Menu
2019-04-29T08:17:55-03:00
Estadão Conteúdo
em almoço em brasília

Vida militar é ‘completamente diferente’, não ganha hora extra, diz Bolsonaro

Presidente defendeu neste sábado a reestruturação das carreiras militares como está prevista no projeto de lei que trata da aposentadoria militar

28 de abril de 2019
12:45 - atualizado às 8:17
Presidente da República, Jair Bolsonaro, fala com a imprensa sobre rompimento de barragem da Vale em Brumadinho
Presidente da República, Jair Bolsonaro - Imagem: Isac Nóbrega/PR/Fotos Públicas

O presidente Jair Bolsonaro defendeu neste sábado a reestruturação das carreiras militares como está prevista no projeto de lei que trata da aposentadoria militar. "Você tem que conhecer como é a vida dos militares. Eu estou com vários aqui, não ganham hora extra, pessoal que está na fronteira, nos navios, está na floresta amazônica, muitas vezes em missões extraordinárias, como GLO Garantia da Lei e da Ordem. É uma vida completamente diferente", disse.

Ele afirmou que é um "tributo que se exige de todos para que se possa bem cumprir essa missão. É uma classe tão maravilhosa que nos momentos mais difíceis da nação sempre esteve ao lado do povo".

Bolsonaro afirmou ainda desconhecer críticas sobre o reajuste de salários para a categoria e disse que dar os mesmos direitos a militares na Previdência fará com que o custo suba muito.

O presidente participou de um almoço em Brasília para comemorar o aniversário do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Walton Alencar. Na saída, afirmou que não tratou sobre a reforma da Previdência com os presentes, entre eles, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) . "O momento é de dar uma relaxada, né", disse.

Questionado sobre o fato de que um general aposentado possa ganhar mais que o seu salário, Bolsonaro afirmou não estar preocupado com o quanto recebe atualmente. "Estou servido ao País", disse.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

atenção, acionista

Carrefour paga R$ 175 milhões em juros sobre capital próprio e altera valor de dividendos

Cifra equivale a R$ 0,088148225 por ação em circulação; também anunciou uma modificação do valor por ação dos dividendos aprovados em abril, de R$ 0,382372952 para R$ 0,382361396

maior apetite por risco

Empresas do Brasil captam US$ 4,6 bilhões; montante deve aumentar com ofertas de Stone e Light

Emissores brasileiros haviam paralisado planos de captar no exterior nos últimos meses, em meio à turbulência interna com a pandemia e o aumento do juro norte-americano

em meio ao aumento de consumo de frango

SuperFrango, de Goiás, retomará IPO de R$ 1 bilhão

Após resolver adiar a operação, a empresa fará uma apresentação mais cuidadosa de seu negócio aos analistas; oferta é estimada entre R$ 1 bilhão e R$ 1,5 bilhão

levantamento

Estatais descumprem critérios do marco do saneamento

GO Associados calculou que as companhias públicas do Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Alagoas, Maranhão, Amazonas, Pará, Piauí, Roraima, Rondônia e Amapá não atendem a todos os critérios da “etapa 1” do decreto – que prevê o cumprimento de índices mínimos dos indicadores econômicos-financeiros

questionamentos em brasília

Novo marco de saneamento é alvo de ofensiva no Supremo e no Congresso

No Supremo, mais de 20 empresas estatais que prestam hoje serviços no setor querem a volta da possibilidade de fechar os chamados “contratos de programa”, diretamente com as Prefeituras e sem licitação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies