Menu
Imposto de Renda 2019
2019-04-26T17:39:03-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Renda fixa

Como declarar Tesouro Direto no imposto de renda

Como qualquer outra aplicação financeira, títulos públicos precisam ser informados na declaração; jeito de declarar é o mesmo de outros investimentos em renda fixa

13 de março de 2019
5:30 - atualizado às 17:39
Imposto de Renda 2019 - IR 2019 - Leão
Imagem: Pomb

Se você é obrigado a declarar IR este ano e investe no Tesouro Direto, você deverá informar os seus títulos públicos na declaração. Caso você tenha dúvidas sobre como fazer isso, não se preocupe. A seguir eu explico como declarar Tesouro Direto no imposto de renda 2019.

Como qualquer outra aplicação financeira, títulos públicos precisam ser declarados, sejam eles adquiridos via Tesouro Direto ou na mesa de operações da corretora.

Títulos públicos são títulos de renda fixa com rendimentos tributados exclusivamente na fonte. Por rendimentos, me refiro ao retorno obtido no vencimento, aos juros semestrais dos títulos que pagam cupom e ao ganho com a eventual valorização do título em caso de venda antecipada.

Em 2019, é preciso informar todos os rendimentos de títulos públicos e os saldos investidos maiores que R$ 140 em 31 de dezembro de 2018.

Lembrando que, dependendo do valor, investimentos em títulos públicos podem, sozinhos, obrigar um contribuinte a declarar em 2019.

São obrigados a entregar a declaração de IR neste ano todos os contribuintes que tinham, em 31 de dezembro de 2018, bens em valor superior a R$ 300 mil, bem como aqueles que auferiram rendimentos isentos ou tributáveis na fonte em valor superior a R$ 40 mil durante o ano passado. Veja como declarar outros bens no imposto de renda.

Isso significa que quem tinha mais de R$ 300 mil em títulos públicos ou recebeu mais de R$ 40 mil em rendimentos desses investimentos fica obrigado a entregar a declaração de imposto de renda 2019, ainda que não se enquadre em outras regras de obrigatoriedade.

Como declarar Tesouro Direto no imposto de renda 2019

A declaração de títulos públicos é feita da mesma maneira que a de outros títulos de renda fixa. O saldo deve ser informado na ficha de Bens e Direitos, sob o código 45, referente a aplicações de renda fixa em geral.

No campo “Discriminação”, informe que se trata de títulos públicos, bem como o nome da corretora, o número da conta e, se for conjunta, o nome e o CPF do co-titular. No campo CNPJ, informe o da instituição financeira.

Os campos “Situação em 31/12/2017” e Situação em 31/12/2018” devem ser preenchidos de acordo com os valores discriminados no informe de rendimentos.

Caso você tenha auferido rendimentos com títulos públicos em 2018 - em função da venda ou do vencimento dos títulos, ou ainda pelo pagamento de cupom -, esses recursos devem ser informados na ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva. O código apropriado é o 06, “Rendimentos de aplicações financeiras”.

Informe se os rendimentos foram recebidos pelo titular da declaração ou por um de seus dependentes. Declare, ainda, o nome do beneficiário, o CNPJ da instituição financeira e o valor recebido.

Veja como declarar investimentos no imposto de renda 2019 e saiba tudo sobre como declarar imposto de renda.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

reputação melhor

S&P eleva perspectiva de crédito da Petrobras

Agência alterou de estável para positiva a perspectiva dos ratings de todas as entidades corporativas e de infraestrutura cujos níveis de risco são direta ou indiretamente limitados pelo rating soberano

mais próximo do brexit

Boris Johnson vence eleições no Reino Unido

Primeiro-ministro, que havia sucedido Theresa May na missão de liderar o Brexit num movimento interno do Parlamento, agora tem a chancela eleitoral

A Bula do Mercado

Mercado comemora fim das incertezas

Vitória de Boris Johnson nas eleições, abrindo caminho para o Brexit, e progresso em direção a acordo comercial limitado entre EUA e China embalam os mercados

Olhe para eles com carinho

Fundos de investimento podem abrir as portas de uma festa para a qual não te convidaram

Ofertas públicas de ações, debêntures e outros ativos estão bombando, mas boa parte delas não é aberta às pessoas físicas. Mas você pode conseguir pegar carona num fundo de investimento…

INVESTIMENTOS

Suzano anuncia investimentos de R$ 4,4 bilhões em 2020

Além disso, a Suzano vai investir mais R$ 400 milhões em aquisição e/ou formação de terras e florestas

acordo EUA x CHINA

Casa Branca sinaliza que assinará acordo comercial limitado entre EUA e China

Trump se reuniu com importantes assessores econômicos e comerciais por uma hora nesta quinta-feira. A fonte disse que o acordo pode ser confirmado já nesta sexta-feira

INVESTIMENTOS

Para Freitas, decisão da S&P é “excelente” para atrair investimentos

O ministro prevê que a melhora de perspectiva para o Brasil pelas agências de rating vai impulsionar investimentos para as mais de 40 concessões que pretende vender em leilões em 2020

seu dinheiro na sua noite

Café com gosto amargo para a B3

Estive na manhã de hoje em um evento promovido pela bolsa brasileira B3 com advogados, representantes de bancos e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a xerife do mercado de capitais brasileiro. Com o Ibovespa alcançando mais um recorde hoje, em meio a um volume histórico de ofertas de ações realizadas no mercado brasileiro, 2019 […]

112.199,74 pontos

Copom, S&P e Trump dão força ao mercado e fazem o Ibovespa quebrar novos recordes

Impulsionado pelo corte na Selic, pela visão otimista da S&P em relação ao Brasil e pela perspectiva de acerto entre EUA e China, o Ibovespa rompeu o nível dos 112 mil pontos pela primeira vez

PROBLEMAS NO BALANÇO

Via Varejo confirma fraude contábil, com impacto de até R$ 1,4 bilhão no resultado do 4º trimestre

Segundo o documento, houve manipulação da provisão trabalhista da companhia e diferimento indevido na baixa de ativos e contabilização de passivos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements