Menu
2020-08-03T17:39:17-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
Cursando jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
As ações preferidas do mercado

Desempenho campeão! Confira como se comportaram as principais indicações das corretoras em julho

As empresas preparadas para surfar a onda da retomada da economia se destacaram em julho. Confira o desempenho de Via Varejo, Vale e Gerdau

3 de agosto de 2020
17:39
Selo Ação do mês
Selo Ação do mês - Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Se te dissessem lá em março que o Ibovespa estaria de volta aos 100 mil pontos apenas quatro meses depois você acreditaria? Eu certamente olharia com certa desconfiança para essa previsão...

Mas foi exatamente isso que aconteceu. Depois de quase bater os 120 mil pontos em janeiro e tocar os 63 mil pontos em março, julho foi o mês em que o Ibovespa voltou a se fixar acima dos 100 mil pontos, reconquistando o patamar pela primeira vez desde março - o período mais agudo da crise do coronavírus.

O principal índice da bolsa brasileira ainda acumula uma queda de 11% no ano, mas teve em julho mais um mês de recuperação, avançando 8,27%. 

O coronavírus está longe de deixar de ser um problema, mas os investidores parecem preferir focar nos sinais de que a economia irá se recuperar rapidamente, ainda que os indicadores econômicos tragam sinais mistos sobre a probabilidade de uma recuperação em ‘V’. 

Aqui no Seu Dinheiro, quem faz parte do SD Premium sempre fica sabendo em primeira mão o que esperar do mês que se inicia - e quais ‘apostas’ da bolsa podem se sair vencedoras no período.

Quem leu a nossa análise sobre os melhores ativos para o mês de julho já sabia que a perspectiva de retomada econômica é o que guia os negócios agora e que algumas empresas estão mais preparadas que outras para surfar essa onda...

Quando conversei com analistas no mês passado para entender quais seriam as apostas para julho, as empresas que se destacaram - Via Varejo, Vale e Gerdau - tinham exatamente essa característica. E quem seguiu as indicações, começou agosto com o pé direito.

Com um bom desempenho no e-commerce e seguindo a agenda de inovação digital, a Via Varejo (VVAR3) teve uma alta expressiva de 24,72% no mês. A Vale (VALE3), nossa segunda colocada, seguiu mostrando resiliência frente à crise, o que a levou a acumular uma alta de 8,2%. Já a Gerdau (GGBR4) foi beneficiada pelos sinais de recuperação em ‘V’ que chegam da economia chinesa, e as ações saltaram 10% em julho.

De todas as ações citadas pelos analistas no mês passado, apenas os papéis do Grupo Pão de Açúcar (PCAR3) e da Rumo (RAIL3) tiveram retorno negativo. Confira na tabela abaixo o desempenho de todas as empresas citadas pelos analistas:

Entendendo a Ação do mês: Todos os meses o Seu Dinheiro Premium consulta as principais corretoras do país para descobrir quais são as principais apostas para o mês. Dentro das carteiras recomendadas, normalmente com até 10 ações, os analistas indicam as suas três prediletas. Com o ranking nas mãos, selecionamos as que contaram com pelo menos duas indicações e trazemos uma análise completa do cenário para as queridinhas do mercado. 

Via Varejo - Desempenho campeão

Campeã de indicações no mês passado, com seis menções - pela Ágora Investimentos, Necton, Planner Corretora, Mirae Asset, Toro Investimentos e Banco Santander - a Via Varejo teve um desempenho que justifica a escolha dos analistas. Em julho, a companhia teve uma valorização de 24,72%, acumulando uma alta de mais de 70% em 2020. 

Nos últimos meses, os analistas têm se mostrado confiantes com a atual gestão da empresa, que tenta reconquistar participação de mercado e tem investido pesado em sua base de operações digitais. A expectativa é que a companhia siga abocanhando novos clientes e diminua a lacuna existente entre os seus principais concorrentes, principalmente no e-commerce.

Um episódio envolvendo a Via Varejo e que chamou a atenção recentemente, foi a divulgação de alguns dados operacionais não auditados da companhia no Twitter. As publicações foram apagadas logo em seguida, mas foram suficientes para as ações da companhia avançarem mais de 7% em um único dia. 

Segundo os tuítes apagados, entre maio e junho, a Via Varejo registrou alta de 2500% nas vendas de câmeras e games, 1900% na categoria de televisores, avanço de 1500% em equipamentos de som, alta de 750% em fornos e fogões e mais de 300% em lavadoras e refrigeradores. 

Em comunicado, a companhia esclareceu que a postagem dos resultados ocorreu devido a uma falha no setor de comunicação da empresa. Os resultados preliminares aumentam as expectativas para o balanço do segundo trimestre, que será divulgado no próximo dia 12. 

Vale - O pior já passou

A mineradora Vale (VALE3) teve mais um mês de desempenho positivo na Bolsa. Mesmo após a divulgação da produção de minério de ferro abaixo do esperado para o segundo trimestre, os resultados operacionais continuam indicando resiliência frente ao momento de crise. Em um mês, a companhia anotou um avanço de 8,2%. No ano, a valorização é superior a 13%. 

A Vale segue sendo beneficiada pela alta do preço do minério de ferro, a valorização do câmbio e a retomada da demanda, patrocinada pelos pacotes de estímulos de diversos governos, com destaque especial para a China. 

No balanço do segundo trimestre divulgado na semana passada, a companhia registrou lucro líquido de US$ 995 milhões no período, revertendo o prejuízo de US$ 133 milhões do segundo trimestre de 2019. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de US$ 3,586 bilhões, já descontando novas despesas relacionadas a Brumadinho e a pandemia de coronavírus. 

Uma novidade importante é a Vale irá retomar a sua política de pagamento de dividendos, suspensa desde o desastre de Brumadinho. Segundo a companhia, o momento mais crítico da crise do coronavírus já foi ultrapassado. 

A expectativa agora é que a empresa pague juros sobre capital próprio (JCP) de R$ 1,41 por ação no dia 7 de agosto e realize o pagamento de dividendos mínimos relacionados ao primeiro semestre em setembro. No mês passado, Pedro Galdi, da Mirae Asset, destacou que a Vale pode se tornar uma das melhores pagadoras de dividendos da bolsa brasileira.

Gerdau - De olho na retomada

Para fechar o nosso pódio, temos a Gerdau (GGBR4). A empresa, que é a maior empresa brasileira produtora de aço e uma das principais fornecedoras de aços longos do continente, também registrou um mês de julho positivo, avançando 10,09%.

A empresa se beneficia principalmente dos sinais de recuperação econômica que chegam da China e dos Estados Unidos, já que o setor de infraestrutura é um dos motores da retomada econômica e conta com diversos pacotes de incentivos direcionados para a área.

A percepção atual é de que o país asiático caminha para uma recuperação em 'V', favorecendo o setor de mineração e siderurgia. Outro fator que alimenta as boas perspectivas para a companhia, é a leitura de que a demanda doméstica por aço em meio à pandemia não seja tão intensa quanto o esperado inicialmente. 

A Gerdau divulgará os seus resultados relativos ao segundo trimestre de 2020 no dia 5 de agosto.

Quais as apostas para agosto?

Para saber em quais cavalos os analistas estão apostando para o próximo mês, fique de olho nas publicações do SD Premium. Na próxima quinta-feira iremos divulgar as ações favoritas dos bancos e corretoras para o mês de agosto. 

Se você ainda não faz parte do clube VIP de leitores do Seu Dinheiro, pode desbloquear o seu acesso clicando aqui. Além das ações favoritas do mercado, você também receberá os FIIs favoritos do mês, uma análise dos melhores fundos de investimento, insights exclusivos e muito mais. 

ENTRE AGORA PARA O SEU DINHEIRO PREMIUM

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

fintech do Mercado Livre

Mercado Pago recebe aporte de R$ 400 milhões do Goldman Sachs

Os recursos têm como destino a divisão de crédito da instituição, o Mercado Crédito, e servirão para expandir a oferta de crédito para pequenos e médios vencedores que usam o Mercado Pago e o Mercado Livre

presidente popular

Avaliação positiva de Bolsonaro sobe de 29% para 40%, diz Ibope

Após cair ao longo do primeiro ano de governo, a popularidade do presidente Jair Bolsonaro disparou agora em setembro, na comparação com dezembro do ano passado

218.679 pedidos

Pedidos de seguro-desemprego caem 11,6% na 1ª quinzena de setembro, diz Economia

Os pedidos de seguro-desemprego somaram 218.679 nos primeiros 15 dias de setembro

maiores altas percentuais

IRB, PetroRio e CVC são destaques do Ibovespa em dia de bom humor nos EUA

Por volta das 15h30, o principal índice de ações da B3 sobe 1,73%. IRB Brasil e CVC estão entre os três papéis que mais perderam valor na bolsa em 2020

após relatório da inflação

Retomada indica que País está acima da média de emergentes, diz Campos Neto

Presidente do BC disse que a autoridade monetária tem posição de “absoluta tranquilidade” em relação à inflação e afirmou não acreditar que a alta nos preços de alimentos neste ano possa impactar a inflação em 2021

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements