Menu
2019-06-06T08:39:49+00:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
tem espaço pra mais

Mais um unicórnio: brasileira Loggi confirma aporte de US$ 150 mi e agora é avaliada em US$ 1 bi

Ao contrário de outras iniciativas do mesmo setor, como iFood e Rappi, que voltam sua operação a entregas expressas, o forte da empresa são envios de documentos e comércio eletrônico

6 de junho de 2019
8:36 - atualizado às 8:39
loggi
Ao contrário de empresas como iFood e Rappi, que voltam sua operação a entregas expressas, o forte da Loggi são envios de documentos e comércio eletrônico. - Imagem: Loggi/ Divulgação/ Instagram

O setor de entregas vai tão bem no País que vem dele o mais novo unicórnio. A startup Loggi confirmou ter recebido uma nova rodada de investimentos de US$ 150 milhões, liderada pela SoftBank e pela Microsoft.

Com o aporte, a empresa passou a ser avaliada por fundos estrangeiros (como GGV, Fifth Wall e Velt Partners, também participaram da rodada de investimentos) em US$ 1 bilhão. 

Ao contrário de empresas como iFood e Rappi, que voltam sua operação a entregas expressas, o forte da Loggi são envios de documentos e comércio eletrônico. A empresa atua também na entrega de refeições com parceiros específicos, como McDonald’s, por exemplo, numa área menor.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Os recursos, segundo a startup, serão utilizados para desenvolver o time de pesquisa e desenvolvimento da Loggi. Em comunicado, a empresa diz que pretende montar uma equipe com mais de mil funcionários na área de tecnologia - em especial, em inteligência artificial e robótica.

Ao todo, hoje a startup tem cerca de 700 pessoas. Num futuro próximo, almeja chegar a 1,5 mil.

Entrega no dia seguinte

Outro objetivo da empresa é promover, para todo o território brasileiro, o que chama de "entrega no dia seguinte" - o usuário faz uma compra pela internet em um dia e recebe o produto no próximo.

Hoje, a empresa faz 100 mil entregas diárias no País, único mercado no qual atua - em 2017, realizava metade disso. Nos próximos cinco anos, a meta é de chegar a até 5 milhões de entregas diárias.

Atualmente, a Loggi consegue enviar entregas a partir de 23 cidades ou macrorregiões brasileiras, com 25 mil entregadores espalhados pelo País.

Sexta vez é ainda melhor?

ALoggi já levantou seis rodadas de aportes, cuja soma chega a US$ 295 milhões. Entre os investidores da empresa, há ainda fundos como Monashees, Kaszek Ventures e Qualcomm Ventures.

Em outubro, o Vision Fund, também liderado pelo grupo japonês, aportou US$ 100 milhões na startup brasileira. Foi o primeiro investimento da japonesa no País, antes de iniciar o Innovation Fund, que vai aportar US$ 5 bilhões em startups latinas nos próximos anos.

A reportagem do jornal Estadão informa que procurou pela SoftBank, que não comentou o novo investimento.

Sem surpresas

Para o empreendedor Felipe Matos, autor do livro 10 Mil Startups, o movimento não surpreende - estudos recentes, como o realizado pelo Distrito Fintech, já apontavam a empresa como potencial unicórnio.

"É algo que demonstra a força do uso de tecnologia no setor de entregas no Brasil, que ainda tem muito o que crescer", diz Matos.

O especialista lembra que a empresa é o terceiro unicórnio que surge do setor - o iFood e o Rappi, que é colombiano,  também ocupam espaço das entregas.

Na visão de Amure Pinho, presidente da Associação Brasileira de Startups (ABStartups), o investimento mostra que o setor de entregas "está longe de estar saturado" e que a "era dos unicórnios no Brasil só começou".

*Com informações do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

De volta à velha política

Governo se rende às indicações políticas para aumentar base

Presidente foi convencido por ministros da área política de que premiar partidos leais a suas propostas seria a única forma de aprovar reformas

Grandes planos

“Vamos lançar nosso banco digital em mil lojas antes da Black Friday”, diz CEO da Via Varejo

Roberto Fulcherberguer tem trabalhado para que o sistema de vendas pela web esteja tinindo para a próxima Black Friday

Passou!

Centauro aprova plano de outorga para opção de compra de ações neste ano

Plano prevê que a quantidade máxima de ações vinculadas será de 7.943.848

Seu Dinheiro no domingo

Quanto rendeu o Seu Dinheiro em um ano?

Você sabe quanto o Seu Dinheiro rendeu em um ano? Não estou falando aqui do montante que você tem aplicado no banco. Mas do Seu Dinheiro mesmo, esse projeto independente de jornalismo e educação financeira que eu coordeno junto com a Olivia Alonso e que tem um time de feras como o Vinícius Pinheiro, o […]

Olhe e copie

5 coisas inteligentes que pessoas com consultores financeiros fazem com o próprio dinheiro que lhes dão uma vantagem

Nem todos querem ou podem pagar um planejador financeiro próprio. Mas que tal dar uma espiada no que eles andam aconselhando?

Enquanto isso, na Assembleia da ONU...

Promessa de ‘afagos’ teria convencido Bolsonaro a aceitar jantar com Trump

No pacote de gestos, a expectativa de auxiliares do Planalto é que Bolsonaro sente-se próximo de Trump

Poucos amigos

Major Olímpio diz que há estratégia no Congresso para desgastar Bolsonaro

Senador afirmou que parlamentares “votam projetos absurdos e depois jogam no colo do presidente a questão de vetar ou não esses dispositivos”

Série: os mais ricos do Brasil

Abilio Diniz: um bilionário bom de briga

Ele transformou a pequena doceria do pai na maior rede varejista do país e aos 82 anos continua na ativa

Papo de poder

Maia conversa com Bolsonaro sobre pauta de votações da Câmara para próxima semana

Entre os itens da pauta está o projeto de lei que trata do registro, posse e comercialização de armas

Após operação da PF

Governo Bolsonaro já avalia substituto para líder no Senado

Dois nomes cogitados para ocupar o cargo de Fernando Bezerra Coelho devem ser discutidos por aliados com o presidente quando ele retornar dos Estados Unidos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements