Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2018-12-17T16:07:51-02:00
Estadão Conteúdo
Confiança dos industriais

Pesquisa CNI mostra empresário mais otimista neste fim de ano

Índice de confiança medido pela confederação está 5,5 pontos acima do registrado em dezembro do ano passado

17 de dezembro de 2018
16:07

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei) registrou aumento de 0,6 ponto em dezembro, na comparação com novembro, atingindo 63,8 pontos, o maior valor desde junho de 2010. Assim, o índice está 5,5 pontos acima do registrado em dezembro do ano passado e 9,6 pontos acima da média histórica, segundo a pesquisa divulgada nesta segunda-feira, 17, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Os indicadores da pesquisa variam de zero a cem pontos, sendo que, quando estão acima de 50 pontos, mostram que os empresários estão otimistas.

"A elevação ocorre após o grande aumento de confiança em novembro. O resultado mostra que os empresários terminam o ano confiantes, com expectativas positivas e percepção de melhora das condições dos negócios. Esperamos que as expectativas otimistas se confirmem, promovendo um maior aumento da atividade e do investimento", afirma o economista da CNI Marcelo Azevedo, em nota divulgada pela entidade.

Esse aumento da confiança deve-se principalmente pela melhor avaliação das condições de negócios. A pesquisa revelou que tanto o índice relativo à economia brasileira quando o relativo à empresa aumentaram.

Porte

O levantamento mostra que a confiança é maior nas grandes empresas, segmento em que o Icei ficou em 64,1 pontos em dezembro. Nas pequenas empresas, o índice foi de 63,1 pontos e, nas médias, de 63,8 pontos.

A pesquisa revela ainda que a confiança subiu em todas as regiões do País. Em comparação com dezembro de 2017, os maiores aumentos foram verificados nas regiões Sul e Sudeste.

A pesquisa foi feita entre os dias 3 e 12 de dezembro, com 2.500 indústrias.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

De onde vem o dinheiro?

Governo confirma Auxílio Brasil em R$ 400, mas sem revelar de onde vai tirar o dinheiro para bancar o benefício

O ministro da Cidadania não respondeu às perguntas da imprensa nem confirmou a fonte de renda para o novo programa social, o que é a grande preocupação dos mercados

O que vem depois da lua?

Depois do recorde: até onde vai a alta do bitcoin? Especialista em criptomoedas responde

Depois da aprovação do primeiro ETF em criptomoedas, o bitcoin (BTC) não para de subir e as estimativas são otimistas — mas os EUA podem mudar o jogo

Analistas respondem

Ações da Vale aprofundam queda com sinais ruins do relatório de produção e vendas no 3º trimestre. Hora de comprar VALE3?

Analistas apontam que, enquanto a produção foi sólida, a venda de minério de ferro veio abaixo do esperado até pelas estimativas mais conservadoras

Puxando os ETFS

Chove bitcoin, molha ETF: fundos de índice brasileiros sobem até 19% em dia de recorde do BTC

Enquanto o primeiro ETF de criptomoeda dos Estados Unidos avança tímidos 3%, na B3, o avanço é de até 19,78%

Cabo de guerra

Sem explicar origem da verba, Bolsonaro confirma Auxílio Brasil em R$ 400 e promete respeitar teto de gastos

Apesar da promessa do presidente, o governo flerta com a flexibilização do teto para conseguir arcar com o valor do benefício

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies