Menu
Luciana Seabra
Advogada do Investidor
Luciana Seabra
É CFP®, especialista em fundos de investimento e sócia da Empiricus
2019-04-20T16:09:24-03:00
BASTIDORES

Reuniões a portas fechadas fazem efeito e mercado embarca em lua de mel com o general Mourão

Hamilton Mourão tem colhido os louros de uma bem-sucedida agenda de reuniões com executivos

25 de outubro de 2018
11:26 - atualizado às 16:09
Vice-presidente Hamilton Mourão
Vice-presidente Hamilton Mourão - Imagem: Shutterstock

O general Hamilton Mourão caiu no gosto do mercado financeiro. O provável futuro vice-presidente cumpriu uma bem-sucedida agenda de reuniões com executivos, que tem rendido ecos.

"Ele é inteligente e mais centrado do que o Bolsonaro", disse para mim um executivo de um grande banco que preferiu não ser identificado, enfatizando sua capacidade intelectual: "chegar a general exige uma formação sólida". Segundo ele, o consenso entre os sócios do banco depois de um encontro a portas fechadas foi que Mourão surpreende.

Ontem, em um jantar que reuniu o alto escalão do mercado, ouvi até mesmo de um economista bastante preocupado com o futuro político e econômico do país sob Bolsonaro, algo na mesma linha: "nas reuniões com o mercado, o general tem se mostrado melhor do que as pessoas pensam".

Em conversas a portas fechadas, segundo ouvi de uma fonte, Mourão fala que não se pode fugir da reforma da previdência o quanto antes e também defende investimentos em infraestrutura. "Pressionado, em coletivas, ele fala umas besteiras, mas quem não tem um tio mais velho que fala coisas retrógradas? E você não gosta menos dele por causa disso", disse.

Parece que Mourão tem de fato conseguido derrubar uma primeira má impressão. Quando o nome dele foi anunciado como vice de Bolsonaro, nas rodas de mercado o comentário era a decepção quanto à não escolha de Luiz Philippe de Orleans Bragança. Comenta-se que o recém-eleito deputado federal por São Paulo é cotado para o Ministério das Relações Exteriores (você pode ler uma conversa dele com o Seu Dinheiro aqui).

Cumprida a missão, o general tem ficado mais quieto nos últimos dias. Não gosta de falar no assunto publicamente, mas pelo que se conta embarcou em outra lua de mel: com uma tenente-coronel do exército, com a qual empreende seu segundo casamento.

Quer receber notícias por e-mail? Clique aqui para receber a nossa newsletter.

Leia também:

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Boletim médico

Covid-19: Brasil tem 154 mil mortes e 5,27 milhões de casos acumulados

Atualmente há 397.524 pacientes em acompanhamento. De acordo com o Ministério da Saúde, 4.721.593 pessoas já se recuperaram da doença.

aperte o play

Netflix: 5 números que você precisa conhecer do resultado do terceiro trimestre

Spoiler: os investidores não gostaram do que viram… #SeuDinheiro

Mudanças no time

Weg anuncia renúncia de diretor de finanças e relações com investidores

A companhia divulga os seus resultados do terceiro trimestre na próxima quinta-feira (22)

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

A bolsa voltou aos 100 mil pontos. Agora pra ficar?

A trilha sonora do mercado nesta terça-feira podia ser O Portão, o clássico de Roberto Carlos do refrão “Eu voltei, agora pra ficar. Porque aqui, aqui é o meu lugar…” O Ibovespa retomou o patamar dos 100 mil pontos depois de pouco mais de um mês. Difícil é dizer se a volta será definitiva. Em outubro, […]

Prévias operacionais

Cyrela tem crescimento de 46% em lançamentos e 58% em vendas no 3º trimestre

Segundo as prévias operacionais, construtora lançou R$ 2,589 bilhões e vendeu R$ 2,456 bilhões no período

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies