução para que a B3 tivesse uma chance.

ALGUNS BILHÕES A MENOS

Nubank prepara IPO com listagem na Nasdaq e na B3 até o fim deste ano, mas deve baixar a pedida no valuation

Meses atrás, a startup buscava ir a mercado avaliada em cerca de US$ 100 bilhões; veja o novo valor de mercado segundo o Broadcast

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies