Menu
2020-02-11T08:21:31-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
Cursando jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Esquenta dos Mercados

Exterior positivo e expectativa pela ata do Copom guiam o mercado

Ata do Copom deve dar dicas da duração do novo piso histórico da Selic e possíveis impactos do coronavírus na economia brasileira

11 de fevereiro de 2020
8:00 - atualizado às 8:21
Ações bolsa
Imagem: Shutterstock

A divulgação da ata da mais recente reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) e o discurso do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, ficam em primeiro plano na agenda dos investidores hoje.

O documento divulgado pelo BC deve trazer dicas sobre a duração do patamar atual da taxa Selic. O mercado espera que o impacto do coronavírus no cenário básico para a inflação seja endereçado, além de esclarecimentos sobre a política monetária para 2021.

No momento, as apostas indicam que o BC deve demorar a voltar a subir o juros.

Já nos Estados Unidos, o discurso do presidente do Fed no Comitê de Serviços Financeiros da Câmara acontece 12h e os investidores buscam respostas para o impacto do coronavírus na economia mundial. Os mortos pela doença já chegam a mil e as fábricas e empresas chinesas ainda retomam gradativamente a sua operação.

Na cola de NY

Embora o coronavírus siga como o maior fator de incerteza nos mercados globais, os investidores seguem otimistas e confiantes na economia americana enquanto aguardam o discurso de Powell.

As bolsas americanas tiveram mais um dia de recorde duplo em Wall Street, com o S&P e a Nasdaq. O bom humor americano se deve aos dados robustos da economia local e o bom desempenho do noticiário corporativo.

Nesta manhã, os índices futuros das bolsas de Nova York sinalizam mais um dia no azul.

Na cola dos resultados americanos, as bolsas asiáticas fecharam em alta.

O otimismo também prevalece na abertura dos mercados na Europa. No velho continente, expectativa também para a fala de Christine Lagarde, que fará um pronunciamento no Parlamento Europeu.

Destoando

A bolsa brasileira não conseguiu pegar carona no bom humor americano e continuou sob pressão.

Ontem, o Ibovespa caiu pela primeira vez aos 112 mil pontos em 2020, terminando o dia aos 112.570,30, após uma queda de 1,05%.

Enquanto o principal índice da bolsa fechava na mínima, o dólar encerrou mais um pregão na máxima. A moeda americana terminou a sessão com ganho de 0,03%, indo a R$4,3220. Um novo recorde para a moeda americana que já se valorizou 7,73% desde o começo de 2020.

Queda livre

As ações ordinárias do IRB puxaram o Ibovespa para baixo na sessão de ontem. A companhia viu suas ações despencarem 16,49% após a divulgação de uma nova carta da Squadra. A gestora aponta inconsistências no balanço da empresa. A XP Investimentos revisou para baixo a recomendação para as ações da empresa.

Na trilha

O banco Itaú continua como o mais rentável entre os grandes bancos brasileiros. Confirmando as expectativas, o bancão reportou um lucro recorrente de R$ 28,363 bilhões em 2019, uma alta de 10,2% em relação ao ano anterior.

A companhia ganhou R$ 1,97 bilhão com o IPO da XP Investimentos nos Estados Unidos.

Outros balanços

São Martinho teve lucro de R$ 342,9 mi no 4º trimestre, um salto de 420%. Ebitda foi de R$ 541,4 mi e receita, R$ 1 bi, crescimento de 22%.

Log teve lucro de R$ 38 milhões no 4º trimestre, salto de 295,3%. A receita líquida foi de R$ 34,7 mi.

Hoje temos a divulgação do balanço da Tim, após o fechamento.

Agenda

Além da ata do Copom e o discurso de Powell, o dia também reserva os dados regionais da produção industrial (9h).

Nos Estados Unidos, mais uma etapa das eleições primárias. O partido democrata realiza a prévia em New Hampshire.

Mais uma para a lista

O BV, antigo Banco Votorantin, entrou com o pedido de registro de companhia aberta e oferta de ações. A expectativa é que o IPO aconteça no segundo trimestre de 2020 e levante R$ 5 bilhões.

Fique de olho

  • Anatel suspendeu o acompanhamento especial da Oi por ter entendido que a empresa resolveu o risco de liquidez
  • Petrobras segue tentando negociar a venda da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados (UFN3), em TrÊs Lagoas
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Seu Dinheiro na sua noite

O pior pregão desde o ‘Joesley Day’

Se o ano no Brasil só começa mesmo depois do Carnaval, 2020 resolveu chegar logo com uma voadora no peito dos brasileiros. Enquanto nós descansávamos ou curtíamos a folia, os mercados no exterior amargavam fortes perdas diante do agravamento da disseminação do coronavírus fora da China, notadamente na Itália. Pois bem, após a batucada pela […]

Gigante de tecnologia

Microsoft revê projeção trimestral e cita impactos do coronavírus

Empresa de tecnologia vive uma demora maior do que a esperada para a volta ao normal das operações em suas cadeias de suprimento

Caos na bolsa

Pressionado pelo coronavírus, Ibovespa cai 7% e tem o pior pregão desde o Joesley Day

O Ibovespa perdeu quase oito mil pontos nesta quarta-feira, impactado por um forte movimento de correção por causa da disparada de casos do coronavírus fora da China — todas as ações do índice fecharam em queda. Já o dólar à vista subiu a R$ 4,44, cravando mais um recorde nominal de encerramento

Mais uma polêmica

Vídeo de Eduardo Bolsonaro defendendo Orçamento impositivo circula pelo WhasApp

Vídeo mostra a fala do parlamentar no plenário da Câmara, no dia 26 de março do ano passado

Surto mundial

Por coronavírus, Costa Cruzeiros amplia medida de segurança em seus navios; Nestlé aconselha funcionários a não viajarem

Entre as providências está a proibição da entrada de pessoas que tenham viajado para países e regiões afetadas pela doença

FORA DO AR

Investidores da XP relatam problemas para acessar home broker nesta quarta-feira

Ao ser procurada, a assessoria de imprensa informou que “a plataforma apresentou lentidão para alguns clientes no início da tarde desta quarta-feira”

Medida do BC

Moody’s: diminuição de compulsório para depósitos a prazo é positiva

Para a agência, os gigantes do mercado são os mais beneficiados, por deterem 72% de todos os depósitos a prazo no Brasil

CDS no radar

Risco-país do Brasil tem novo dia de alta e vai a 106 pontos

Desde o começo de fevereiro o CDS vinha sendo negociado abaixo dos 100 pontos

CRIPTOMOEDAS

Criptomoedas ainda mantêm um papel limitado como forma de proteção, para analistas do JPMorgan

Apesar da baixa correlação das criptomoedas com ativos tradicionais, analistas do banco acreditam que elas ainda não podem servir como hedge da carteira

Gastos no exterior

Compras com cartão no exterior serão cobradas conforme a taxa de câmbio do dia

Opção estará disponível a consumidores a partir de 1º de março e já estava autorizada pelo BC desde 2016; atualmente, valor a ser pago na fatura é definido dez dias antes do fechamento

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements