Menu
2018-09-24T08:12:10-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Eleições 2018

Pesquisa BTG mostra maior pedra no caminho de Bolsonaro

Nova pesquisa do BTG indica que candidato do PSL continua liderando corrida, com 33% das intenções; Fernando Haddad, do PT, tem 23%.

24 de setembro de 2018
7:44 - atualizado às 8:12
Pedra no caminho
Cenários de segundo turno mostram enfraquecimento de BolsonaroImagem: shutterstock

A nova pesquisa eleitoral do BTG Pactual divulgada na madrugada desta segunda-feira, 24, mostra um chance menor de Jair Bolsonaro (PSL) vencer a corrida já no primeiro turno.

Enquanto o presidenciável permanece estável na liderança, com 33% das intenções dos votos, Fernando Haddad (PT) foi de 16% a 23%. Ciro Gomes (PDT) caiu de 14% para 10% enquanto Geraldo Alckmin (PSDB subiu de 6% para 8%. Marina Silva permanece com 5% das intenções.

Tá mais difícil

Bolsonaro deve enfrentar uma maior pedra em seu caminho em um eventual segundo turno. No cenário entre PT e PSL, Bolsonaro se mantém na liderança com 44% dos votos, mas Haddad vem logo em seguida, com 40%. Na pesquisa anterior, era 46% e 40%, respectivamente.

Contra Ciro Gomes, Bolsonaro está tecnicamente empatado, com 43% e 41%. A margem também caiu em um embate entre Alckmin e Bolsonaro, que têm 40% e 41%, respectivamente.

Por outro lado

O candidato do PSL continua à frente em um segundo turno contra Marina, que tem 34% das intenções contra 46% de Bolsonaro.

Rejeitados

A pesquisa também indica que Marina continua com maior rejeição (60%), seguida de Henrique Meirelles (MDB), Haddad e Bolsonaro, que têm 48%.

A pesquisa ouviu 2.000 eleitores em 27 estados entre os dias 22 e 23 de setembro.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Fechou bem o ano

Petrobras tem lucro de quase R$ 60 bi no 4º trimestre e anuncia R$ 10 bi em dividendos

Alta extraordinária de 635% no lucro teve influência de itens não recorrentes de peso, mas mesmo o lucro recorrente totalizou R$ 28 bilhões, alta de 120% na comparação anual; em 2020, estatal lucrou R$ 7,1 bilhões, queda de 82% em relação a 2019

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Quanto vale a Eletrobras privatizada

Ontem à noite, o governo federal entregou ao Congresso a Medida Provisória que possibilita a privatização da Eletrobras e de quase todas as suas subsidiárias. O procedimento será feito por meio de uma capitalização que vai diluir a participação da União, que apenas manterá uma ação com poderes especiais de veto, a chamada golden share. […]

FECHAMENTO

Eletrobras dá susto na reta final, mas Ibovespa segue se recuperando do tombo recente; dólar recua

Estatais seguem se recuperando do tombo recente e a bolsa brasileira também conta com uma ajudinha do exterior

De volta ao topo

País volta a ser maior mercado de caminhão da Mercedes, que reafirma investimento

O volume supera os 24,5 mil caminhões vendidos na Alemanha, que caiu para a segunda posição no ranking de mercados globais da montadora.

Retomada

Faturamento da indústria de máquinas sobe 38,5% em janeiro em comparação anual

A expectativa é de que as vendas internas continuem positivas.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies