Menu
PUBLICAÇÕES SOBRE
Companhias Aéreas
Publicações
Enfim, a decisão

Azul fecha acordo para a compra da TwoFlex por R$ 123 milhões

Proposta já havia sido comunicada ao mercado em 14 de janeiro deste ano, mas só agora foi definida

sinal verde

Anac autoriza Virgin Atlantic, do bilionário Richard Branson, a operar no Brasil

Segundo o órgão regulador, a empresa manifestou interesse em voar, a partir de março deste ano, entre as cidades de Londres e São Paulo.

em relatório

Impacto do coronavírus em receita de aéreas na Ásia pode ser de US$ 28 bilhões, diz associação

Para empresas fora da região, a entidade estima um impacto nas receitas de aproximadamente US$ 1,5 bilhão

Impostos

Decreto para zerar tributo em querosene de aviação sai neste ano, diz Secretário

O governo vai editar um decreto para zerar, a partir de 2021, a incidência de PIS/Cofins sobre o combustível utilizado em aeronaves.

Concorrência dura

Aéreas de baixo custo enfrentam dificuldades e já pensam em deixar o Brasil

Eficiência de Gol, Latam e Azul é um desafio para que as aéreas de baixo custo consigam se tornar mais relevantes nos voos

consequências da nova legislação

Aérea espanhola pede para operar voos regionais no Brasil, diz Anac

Chegada da Air Nostrum é consequência direta da aprovação de até 100% de capital estrangeiro em companhias que operam voos domésticos; Air Europa já tem autorização

Ora, pois!

Azul celebra acordo de cooperação comercial com a aérea portuguesa TAP

Operação foi aprovada pelos acionistas da Azul no dia 9 de dezembro e será submetida para aprovações regulatórias

Meta ambiciosa

Azul pretende chegar a 200 destinos nacionais nos próximos 3 a 4 anos

Presidente da companhia aérea apresentou os planos de expansão da empresa ao secretário executivo do Ministério da Economia

Depois de forte alta

Mercado vê espaço para queda de preço de tarifa aérea e prevê alta na demanda

Elevação nos preços ajudou as empresas a melhorarem seus resultados financeiros, que vinham muito fracos desde o início da crise

atenta ao calendário

Refém da crise da Boeing, Gol conta com solução até março

Sem o 737 Max, executivo da aérea destacou o intervalo de dois meses entre abril e julho para definir as medidas que a empresa vai adotar para o período de alta temporada

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements