Menu
2019-03-26T12:58:55-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Ficou para depois

XP Investimentos adia oferta inicial de ações na Bolsa, diz jornal

Incertezas no mercado e falta de necessidade de caixa fizeram os sócios decidirem por adiar a operação até o fim de 2019 ou 2020

26 de março de 2019
8:04 - atualizado às 12:58
Logo da XP investimentos
Imagem: Divulgação

A XP Investimentos decidiu adiar sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). Segundo publicado hoje no jornal Valor Econômico, os sócios da empresa decidiram empurrar a operação, uma das mais aguardadas de 2019, para o fim do ano. Mas o mais provável é que a oferta fique só para 2020. A expectativa é que a corretora seja avaliada em R$ 50 bilhões na abertura de capital.

A prioridade agora é realizar ajustes internos para cumprir as exigências do mercado americano, já que a oferta deve ocorrer na Nasdaq, em Nova York. Caso o mercado indique um cenário favorável para a operação ainda em 2019, o objetivo é que os preparativos estejam prontos para o segundo semestre do ano.

Além de incertezas no mercado, a reportagem também cita o atraso no projeto do banco da XP como uma das razões para o adiamento do plano original. O banco, que já roda uma versão beta internamente, ainda está em processo de ajuste de seus aspectos regulatórios junto ao Banco Central (BC). O funcionamento estava previsto para o fim do primeiro semestre, e o IPO geraria o caixa para o seu funcionamento.

Ainda segundo o Valor, o adiamento pode ter relação com a disputa travada na Justiça e no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) contra o BTG Pactual. A XP poderia estar aguardando para não influenciar a operação. Uma pessoa ligada à corretora nega.

 

 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

prévias

Eztec tem queda de 48% nas vendas no quarto trimestre

Lançamentos da empresa atingiram R$ 380,8 milhões, chegando a R$ 1,150 bilhão no ano – 85% a mais do que no terceiro trimestre

seu dinheiro na sua noite

2 milhões de mortos, 2 trilhões em estímulos e uma queda de mais de 2%

Se a primeira semana de 2021 nos mercados refletiu o otimismo geral com o novo ano que se iniciava, com perspectivas de vacinação contra o coronavírus e recuperação econômica, na segunda semana do ano, os investidores optaram pela cautela. Por ora, 2020, o ano do qual todos queríamos nos livrar, ainda não ficou para trás. […]

FECHAMENTO

Atritos políticos e covid-19 voltam para assombrar o mercado e Ibovespa recua mais de 2%; dólar sobe forte

Existe uma certa desconfiança de que o plano de US$ 1,9 trilhão apresentado por Biden encontre dificuldades de ser aprovado pelo Congresso, ainda que o democrata tenha conquistado a maioria das duas casas. No Brasil, situação do coronavírus reacende a pressão sobre o cenário fiscal

match com o mercado?

Concorrente do Tinder, Bumble pode levantar US$ 100 milhões em IPO

Ações da empresa estreiam em fevereiro na Nasdaq; companhia, que é dona do Badoo, não deu lucro no ano passado

pandemia

Itamaraty confirma que Índia atrasará entrega de vacinas

Chanceler indiano atribuiu o atraso na liberação a “problemas logísticos” decorrentes das dificuldades de conciliar o início da campanha de vacinação no país de mais de 1,3 bilhão de habitantes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies