Menu
2019-07-30T14:39:38-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Freio acionado?

Atividade industrial de SP cai 0,8% em junho na comparação com o mês anterior

Dados da Fiesp também mostram que, na série sem ajuste sazonal, houve recuo de 7,3% e de 5,6% no confronto com junho de 2018

30 de julho de 2019
14:39
Produção industrial
Imagem: José Patricio/Estadão Conteúdo

A atividade paulista teve queda de 0,8% em junho na comparação com maio, mostra o Indicador de Nível de Atividade (INA), divulgado nesta terça-feira, 31, pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), com ajuste sazonal.

Na série sem ajuste sazonal, houve recuo de 7,3% e de 5,6% no confronto com junho de 2018. Entretanto, no acumulado de 2019, tem alta de 1,1%.

Conforme a Fiesp, a principal influência para o recuo de 0,8% no mês decorre do declínio de 2,7% nas vendas reais e de retração de 0,1% das horas trabalhadas pela produção.

Já os salários médios reais e o Nível de Utilização da Capacidade Instalada subiram 0,6% e 0,4%, respectivamente.

O segundo vice-presidente da Fiesp, José Ricardo Roriz, afirma que apesar da queda do INA em junho, há percepção da redução do nível de incerteza com a aprovação de reformas e estímulos econômicos, que tendem a colaborar para um desempenho melhor da indústria paulista no segundo semestre.

Além da aprovação da reforma da previdenciária recentemente na Câmara em primeiro turno, há uma série de reformas que estão em andamento, como a tributária, a da liberdade econômica, além das ações de estímulos econômicos - como a liberação do saldo das contas ativas e inativas do FGTS.

"Essas medidas são essenciais para que a indústria paulista tenha um segundo semestre melhor. Sem essas ações, na melhor das hipóteses, iremos repetir o resultado do ano passado", disse.

Sensor

O indicador Sensor Fiesp sinaliza para a continuidade do quadro de fraqueza da indústria paulista em julho.

A pesquisa Sensor deste mês seguiu pelo terceiro mês consecutivo abaixo dos 50 pontos ao marcar 47,5 pontos, queda de 1,5 pontos, na leitura com ajuste sazonal.

Diante da provável aprovação da reforma da Previdência e da redução do nível de incerteza, o setor industrial deverá ganhar tração ao longo do segundo semestre, estima em nota a entidade.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

FOI BOM

Gerdau registra maior Ebitda desde 2008 no 3º trimestre

Aumento das vendas no mercado interno e depreciação do real ante o dólar puxa desempenho da siderúrgica para cima

Mercados hoje

Dólar supera os R$ 5,70 e Ibovespa tem queda de 2% com cautela no exterior e Copom no radar

O avanço da covid-19 no exterior mina qualquer chance de recuperação dos mercados internacionais. A agenda doméstica cheia também pressiona os negócios

Disputa parece longe do fim

Ser Educacional não desiste e recorre de decisão que invalida acordo com Laureate

A companhia afirma se manter certa de seus direitos e diz que tomará todas as medidas cabíves para manter o acordo inicial válido

ATENÇÃO, ACIONISTA

Petrobras altera política de remuneração para pagar dividendos mesmo em caso de prejuízo

Administração poderá propor o repasse de proventos, mesmo sem a apuração de lucro, caso se verificar redução da dívida líquida nos 12 meses anteriores

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

11 notícias para começar o dia bem informado

Começo esta newsletter sem delongas: fique ligado hoje no Seu Dinheiro, pois será um dia importante para os mercados. Os investidores aguardam com expectativa números que serão conhecidos após o fechamento do pregão. Estou falando da decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) sobre a taxa básica de juros, a Selic, e também dos balanços de […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies