Menu
2019-06-21T11:15:00-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Ações sob pressão

Smiles volta a cair na bolsa depois do anúncio de que a Gol quer reajustar preços das passagens

Após fracasso do acordo para incorporação do programa de fidelidade, clientes do Smiles terão de usar mais pontos para trocar por passagens aéreas da Gol se reajuste for aprovado

21 de junho de 2019
11:15
Avião da Gol pintado com o logo do Smiles
Avião da Gol pintado com o logo do Smiles - Imagem: Divulgação

A vida não está nada fácil para o Smiles, o programa de fidelidade da Gol. A empresa anunciou que a companhia aérea pretende reajustar extraordinariamente os preços dentro do contrato firmado com o programa de milhagem para a compra de passagens.

Isso significa que os clientes do Smiles terão de usar mais pontos para trocar por passagens aéreas da Gol. Lembrando que a compra dos bilhetes em condições favoráveis é justamente um dos grandes trunfos do programa de fidelidade, que tem ações listadas na B3. O reajuste ainda precisa ser aprovado por um comitê independente e pelo conselho de administração do Smiles.

Não por acaso, o anúncio coloca mais pressão sobre as ações (SMLE3), que eram negociadas em queda de 3,30% por volta das 10h50 de hoje. No mesmo horário, os papéis da Gol (GOLL4) recuavam 1,10%. Confira também nossa cobertura completa de mercados.

As ações do Smiles já haviam fechado em forte queda na quarta-feira, depois que as negociações com a Gol para a (re)incorporação da empresa fracassaram. A empresa aérea também informou que não pretende renovar o contrato que estabelece as condições para a compra de passagens.

A Gol detém 52,6% do capital do Smiles e anunciou no ano passado a intenção de fechar o capital da empresa. Mas em vez de pagar os minoritários em dinheiro, como a Latam fez com a Multiplus, ofereceu suas próprias ações em troca, em uma reorganização societária.

O problema é que a Gol acabou não chegando a um acordo com o comitê independente criado para avaliar as condições oferecidas pela empresa.

A aposta do mercado agora é que a companhia aérea voltará à carga para tentar incorporar o Smiles. E provavelmente em condições desfavoráveis aos minoritários do programa de fidelidade.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

FECHAMENTO

Ibovespa ignora tensão em Brasília e NY no vermelho e avança 1%; dólar também sobe

Enquanto as blue chips garantiram o bom desempenho do Ibovespa, o dólar avançou 0,84%, pressionado pelo noticiário em Brasília

Exaltou integração

Presidente do Banco Central não enxerga competição entre bancos e fintechs

Segundo Campos Neto, a integração entre as mídias sociais e o sistema financeiro é maior inovação que existe no momento

Menos pontos e milhas

Setor de empresas de fidelidade encolhe quase 30% em 2020

O segmento de fidelidade movimentou R$ 5,3 bilhões em 2020, segundo a Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (ABEMF)

Estamos em um novo ciclo de alta de commodities?

Por que está se falando tanto em commodities? Isso é o que Matheus Spiess te explica no vídeo de hoje. Observando o histórico de ciclos de alta de commodities, presenciamos ciclos de altas de preços nas matérias primas. E estudos dizem que estamos na beira de um SUPERCICLO. Vamos ao passado: Início de 1900: 2º […]

Controle total

Petrobras: Cade aprova venda da participação da estatal em eólica para FIP Pirineus

Após a assinatura do acordo de R$ 32,97 milhões, o FIP Pirineus passa a deter o controle unitário do empreendimento

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies