Menu
2019-05-04T13:50:39-03:00
Estadão Conteúdo
Casa de ferreiro...

Megainvestidor da Apple, Warren Buffett admite que não usa iPhone

Quarto homem mais rico do mundo, Warren Buffett, de 88 anos, disse ainda fazer ligações com um celular de flip

30 de março de 2019
12:40 - atualizado às 13:50
Warren Buffett
O megainvestidor e bilionário Warren Buffett - Imagem: Wikimedia Commons

Faça o que eu digo, não faça o que eu faço: a Berkshire Hathaway, do megainvestidor Warren Buffett, pode ter na Apple seu maior investimento hoje em dia. Mas isso não significa que Buffett use um iPhone de último tipo: na quinta-feira, durante um evento nos EUA, o quarto homem mais rico do mundo admitiu ainda fazer ligações com um celular de flip.

"Graham Bell me emprestou esse aparelho e esqueci de devolver", brincou Buffett, que tem 88 anos - nasceu oito anos após a morte do inventor do telefone.

No evento, Buffett comentou que é difícil prever se os negócios revelados pela Apple no início da semana - um cartão de crédito e serviços de notícias, games e conteúdo audiovisual - darão certo. Mas ele não se mostrou preocupado. "A Apple pode se permitir um erro ou dois. Não tem graça investir uma empresa que faz tudo certo", comentou o investidor.

"Há pessoas muito inteligentes, com muitos recursos, tentando descobrir como captar mais meia hora de seu tempo", disse, ao comentar a rivalidade da Apple com empresas como Netflix e Amazon no setor de serviços de streaming de vídeo. Para ele, à medida que a entrega de conteúdo de entretenimento melhorar, "o público será o vencedor". (agências internacionais)

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Fechando o cerco

Bitcoin cai 6% após Banco da China ameaçar encerrar contas envolvidas com criptomoeda

Além disso, a retirada de mineradores do país está afetando a taxa de mineração, que valida e dá segurança para a rede do bitcoin

Interesse estrangeiro

IPOs de grandes empresas devem trazer mais investidor estrangeiro para a Bolsa

Desde janeiro, o saldo de dinheiro estrangeiro na B3, a bolsa de valores de São Paulo, já chega a R$ 44 bilhões – número que contrasta fortemente com o primeiro semestre do ano passado

De volta no mercado

Brasil ‘reestreia’ no mercado de fabricação de TV

Agora o movimento de volta das nacionais é capitaneado por três indústrias com tradição na fabricação de eletroportáteis e eletrônicos: Mondial, Britânia e Multilaser.

Perspectiva de crescimento

Pandemia reaquece setor de terrenos e total de lotes disponíveis despenca

De 2018 para cá, o total de lotes disponíveis recuou à metade: de 125,4 mil para 67,4 mil. Só no ano passado, a queda foi de 33%, de acordo com a Aelo

segredos da bolsa

Semana deve ser marcada por fim do prazo da MP da Eletrobas e briga entre BCs e inflação

A semana deve ser marcada por cautela, envolvendo temores em relação à inflação e as movimentações dos BCs pelo mundo. No Brasil, ata do Copom e RTI ficam no radar

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies