Menu
2019-04-02T09:50:57-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
PETROBRÁS

Pelo menos três investidores desistem da TAG, diz jornal

Saída deve deixar mais forte do grupo liderado pela francesa Engie SA; os lances finais são esperados para hoje, 2

2 de abril de 2019
9:48 - atualizado às 9:50
Letreiro da Petrobras em frente a prédio
Letreiro da Petrobras em frente a prédio - Imagem: Shutterstock

Pelo menos três investidores deixaram diferentes grupos interessados em adquirir a Transportadora Associada de Gás (TAG), de acordo com a agência Reuters, que diz ter ouvido fontes próximas ao assunto.

Essas saídas devem deixar mais forte o grupo liderado pela francesa Engie SA, com participação do fundo de pensão Cassie de Depot et Placement du Quebec. Os lances finais são esperados para hoje, 2.

Após a saída do Macquarie, da Austrália, de um dos grupos, que incluía a empresa de investimentos brasileira Itaúsa e o fundo soberano de Cingapura GIC, outros dois investidores que apoiavam a oferta, o fundo soberano Adia-Abu Dhabi Investment Authority e o gestor de investimentos Wren House Infrastructure, também desistiram.

Um segundo grupo, liderado pela Mubadala Investment Company e pela EIG Global Energy Partners, esteve em negociações com a empresa de investimentos da BlackRock, que desistiu. Wrenhouse, Adia, EIG, Mubadala e Itaúsa não comentaram imediatamente o assunto, ainda de acordo com a Reuters. BlackRock afirmou que não iria comentar.

O enfraquecimento dos grupos Itaúsa e Mubadala aumenta a chance de a francesa Engie conquistar o processo de reoferta pela subsidiária. A Engie está em conversações exclusivas com a Petrobras para adquirir a TAG desde o ano passado, depois de vencer a primeira rodada de licitações.

A venda da TAG é considerada estratégica para a estatal, que está em processo de desinvestimento. Quando concretizada, a transação será a maior já realizada pela empresa. Em setembro de 2016, a petroleira vendeu 90% do gasoduto Nova Transportadora do Sudeste (NTS), sendo 82,35% para a gestora canadense Brookfield e 7,65% para a Itaúsa. A estatal levantou US$ 4,2 bilhões (quase R$ 16 bilhões) com esse negócio.

A TAG detém uma rede de gasodutos de cerca de 4,5 mil quilômetros de extensão, localizados nas regiões Norte e Nordestel. Em junho do ano passado, depois de a Petrobras escolher a Engie para ter exclusividade nas negociações, uma liminar suspendeu o processo de venda. As conversas só foram retomadas em janeiro, quando o Superior Tribunal de Justiça (STJ) cassou a decisão.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Desceu redondo

Na Ambev, a venda de cerveja garantiu o happy hour no primeiro trimestre

A Ambev reportou forte crescimento na receita líquida e no lucro no primeiro trimestre, impulsionada pelas vendas de cerveja no Brasil

cardápio dos balanços

Balanços de Copel, Braskem, Azul e outros mexem com o mercado nesta quinta; veja os destaques

Só no Ibovespa, foram ao menos cinco companhias que revelaram os resultados do primeiro trimestre entre esta quarta e quinta; desempenho mexe com os papéis das companhias

Exile on Wall Street

Investir de maneira inteligente ajuda (mas não garante) retorno

Quero voltar aqui rapidamente ao Day One de terça, quando o Felipe citou o Soros em sua melhor forma, o arquétipo do investidor autocrítico: “Toda posição tem uma ou mais vulnerabilidades.” “Se você acha sua exposição perfeita, cuidado; você apenas não entendeu direito.”  “Sempre existe algo escondido ali, alguma armadilha não percebida a priori. Suas chances de […]

Dentro do balanço

Mercado Livre adere ao bitcoin e coloca R$ 40 milhões da criptomoeda em caixa

O documento foi publicado na página da SEC, a CVM americana, porque a empresa de entregas é listada na Nasdaq

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies