Menu
2019-12-19T17:27:55-03:00
Otimismo no radar

CNI aponta crescimento da confiança de empresários a construção em novembro

Levantamento mostra um leve recuo nos indicadores de produção, mas o índice de intenção de investimento atingiu 42,2 pontos

19 de dezembro de 2019
16:34 - atualizado às 17:27
Prédios em construção
Imagem: Shutterstock

A confiança dos empresários do setor da construção aumentou em novembro em relação a outubro. É o que mostra a Sondagem Indústria da Construção, divulgada nesta quinta-feira, 19, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

O levantamento mostra um leve recuo nos indicadores de produção, mas o índice de intenção de investimento atingiu 42,2 pontos contra 37,9 pontos registrados em outubro, o que mostra esse otimismo em relação aos rumos do setor.

O indicador da Sondagem varia de zero a 100 pontos e, quanto maior o valor, maior é a disposição do empresário de investir.

"A confiança dos empresários aumentou, impulsionada pelas condições da empresa, principalmente. Os números mostram otimismo em relação aos rumos do setor", afirma a economista da CNI Dea Fioravante, em nota divulgada pela entidade.

O indicador que mostra que o nível de atividade recuou para 49 pontos em novembro, ante 49,9 pontos. O índice de número de empregados caiu de 48,5 pontos para 47,4 pontos.

"O resultado era esperado, uma vez que o período entre novembro e janeiro é usualmente de baixa atividade para o setor, com registros históricos de desaceleração", diz a CNI.

Expectativas

O indicador que mede a expectativa de nível de atividade aumentou 2,4 pontos na comparação entre novembro e outubro, atingindo 57,3 pontos e os de novos empreendimentos e serviços atingiu 56,6 pontos, com alta de 2,7 pontos.

Com relação a compras de insumos e matérias-primas, as expectativas também melhoraram, o índice subiu 2,5 pontos na comparação mensal e 3,9 pontos na comparação anual, atingindo 56,7 pontos.

A Sondagem da Construção foi feita de 2 a 11 de dezembro com 469 indústrias do setor.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

No país do juro baixo

BTG, XP ou B3? Goldman Sachs aponta ação favorita para surfar crescimento do mercado de capitais

As três empresas estão entre as vencedoras do processo de desenvolvimento do mercado de investimentos no país. Mas a ação favorita dos analistas do banco norte-americano é a do BTG. Saiba por quê

balanço da crise

Abertura de novas empresas cai 23% no 2º trimestre, diz Boa Vista

Por setores, a pesquisa mostra que as empresas de serviços representaram 61,5% do total de novos negócios criados no segundo trimestre

Expansão recorde

PMI industrial sobe para 58,2% em julho ante 51,6 em junho, diz IHS Markit

O resultado ficou quase seis pontos acima do nível de junho, quando havia atingido 51,6, na série com ajuste sazonal

ajuste da estatal

Petrobras reduz preço de gás para distribuidoras em 48% em dólar e 35% em reais

Redução no preço reflete os novos contratos de venda com as distribuidoras em que o preço da molécula de gás está atrelado à variação do preço do petróleo no mercado internacional

novidades na bolsa

Eztec e PetroRio são novidades no Ibovespa, mostra prévia; Magazine Luiza aumenta participação

B3 ainda divulga mais duas prévias; renovação da carteira com as maiores ações do Ibovespa é válida entre setembro e dezembro, levando em conta os papéis mais negociados nos últimos 12 meses

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements