Menu
2020-07-29T13:10:21-03:00
Estadão Conteúdo
vice-presidente

Governo precisa buscar soluções para problemas fiscais e sociais, diz Mourão

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou em entrevista por videoconferência ao jornal Diário de Pernambuco que o governo federal precisa buscar soluções para problemas fiscais e sociais

29 de julho de 2020
13:10
Hamilton Mourão
Imagem: Valter Campanato/Agência Brasil

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou em entrevista por videoconferência ao jornal Diário de Pernambuco que o governo federal precisa buscar soluções para problemas fiscais e sociais. "Temos que buscar soluções que caibam dentro do espaço fiscal para que as pessoas continuem a participar do mercado de trabalho e tenham uma renda mínima para satisfazer parte das suas necessidades", disse.

Para o vice, existe hoje no Palácio do Planalto a "exata compreensão" de que levará tempo para recuperar empregos formais perdidos em meio à crise econômica. "Um grande número de trabalhadores informais também levará tempo para se reconstruir", completou.

No primeiro semestre do ano, o Brasil perdeu 1,198 milhão de vagas de emprego com carteira assinada, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados na terça-feira, 28, pelo Ministério da Economia.

Questionado sobre a possibilidade de reeleição do presidente da República, Jair Bolsonaro, Mourão respondeu que o trabalho que o governo federal vem realizando "dará bons frutos" e chefe de governo "chegará a 2022 extremamente competitivo".

O vice apontou para o objetivo de solucionar "os dois grandes problemas econômicos" da busca pelo equilíbrio fiscal e da baixa produtividade. Ele mencionou ranking de 18 países em que o Brasil ocuparia a última posição. Mourão relatou que algumas agendas do governo federal "pararam" por causa da pandemia, mas a reforma tributária está sendo "retomada".

"Ao mesmo tempo, temos que avançar na segurança pública, educação e saúde. São essas vertentes em que nosso governo tem de ser positivo para que não haja retorno de visão anterior", disse ele, em referência à gestão por mais de 20 anos de governantes do PSDB e do PT.

Agenda ambiental

O vice-presidente afirmou ainda que o governo federal tem de fazer a sua parte no combate ao desmatamento na Amazônia para "deixar claro" que está "comprometido" com a agenda ambiental. Na sua visão, se isso se concretizar, "as pressões internacionais devem cessar".

"Num primeiro momento, estamos atuando com medidas voltadas para a questão da proteção e preservação para impedir avanços das ilegalidades como desmatamento, queimadas e garimpo ilegal", disse o vice, que comanda o Conselho Nacional da Amazônia Legal.

Mourão acrescentou que o governo está "buscando soluções que vão permitir desenvolvimento sustentável para aquela região, explorando a riqueza da biodiversidade amazônica".

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

mal entendido

Guedes nega atritos com o presidente do Banco Central

Na quinta-feira à noite, quando falava sobre a aprovação da Lei de Falências, Guedes ficou irritado com uma pergunta sobre perda de credibilidade pelo mercado financeiro e as críticas de que não tem plano para a economia

agora vai?

Acordo sobre reforma tributária está perto, diz autor de PEC

Em entrevista recente ao Seu Dinheiro, a assessora especial do ministro da Economia, Vanessa Canado, afirmou que a aprovação da proposta depende apenas de um acordo político.

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta sexta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Integração

Itaú vai estender consultoria de investimentos a clientes de varejo

Tratamento personalizado hoje dispensado a clientes Personnalité e private será estendido mesmo aos clientes de menor renda

sem gás

Petrobras rejeita proposta da subsidiária da Cosan pela Gaspetro

Oferta da Compass por 51% da distribuidora de gás natural não qualifica para próxima etapa de processo de desinvestimento

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies