2019-04-05T09:54:50-03:00
Estadão Conteúdo
Dados divulgados pela IATA

Tráfego aéreo mundial de passageiros cresce 6,5% em 2018

Nas rotas internacionais, Europa e Ásia Pacífico foram destaque e apresentaram os maiores aumentos no fluxo de passageiros

7 de fevereiro de 2019
14:41 - atualizado às 9:54
aeroporto
Considerando apenas o mês de dezembro, a demanda mundial aumentou 5,3% - Imagem: Shutterstock

A demanda aérea mundial (medida em número de passageiros por quilômetro voado, ou RPK) expandiu 6,5% em 2018 ante o ano anterior, informou a Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, na sigla em inglês). O resultado representa uma desaceleração ante o crescimento de 8% de 2017.

Considerando apenas o mês de dezembro, a demanda mundial aumentou 5,3% na comparação com o mesmo mês de 2017. Esse foi o menor ritmo de crescimento mensal desde janeiro de 2018.

Para a entidade de companhias aéreas, o indicador demonstrou uma tendência de desaceleração no segundo semestre do ano passado, período em que o ritmo de crescimento anualizado foi da ordem de 5% versus um ritmo que era de 9% na primeira metade do ano.

Ainda em dezembro, a oferta de assentos (assentos-quilômetros ofertados, ou ASK) aumentou 6,1% ante igual mês de 2017. Com isso, a taxa de ocupação dos voos caiu 0,6 ponto porcentual (p.p.), para 80,4%.

O tráfego de passageiros em rotas internacionais subiu 5.5% em dezembro, com aceleração em grande parte do mundo. Na abertura por regiões, Europa e Ásia Pacífico mostraram os maiores avanços no indicador (8,0% e 6,3%, nessa ordem).

Já nos mercados domésticos, o fluxo aéreo subiu 5% no comparativo anual. No Brasil, a Iata calcula que a demanda tenha crescido 3,4%.

"Os volumes de passageiros evoluíram num ritmo mais fraco na comparação com anos anteriores, afetados pela greve no Brasil no meio do ano assim como pelo cenário econômico em importantes economias da América Latina, escreve a entidade.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Resultados

João Doria vence prévias e será candidato à presidência pelo PSDB; Em discurso, manda recado à Lula e Bolsonaro e faz aceno para 3ª via

“Ninguém faz nada sozinho. Precisamos da ajuda de todos. Da união do Brasil. Da união do PSDB. Da união com outros líderes e partidos”, afirmou

Décimo Andar

O mercado imobiliário americano segue vencedor: confira uma nova opção na B3 para investir na área

Mesmo com a perspectiva de aumento dos juros no exterior, o mercado imobiliário americano segue forte na alta dos preços; veja um ativo para investir sem sair da B3

NOVATA NA FINAL

Não estranhe: patrocinadora da final entre Palmeiras e Flamengo é a nova corretora de criptomoedas do Brasil; conheça Crypto.bom

A exchange resolveu investir no segmento de esportes e patrocina Fórmula 1, NBA e até o campeonato europeu

Raio-X

Análise: Por que a alta da inflação pode ameaçar o pacote de infraestrutura de Joe Biden?

O presidente americano tem ambiciosos planos pela frente, mas a alta da inflação e gargalos estruturais da economia podem alterar o rumo

A SEMANA EM GRÁFICOS

Covid-19 pressiona aéreas, turismo, Ibovespa e bitcoin, mas inflação avança no mundo: entenda a última semana com estes gráficos

As companhias aéreas sofreram perdas significativas na bolsa esta semana e nem o bitcoin (BTC) conseguiu se salvar